Em Sidney · 26/10/2021 - 08h33

Seleção Brasileira Feminina empata com a Austrália em jogo preparatório


Compartilhar Tweet 1



No segundo e último compromisso pela Data FIFA de outubro, a Seleção Brasileira Feminina enfrentou a Austrália nesta terça-feira (26), no Commbank Stadium, em Sidney, e empatou em 2 a 2. Com boa postura ofensiva, a equipe comandada por Pia Sundhage criou boas chances e balançou as redes com Érika e Debinha para sair de campo com a igualdade no marcador.

    Créditos: Thais Magalhães/CBF

O jogo

O Brasil começou apertando a saída de bola da Austrália e chegando mais ao campo de ataque. Aos três minutos, Debinha avançou pela esquerda buscando cruzamento para Antônia, mas Polkinghorne fez o corte. No lance seguinte, Adriana chegou perto da grande área e chutou forte, mas em cima da defesa. Na marca dos oito, Antônia recebeu pela direita e arriscou chute cruzado, defendido por Williams. Aos poucos, as adversárias passaram a equilibrar as ações e abriram o placar. Aos dez, a bola sobrou para Polkinghorne após cobrança de escanteio, que bateu de primeira para o fundo das redes.

A Canarinho seguiu com bom volume de jogo e chegando na área a todo instante. Aos 17, Debinha recebeu passe de Marta pelo meio, se livrou da marcação e finalizou com perigo, mas por cima do gol australiano. Dois minutos depois, uma ótima chance. Após boa jogada individual, Adriana chutou entre três marcadoras e em direção ao gol, mas a bola explodiu na trave e saiu. A equipe brasileira manteve a pressão e Kerolin quase empatou na marca dos 21, quando avançou pela direita e bateu cruzado para defesa de Williams. Até a saída para o intervalo, Antônia, Marta e Debinha ainda chegaram bem ao ataque, mas sem novas alterações no placar.

O segundo tempo começou um pouco diferente, com a Austrália controlando as ações. Aos sete minutos, após jogada pela direita, Kerr recebeu nomeio e chutou para ampliar a vantagem das donas da casa. Mas a Seleção Brasileira foi buscando espaço e chegou ao empate. Na marca dos 19, Marta cobrou escanteio da esquerda e colocou a bola na área. Érika nem precisou subir para marcar de cabeça e descontar para a Canarinho. Logo depois, aos 25, Julia Bianchi avançou pela lateral esquerda e tocou para Tamires, que mandou uma pancada em direção ao gol para difícil defesa de Williams. Bem posicionada, Debinha pegou o rebote e deixou tudo igual: 2 a 2. Melhor no jogo, o Brasil seguiu criando boas jogadas e foi parado no sistema defensivo da Austrália, que se fechou bem e segurou as investidas da Canarinho. Em uma das chegadas, já no último minuto dos acréscimos, Marta finalizou cruzado e mandou de canhota e viu a bola passar por cima do gol australiano.

Brasil: Letícia, Antônia, Tainara, Érika e Tamires; Duda (Julia Bianchi), Angelina, Kerolin e Adriana (Thaís); Marta e Debinha (Geyse).


Fonte: CBF

Comentários