Geral

Novo estatuto é aprovado · 17/10/2019 - 15h07

Conselho aprova Centro das Indústrias do Piauí, integrado ao 'Sistema S'

A partir de agora, com a nova nomenclatura, o Piauí está equiparado aos demais estados do Brasil.


Compartilhar Tweet 1



A Associação Industrial do Piauí (AIP) celebra mais uma importante conquista para o setor. Durante realização de assembleia com a presença de diretores e associados, foi aprovado um novo estatuto que transforma a AIP em Centro das Indústrias do Estado do Piauí (CIEPI), um momento histórico para o segmento industrial e o estado do Piauí.

A partir de agora, com a nova nomenclatura, o Piauí está equiparado aos demais estados do Brasil. O Centro das Indústrias trará alguns benefícios ao setor industrial piauiense, dentre eles, requerer recursos junto a Confederação Nacional da Indústria (CNI) para projetos locais.

O presidente do Centro das Indústrias do Estado do Piauí (CIEPI), Andrade Júnior, destaca as conquistas que o setor ganhará com essa nova mudança. “Nós teremos agora a possibilidade de pleitear projetos específicos. Não teremos ajuda mensal para nossas despesas correntes, mas todos os projetos que a gente quiser empreender, conseguiremos apresentar na CNI e ter recursos para bancá-los”, afirma.

Com essa nova mudança, Andrade Júnior já planeja a realização de novos projetos para o setor, como uma pesquisa em todo o Estado para identificar quais são os problemas que afetam as indústrias e, consequentemente, obter um diagnóstico do cenário piauiense. A ideia principal da pesquisa seria a realização do Pacto pela Indústria no Estado.

Gilberto Pedrosa, vice-presidente do CIEPI, externa que essa alteração significa um grande avanço para o setor que agora fará parte do sistema S. “Isso é um avanço para a indústria do Piauí e aproxima mais as indústrias da própria Federação. O CIEPI agora faz parte do sistema S e pode inclusive receber recursos do sistema. É uma maior integração com a federação e será melhor para os empresários do setor industrial do Piauí”, conclui o gestor.


Fonte: AsCom

Comentários