Geral

Economia em destaque · 01/06/2020 - 14h15

Compras com o cartão de crédito aumentam em supermercados e farmácias durante quarentena

A plataforma nos últimos dias tem sido bastante utilizada pelos consumidores para a compra de gêneros alimentícios e produtos farmacêuticos


Compartilhar Tweet 1



Com a necessidade de isolamento social em virtude da pandemia do coronavírus, um setor que vem registrando bom índices de vendas é o de cartão de crédito. A plataforma nos últimos dias tem sido bastante utilizada pelos consumidores para a compra de gêneros alimentícios e produtos farmacêuticos. 

Segundo uma pesquisa divulgada pela empresa de cartões Elo, durante o isolamento social as compras com cartão de crédito tiveram um aumento de 25% em supermercados e 10% nas farmácias. 

 “Como a plataforma é de uso pessoal evita que possamos ter contato com dinheiro em espécie, o que pode ser prejudicial para a nossa saúde em virtude de passar pelas mãos de diversas pessoas. Então nesse sentido estou preferindo fazer uso do cartão de crédito para efetuar a compra de alimentos e produtos farmacêuticos”, disse a funcionária pública Eliete Santana.

Um levantamento realizado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) aponta que no Brasil aproximadamente 52 milhões de consumidores usam o cartão de crédito como principal forma de pagamento. 

A diretora de marketing de uma prestadora de cartão de crédito, Vera Claudino Mello, fala das vantagens do uso do cartão de crédito para aquisição de determinados produtos. “Nesse momento que temos que reforçar os cuidados com a higienização pessoal o cartão de crédito acaba sendo de grande importância, uma vez que é de uso pessoal e acaba evitando que os consumidores tenham contato com as cédulas de dinheiro que muitas vezes podem conter vírus e bactérias. Isso sem falar que o cartão oferece comodidade, praticidade e segurança para os usuários. Outro ponto é disponibilizar aos clientes diversas condições de pagamentos, como por exemplo, a opção de parcelamento na hora da compra”, destacou a diretora.


Fonte: Com informações da Ascom

Comentários