Alcool x Medicamentos: cuidado · 04/03/2011 - 09h19

Alcool x Medicamentos: cuidado com as interações

Alcool x Medicamentos: cuidado com as interações


Compartilhar Tweet 1



Alguns cuidados com o uso de medicamentos, devem ser tomado neste período carnavalesco, em que geralmente o consumo de álcool é elevado.

Já é bem conhecido de todos que álcool e direção não combinam, embora muita gente não leve os risco em consideração e coloque em perigo a sua vida e a dos outros.

Embora coloque em risco somente a vida do usuário, álcool e medicamentos também não combinam e podem causar danos a saúde ou até mesmo tornar-se fatal.

De um modo geral, os pacientes usuários de medicamentos de uso crônico, não devem ingerir álcool sem antes consultar um médico ou um farmacêutico sobre a possibilidade de tomar uma “cervejinha”, porém o tratamento nunca deve ser abandonado.

Alguns medicamentos para o tratamento da hipertensão, possuem baixa interação com o álcool e o consumo deste pode até ser permitido, sendo muito importante para manter o paciente protegido contra um eventual “pico hipertensivo”, o que pode ser bastante grave. Converse com o seu médico ou com um farmacêutico sobre a interação do medicamento que você está utilizando.

No geral, medicamentos para diabetes não combinam com o álcool, que tem um efeito hipotensor que pode levar a hipoglicemias graves.

Também nos tratamentos para depressão existem alguns medicamentos que são totalmente contra-indicados pois a associação com o álcool pode levar a morte.

Outros medicamentos utilizados sem prescrição médica, associados ao álcool, também podem trazer lesões graves ao organismo, veja os principais:

Álcool x Paracetamol: a associação deste dois produtos produz lesões irreversíveis no fígado. Produtos a base de paracetamol: Tylenol®, Tyflen®, Sonridor® e diversos outros medicamentos para o alívio dos sintomas da gripe). Se tiver uma dor de cabeça em decorrência de uma ressaca, é melhor utilizar o analgésico dipirona, desde que você não seja alérgico a este produto, o que seria uma contra-indicação grave.

Álcool x Ácido acetilsalicílico: a associa destes produto pode provoca irritação grave no
estômago e rins. Produtos a base de ácido acetilsalicílico: Aspirina®, AAS®, Melhoral®, Sonrisal®, Coristina®. Estes produtos também são contra-indicados para sintomas de dengue.

Álcool x anti-inflamatórios: ocorrem os mesmos riscos provocados pelo do ácido acetilsalicílico. Produtos anti-inflamatórios: diclofenaco, nimesulida, cetoprofeno, Cataflan®, Voltaren®, Scaflan®, Nisulid®. Se estiver em tratamento com estes medicamentos não utilize álcool.

Uma dica: procure intercalar cada dose de uma bebida com um copo d'água, assim o corpo se manterá hidratado e beberá menos álcool e os sintomas da ressaca serão bem menores.

É tempo de lembrar também a importância do uso de preservativos, pois não somente a AIDS, mas diversas outras doenças são transmitidas por contato sexual: hepatite B, gonorreia, sífilis, condiloma entre outras, e são bem mais comuns do que se imagina.