Gilbués · 21/08/2020 - 13h05 | Última atualização em 21/08/2020 - 17h21

Vídeo: com prefeitura trancada e cercado por populares, Léo Matos é impedido de retornar ao cargo


Compartilhar Tweet 1



Após a decisão do Desembargador Erivan Lopes, que determinou o retorno imediado de Leonardo de Morais Matos ao cargo de prefeito do município de Gilbués nesta quinta-feira (20/08), as duas assessorias - a do prefeito interino Paulo Henrique Mascarenhas e de Leo Matos - acertaram a transição para ás 11h da manhã desta sexta-feira (21/08). As informações são do Portal Corrente.

Ao chegar às portas da prefeitura, Leo Matos e sua equipe se depararam com as portas trancadas e total ausência de informações sobre o motivo.

Cercado por populares, Matos reivindicou, o seu retorno ao cargo e disse que a situação é inadmissível.

Mais uma vez, a quadrilha que estava instalada aqui na prefeitura por meio de um golpe fugiu, eles estão foragidos, isso é um absurdo, nós estamos num estado democrático de direito, fui eleito pelo povo!

Ele encerra a sua fala afirmando que não vai negociar com vereadores, um recado claro para a oposição.

Apesar da crescente pressão da população para a transição, Leo Matos declarou que não vai quebrar cadeados, nem arrombar a prefeitura, e pediu calma e paciência aos presentes, pois vai retornar ao cargo pelos meios judiciais.

    FOTO: Reprodução
Não vamos apelar ao vandalismo para reivindicar o que a Justiça determinou que deverá ser feito
    FOTO: Reprodução

 

 


Fonte: Portal Corrente

Comentários