Geral

Vão ficar internados no HU · 14/01/2021 - 11h00 | Última atualização em 04/02/2021 - 10h21

Saúde: Teresina receberá 30 pacientes com Covid-19 de Manaus (AM); chegarão em avião da FAB

São 11 ambulâncias disponibilizadas para o transporte dos pacientes, sendo duas avançadas e nove básicas


Compartilhar Tweet 1



Matéria atualizada às 14h36

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) informou que o avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que vai trazer de Manaus (AM), 30 pacientes em tratamento contra a Covid-19, para o Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU-UFPI) em Teresina, só vai pousar no aeroporto às 18h. A previsão anterior era que os pacientes chegassem às 13h.

Segundo nota da FMS, problemas de logística no abastecimento de oxigênio no avião sofreu um atraso.

Nota

A Fundação Municipal de Saúde informa que, em função de problemas de logística no abastecimento de oxigênio no avião da Força Aérea Brasileira que traria os pacientes de Manaus/AM para Teresina, o vôo sofreu um atraso e sua chegada está prevista para as 18h.

Teresina vai receber 30 pacientes com coronavírus de Manaus

Equipes do Ministério da Saúde estão em Manaus (AM) remanejando pacientes com Covid-19 para cidades brasileiras que têm suporte em saúde para recebê-los. Ao todo, 30 pacientes chegarão em Teresina nesta quinta-feira (14) no Aeroporto Senador Petrônio Portella, em avião da Força Aérea Brasileira.

Na madrugada desta quinta-feira (14), o ministro da saúde, Eduardo Pazuello, entrou em contado com o presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque, informando que enviaria os pacientes COVID para Teresina.

 

    Crédito: UFPI

“Já organizamos a logística de recebimentos dos pacientes. Ambulâncias avançadas, equipe de triagem, oxigênio, máscaras, cadeiras de rodas, apoio de transporte. O Hospital Universitário irá receber os pacientes”, informou Gilberto Albuquerque.

São 11 ambulâncias disponibilizadas para o transporte dos pacientes, sendo duas avançadas e nove básicas. “Os pacientes são clínicos. Faremos a triagem deles ainda dentro do avião para analisarmos o quadro de saúde antes de realizarmos o transporte”, diz Gilberto.


Fonte: Com informações da Ascom

Comentários