Entenda o caso! · 22/11/2019 - 21h53

Gugu Liberato foi dado como morto duas semanas antes da verdadeira morte


Compartilhar Tweet 1



LEONARDO VOLPATO
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS)

O apresentador Gugu Liberato, 60, teve sua morte confirmada nesta sexta-feira (22), vítima de uma queda de seu telhado, na cidade de Orlando, nos Estados Unidos. Segundo sua assessoria de imprensa, ele bateu a cabeça após uma queda ainda na quarta (20) e estava internado na cidade americana, onde residia com sua mulher e três filhos.

Porém, cerca de duas semanas antes do ocorrido, no dia 4 de novembro, ele era dado como morto pela rede social da própria emissora, a Record, onde trabalhava nos realities Canta Comigo e Power Couple.

Na ocasião, ele teve de ir a público confirmar que estava bem. "Pessoal, alguém publicou que eu tive um enfarto. É fake, tá? Estou muito bem, obrigado", escreveu ele em seu Twitter.

Mais tarde, pelo Instagram, Gugu mostrou uma foto em sua casa de Orlando com a seguinte mensagem: "Está tudo bem por aqui. O sol está bravo", disse.

Segundo a emissora, um grupo de hakers invadiu naquele dia a conta da rede social do programa Power Couple e divulgou a notícia falsa. "A conta do Power Couple Brasil foi invadida, infelizmente. O Gugu está ótimo! Por enquanto, o reality dos casais não está de volta, mas o Gugu segue no Canta Comigo Record toda quarta-feira, às 23h", esclareceu.


Comentários