Geral

Desqualificados para função · 12/01/2018 - 16h57

22 candidatos podem entrar na PM após reprovação no exame psicotécnico

Eles conseguiram essa façanha após ingressarem com ações na justiça


Compartilhar Tweet 1



22 pessoas foram aprovadas no último concurso da Polícia Militar do Piauí mesmo após serem considerados inabilitados pelo exame psicotécnico. Eles conseguiram essa façanha após ingressarem com ações na justiça e assim conseguiram passar pelas outras etapas e agora passam pelo curso se formação.

A informação foi confirmada pelo Nucepe (Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos) que realizou o certame e teve que cumprir a exigência da justiça e divulgar a lista de aprovados.

Mais de 200 candidatos foram reprovados no exame psicotécnico, cerca de 50 entraram na justiça, mas 22 podem estar nas ruas em breve causando tragédias, como foi o caso do assassinado da menina Emilly Caetano, de nove anos, baleada durante uma abordagem, ou de Camilla Abreu, morta de forma fria pelo namorado que era policial, ou da família que foi alvejada durante uma perseguição policial na Zona Sul de Teresina.

Os inabilitados no exame psicotécnico que foram aprovados no concurso podem ser impedidos de continuar o processo de formação até a nomeação, caso a justiça determine.
 

Comentários