Eleição no River · 12/02/2021 - 15h27 | Última atualização em 13/02/2021 - 02h29

Justiça Comum decreta intervenção na agremiação tricolor


Compartilhar Tweet 1



Os desentedimentos entre riverinos continuam. Uma verdadeira "guerra civil" se estabeleceu no clube riverino. Antagonistas ao atual presidente Genivaldo Campelo, acusado de corrupção, entraram na Justiça Comum e conseguiram colocar o clube sob intervenção . O interventor tem poderes para responder pelo clube junto a Federação de Futebol, Confederação Brasileira e outras esferas que se fizerem  necessárias, inclusive convocando os sócios para uma nova eleição em prazo de 30 dias. Significa dizer que o interventor é  quem vai decidir se o clube participa ou não  do Campeonato Piauiense que começa  dia 20 de fevereiro.

Mais uma vez a Federação  de Futebol deixa seu filiado órfão em um assunto que poderia ser resolvido na Justiça  desportiva sem interventores que não são do ramo do desporto federado. A sensação é que o River vai se tornar um Vasco Da Gama se tudo não for resolvido  com urgência.  

Comentários