Veja -

Yudi diz ter virado um “crente chato” e explica treta com Priscilla

Yudi Tamashiro, conhecido por sua marcante trajetória na televisão como apresentador do Bom Dia & Companhia e pela sua associação com o PlayStation 2, surpreende ao lançar sua nova música autoral, intitulada "Olha o que Ele Fez em Mim". Distanciando-se do mundo da televisão, Yudi revela uma nova faceta de sua vida como devoto do cristianismo.

Foto: Divulgação

Em uma entrevista exclusiva ao Metrópoles, Yudi compartilhou sua jornada de transformação após sua conversão há sete anos. Ele reconhece ter passado por uma fase em que se tornou o que ele mesmo chama de "crente chato", mas destaca que esse período foi essencial para se descobrir verdadeiramente. Segundo o artista, essa fase foi marcada por distanciamentos de pessoas e lugares, mas foi fundamental para ele se encontrar.

Atualmente, Yudi demonstra maturidade ao compreender o momento adequado para agir e para se calar, assim como para estender a mão ou para respeitar o momento de guardar e refletir sobre a vida dos outros. A nova música, "Olha o que Ele Fez em Mim", nasceu a partir de um pedido de sua esposa, Mila Braga, com quem Yudi embarcará em uma turnê pela Europa nos próximos dias.

O clipe da música foi gravado em São Paulo e apresenta não apenas a performance do cantor, mas também testemunhos emocionantes, incluindo o da mãe de Yudi, Tânia Tamashiro, do casal Cris e Monik, de Regis Danese e sua filha Brenda, além do testemunho de Neto, ex-zagueiro da Chapecoense e sobrevivente de uma das maiores tragédias recentes. 

Confusão com Priscilla

Na conversa com a reportagem, Yudi também comentou sobre a confusão envolvendo Priscilla, cantora e ex-apresentadora do Bom Dia & Companhia. No passado, o cantor foi criticado por dizer que ela “se encontra em outro meio” após mudar sua aparência.

Na época, o cantor se defendeu: “Priscilla, saiba que, como antes, continuo admirando você e respeitando suas decisões. Amo você e oro por você como oro pela minha família. Mesmo que estejam tentando forçar uma tensão que não existe, eu creio que Deus nos chamou para sermos pacificadores”.

“Os depoimentos que falei sobre a Priscilla foi algo mais por uma preocupação como um irmão, como alguém que trabalhou durante anos com ela. É sempre preocupante mesmo quando a pessoa se distancia da igreja, quando a pessoa está afastado daquela família”, explicou, dizendo ter conversado e esclarecido as coisas com a cantora.

“Eu recebo algumas mensagens das pessoas falando: ‘Você tem que falar com a Priscilla’. Ela conhece a Palavra mais do que eu. Ela vive na igreja desde criança que ela vive isso há muitos anos e é o que eu posso fazer é orar pela vida dela, assim como eu oro pelos meus amigos que são daqui do meu bairro, como eu oro pelos meus amigos do Japão. Deus escuta a oração de um justo, então ele escuta as minhas orações todos os dias pelos meus amigos.”

Foto: Reprodução/SBT

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco