Geral

Investimento de R$ 492 mil · 16/10/2019 - 10h06

Obras de drenagem do Residencial Parque Brasil em Teresina avançam

Foram instaladas tubulações, ramais, bocas de lobo e serão inseridos, ainda, dissipadores que farão o controle da força da água


Compartilhar Tweet 1



    Ascom/SDU Centro Norte

As obras de drenagem do Residencial Parque Brasil estão avançadas e já se encontram em fase final. A galeria, que está sendo construída na Avenida Poti, fará o escoamento das águas oriundas das 1.022 unidades habitacionais destinadas às famílias reassentadas em intervenções do Programa Lagoas do Norte.

Foram instaladas tubulações, ramais, bocas de lobo e serão inseridos, ainda, dissipadores que farão o controle da força da água, para que haja o escoamento correto. O valor destinado somente para a drenagem do residencial é de R$ 491.969,36.

O Residencial, contemplado no Minha Casa Minha Vida com investimento no valor de R$1,2 milhão, terá o diferencial de ser o primeiro com drenagem e estação de tratamento de esgoto sanitário inclusos. As obras estão sendo coordenadas pela Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU Centro/Norte).

Além da construção das casas e apartamentos, a área total de aproximadamente 250 mil m² contará com a instalação de áreas verdes, quadras circulares para instalações futuras de equipamentos públicos, fornecimento de água, iluminação, além das ligações de esgotamento sanitário e drenagem da água das chuvas.

O superintendente executivo da SDU Centro/Norte, Márcio Sampaio, explica que a drenagem evitará que a área tenha problemas futuros no período chuvoso. “Esse sistema de drenagem beneficiará os moradores nos próximos períodos chuvosos, evitando transtornos e alagamentos”, pontua.

As obras iniciaram em setembro do ano passado com cronograma de conclusão em 14 meses. As unidades habitacionais apresentam uma área de 50 m², com sala, cozinha, banheiro e dois quartos e os apartamentos contêm três pavimentos. A entrega da obra está prevista para dezembro de 2019.


Fonte: Com informações da PMT

Comentários