Bangu merece paz -

Jojo Todynho se revolta com irmão que era de facção criminosa: 'Fiz o que podia'

Jojo Todynho gravou um story em que lamenta a falta de segurança em Bagu, bairro da zona oeste do Rio de Janeiro, onde cresceu. A funkeira falou que a região está sofrendo com uma guerra entre facções criminosas e contou que um parente, que ela chamou de irmão, estava envolvido com o crime. As informações são do R7.

Foto: Reprodução

"Tenho um irmão que estava envolvido [com uma facção]. Saiu porque a bala voou aqui [perto]. Quem tem c* tem medo. Vai ficar? Não vai, saiu. Agora vamos ver que estou esperando o parecer. Vai dizer que ele é vítima da sociedade? Que não teve oportunidade? Mentira", disse a cantora.

"Fiz o que podia, não quis, quis viver nessa vida. Viu que o bagulho ficou doido, se situou. Vou lá e vou ajudar novamente no que precisar. Agora, já vou deixar registrado, se voltar de novo vai ficar. Quem sofre com tudo isso é minha vó, a mãe dele, nossos familiares. É um homem de 18 anos que sabe o que quer e o que faz da vida. Lá na minha família ninguém passa pano para ninguém. Nesta semana morreram jovens que eu vi crescer", completou a funkeira.

A campeã de A Fazenda 12 falou que Bangu vive essa situação há algumas semanas e que ela fica assustada com os vídeos e relatos que recebe. Jojo também lamentou não poder ir visitar a família e os amigos que vivem por lá.

"Bangu merece respeito, Bangu merece paz. Quem sofre com todo esse transtorno são os familiares, são os estabelecimentos do bairro, que têm que fechar cedo, as pessoas que levantam de madrugada para ir trabalhar e têm que sair no meio do tiroteio. É um absurdo, alguém tem que fazer alguma coisa. Fico extremamente triste", disse.

Comentários