Geral

Necessidade de doação urgente · 01/06/2020 - 09h30 | Última atualização em 01/06/2020 - 12h24

Piauí precisa triplicar doações de leite materno para ajudar a salvar bebês

Os estoques dos Bancos de Leite Humano do estado do Piauí estão abaixo do que é necessário


Compartilhar Tweet 1



Os estoques dos Bancos de Leite Humano do estado do Piauí estão abaixo do que é necessário para ajudar os recém-nascidos prematuros e/ou de baixo peso que estão internados em UTIs Neonatais. Atualmente, o estado possui 62 litros de leite humano pasteurizados, sendo que a quantidade ideal para ajudar 100% das crianças nascidas prematuras e/ou de baixo peso que estão internadas nas Unidades Neonatais, é de mais de 180 litros. Isso reforça a urgência e necessidade da doação do leite materno, que ajuda a salvar a vida desses bebês. 

Esse socorro acontece quando esses bebês não podem ser amamentados pela sua mãe e precisam do leite materno para uma recuperação mais rápida e crescimento mais saudável. Esse foi o caso da pequena Helena, que nasceu prematura depois que a mãe, Gisele Bortolini, teve complicações na gestação. Durante a internação, Gisele não produziu leite suficiente para amamentar e precisou da ajuda dos Bancos de Leite Humano.

“É muito difícil ser mãe de um bebê que fica na UTI, é uma luta diária pela vida e você aprende a viver o presente, o dia de hoje. Depois de um tempo eu não conseguia tirar todo o leite que minha filha precisava, continuei ordenhando e o que eu não consegui tive apoio do Banco de Leite Humano. As mães que doaram leite materno ajudaram a recuperar Helena em uma fase crucial da vida dela.”

Para se ter uma ideia do quanto a doação de leite materno pode ajudar a salvar vidas, cada pote doado pode alimentar até dez recém-nascidos por dia. Dependendo do peso dessa criança, até um mililitro já é o suficiente para nutri-lo cada vez que for alimentado. Com o leite materno, a criança se desenvolve com mais saúde e evita diversas complicações, como afirma a coordenadora de Saúde da Criança e Aleitamento Materno do Ministério da Saúde, Janini Selva Ginani.

“O bebê que recebe leite materno desenvolve menos complicações durante o período de internação, que podem levar à morte e problemas intestinais, respiratórios. Os benefícios de receber leite materno perduram por toda a vida. Crianças que receberam leite materno apresentam menor risco de desenvolver doenças crônicas como diabetes e pressão alta e apresentam melhor desenvolvimento da inteligência e das suas capacidades.” 

Toda mulher que está amamentando pode ser uma possível doadora de leite materno. Para doar, basta ser saudável e não tomar nenhum medicamento que interfira na amamentação. O Piauí conta com um Banco de Leite Humano situado na Maternidade Dona Evangelina Rosa, que é a referência no estado, além de quatro postos de coleta, sendo três em maternidades municipais da capital Teresina e um na cidade de Floriano, ao norte do estado. Todas essas unidades funcionam das 8h às 11h e das 14h às 17h de segunda até sexta-feira. Antes de realizar a doação, é preciso entrar em contato pelo telefone 0800-2802522 ou (86) 3228-2022.  

“Doe leite materno. Nessa corrente pela vida, cada gota faz a diferença". Para mais informações, ligue 136 ou acesse o site saude.gov.br/doacaodeleite.


Fonte: Agência do Rádio

Comentários