Geral

Atenção para a Zona Rural · 14/11/2017 - 14h52

Mais de 900 pessoas foram orientadas sobre incêndios pela Defesa Civil de Teresina

A zona Rural recebeu atenção especial devido aos incêndios ocorridos em 2016


Compartilhar Tweet 1



A Defesa Civil Municipal de Teresina apresentou, nesta terça-feira (14), um balanço sobre as atividades de prevenção a incêndios realizadas desde o mês de agosto (período em que se iniciam as altas temperaturas e o risco de queimadas aumenta) até o mês de outubro. De acordo com os números repassados pelo coordenador da Defesa Civil, Marcos Rolf, mais de 900 pessoas foram contempladas nas oito palestras realizadas, em sua maioria, na zona Rural, por conta do número de queimadas que atingiu a região no último ano.

“Estamos visitando as comunidades para mostrar a realidade do Piauí, especialmente Teresina. No entorno da capital, ocorreu uma grande quantidade de incêndios no ano passado. Com o preparo, as comunidades saberão como agir em situações de princípio de incêndio, preservando o principal, que é a vida. Pretendemos visitar todas as comunidades de Teresina e levar ações como essa”, declara Marcos Rolf.

As comunidades que desejam receber a palestra podem formalizar o pedido junto à Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi). Porém, dependendo da região, caso já tenha sido vítima de queimadas, a própria Defesa Civil de Teresina pode procurar associações de moradores ou colégios da região como uma forma de ajudar a prevenir novos casos.

Os povoados Cajazeiras, Cacimba Velha, Todos os Santos, São Vicente, Salobro, Acampamento 8 de Março e Alegria receberam as instruções. A Guarda Municipal de Teresina também participou do curso com orientações em primeiros socorros para casos de princípio de incêndios.

Além da prevenção, a Defesa Civil também combate inícios de incêndio. “No princípio de incêndio podemos atuar utilizando o abafador. Em grandes incêndios existe uma integração entre Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e até o Exército. A Defesa Civil pode auxiliar as ações do Corpo de Bombeiros, dando coordenadas exatas, quando há utilização de aeronaves, enquanto o Exército ajuda no reabastecimento da aeronave”, conclui Marcos.


Fonte: Com informações da PMT

Comentários