Geral

Lista foi divulgada pela Aneel · 12/04/2021 - 10h20

Piauí conquista 1º lugar em ranking nacional de cadastros da Tarifa Social

Para o governador do Piauí, Wellington Dias, a integração entre poder público e privado foi fundamental


Compartilhar Tweet 1



Uma força tarefa envolvendo Equatorial Piauí, Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Assistência Social (Sasc) e prefeituras municipais, colocou o Piauí no primeiro lugar em número de cadastros de beneficiados pela Tarifa Social no ano de 2020. O ranking nacional foi divulgado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que indicou também as demais distribuidoras do Grupo Equatorial entre as cinco melhores do país. Para celebrar o feito, será realizada, nesta terça-feira (13), em formato virtual, a partir das 11h30, a solenidade de premiação ‘’Boas Práticas de Tarifa Social de Energia Elétrica’’. O público poderá acompanhar a solenidade por meio das redes sociais do Governo do Estado (Facebook e YouTube), das redes sociais da Equatorial Piauí (Facebook e YouTube), ou ao vivo pela TV Antares, Canal 2.1.

Durante o evento, os municípios com melhor destaque, desempenho e evolução, serão premiados pelas ações de busca ativa para cadastrar potenciais beneficiados pela Tarifa Social. Na ocasião, ocorre também o lançamento da campanha “Menos Tarifa, Mais Social”, marcada pela assinatura do termo de cooperação voltado para garantir em 2021 o acesso à Tarifa Social a mais piauienses, que tem como meta alcançar 504 mil cadastros no estado.

“Sabemos o quanto a energia elétrica é essencial na vida das pessoas. Foi com essa certeza que seguimos trabalhando todos os dias de 2020, buscando soluções para enfrentar o desafio da pandemia e cadastrar piauienses com perfil para receber o benefício da Tarifa Social, que concede descontos de até 65% na fatura de energia. Tivemos que descobrir novas oportunidades para superar os desafios da pandemia e apostamos em inovação para oferecer aos nossos clientes oportunidades de acesso aos serviços de forma digital, exemplo do novo site e da Clara, que passou a realizar cadastro da Tarifa Social pelo WhatsApp”, afirma Maurício Velloso, presidente da Equatorial Piauí.

Em 2020, 475 mil famílias foram beneficiadas no estado pela Tarifa Social, o que representa, aproximadamente, cerca de 1,7 milhão de pessoas diretamente assistidas pelo auxílio. O impacto desse número gerou uma economia para as famílias de R$ 164 milhões no ano passado. Esse recurso movimentou a economia dos municípios e possibilitou que os beneficiados pudessem destiná-lo a outras necessidades importantes, como alimentação e medicamentos.

Para o governador do Piauí, Wellington Dias, a integração entre poder público e privado foi fundamental. “Quando todos se unem em prol de um objetivo, ele é alcançado de forma mais rápida e efetiva. Cada um desses piauienses beneficiados sabe o quão importante é esse benefício, principalmente neste momento de crise econômica que estamos vivendo por conta da pandemia”, disse o gestor. “Quero aqui parabenizar a equipe da Sasc, das prefeituras e da Equatorial pelo esforço e conquista empenhados”, finalizou o chefe do Executivo piauiense.

O secretário de Estado da Assistência Social, Trabalho e Direitos Humanos, Zé Santana, destaca que essa é uma ação integrada realizada de forma ímpar. “Temos concentrados nossos técnicos em trabalhos que promovam cada vez mais um número maior de cadastros, pois sabemos que neste momento tão difícil da pandemia, o benefício da Tarifa Social traria resultados significativos e imediatos para a população baixa renda. E o resultado alcançado do Piauí em 1º lugar revela o sucesso da parceria dessa ação social integrada da Sasc e Equatorial”, destaca o gestor.


Fonte: Com informações da CCom

Comentários