Geral

Mundo acabou pra ele? · 13/10/2012 - 07h37

DELEGADA AUTUA falso profeta pelo crime de estelionato

VAI PERMANECER PRESO: Testemunha diz que ele fazia remédio com o sangue de rato morto


Compartilhar Tweet 1



A delegada Andrea Magalhães, presidente do inquérito que apura os supostos crimes do falso profeta Luís Pereira, indiciou ainda na noite desta sexta-feira (12/10) em flagrante, o cearense por estelionato. A delegada chegou a ouvir pessoas que estavam na “arca do fim do mundo” e conseguiu constatar uma série de abusos, configurando o crime pelo qual foi autuado.

Em exclusividade ao 180graus, a delegada informou que um depoimento poderá ser bastante importante nos próximos passos a serem dados pela polícia.

A testemunha acusou o falso profeta de curandeirismo, afirmando que ele prometia curas e milagres através de medicações que ele mesmo preparava. O mais grave é que parte destes “remédios” estariam sendo preparados com sangue de ratos mortos, supostamente envenenados pelo falso profeta.

A delegada conta ainda, que segundo a testemunha, duas pessoas já idosas teriam falecido horas depois de terem ingerido tais medicamentos. Estas denuncias serão apuradas e Luís Pereira poderá ser indiciado por outros crimes, até mesmo o de falso alarme.

O profeta já pregava há 4 anos, e começou ainda na região da Estaca Zero, zona Rural de Teresina. Ele nega que estivesse ministrando tais medicamentos, e em depoimento dado na noite de ontem na Central da Flagrantes, o falso profeta contou que foi castigado por Deus por não ter acontecido o apocalipse.

Ele agora permanece preso, porém sua localização não foi revelada pela delegada Andrea, até por temer que não só a população se rebele e tente linchá-lo, como seus seguidores possam ir até ele. Em 10 dias, a delegada deve ouvir mais testemunhas, e assim, concluir o inquérito do caso.

CONFUSÃO MESMO SEM O FIM DO MUNDO
Previsto, segundo o profeta, para acabar na tarde desta sexta-feira (12/10), às 16h, o mundo não acabou. Porém uma confusão grande aconteceu quando o profeta decidiu se entregar. A Polícia Militar acabou entrando em confronto com a população que tentava a qualquer custo “pegar” Luís Pereira. Seis pessoas acabaram detidas na confusão e algumas saíram feridas.

VEJA AINDA

MUNDO NÃO ACABA E PROFETA SE ENTREGA POR SEGURANÇA

POLÍCIA ENTRA EM CONFRONTO COM POPULARES NA 'ARCA'

NOTÍCIA DO APOCALIPSE É DESTAQUE NA MPRENSA INTERNACIONAL

SEM FIM DO MUNDO, PROFETA VIRA PIADA NAS REDES SOCIAIS

EM ESPERANTINA, NOTÍCIA DO FIM DO MUNDO CAUSA PÂNICO