Geral

Via terá 4,6 km de extensão · 01/02/2018 - 09h20

Obras de nova avenida na zona Leste de Teresina tem início

A nova via terá 4,6 km de extensão e o investimento é R$ 20,64 milhões


Compartilhar Tweet 1



A Prefeitura vem buscando alternativas para desafogar o trânsito em regiões de grande fluxo na cidade. Um exemplo é a construção da Avenida Ulisses Marques, que teve suas obras iniciadas e ligará as avenidas Raul Lopes e Presidente Kennedy, ambas na zona Leste da cidade. A nova via terá 4,6 km de extensão e o investimento é R$ 20,64 milhões e contempla, além da pavimentação asfáltica, calçadas, sinalização viária e intervenções de drenagem.

“Os serviços de terraplanagem deram o pontapé da obra”, contou o gerente de obras da SDU Leste, Angelo Cavalcante. “Com o auxílio das máquinas e o material composto por piçarra, estamos fazendo a terraplanagem, que é a primeira e uma importante fase da obra. Seremos ágeis e cumpriremos o cronograma de trabalho”, garantiu o engenheiro.

Com recursos do Ministério das Cidades e convênio com a Caixa Econômica Federal (CEF), a construção da via foi inicialmente diagnosticada no Plano Diretor de Transportes Urbanos (PDTU) da cidade, elaborado em 2007. A implantação da nova via capacita a Raul Lopes para ligações viárias importantes entre zonas da cidade.

De acordo com o superintendente de Desenvolvimento Urbano Leste, João Pádua, aliado ao fator estruturante, há o fator turístico, já que a intervenção foi prevista também no Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável de Teresina. “A Raul Lopes está situada à beira rio, numa região caracterizada pela cultura de uso da margem ribeirinha para prática de esporte e lazer, além de proporcionar um novo acesso à rodovia PI-112, aos bairros Planalto, Morros, Satélite, Zoobotânico, Vale Quem Tem, Tabarajas, zona Norte, e outros”, explicou gestou.

De acordo com a SDU, a empresa responsável pela obra é a Construtora Getel Ltda. Ao todo, a obra terá prazo de execução de 12 meses. “Essa é uma via que terá grande impacto no tocante à mobilidade, portanto estamos contentes em iniciá-la. Ela é muito importante, principalmente porque dará mais opções de rotas para os motoristas e pedestres que trafegam na zona Leste e demais zonais”, disse Angelo.

“Além disso, a avenida vai impulsionar o processo de urbanização, melhorando também a segurança da comunidade local. Assim também como o acesso dos estudantes ao Centro Esportivo da UFPI”, lembrou o engenheiro.


Fonte: Com informações da PMT

Comentários