Atacante de apenas 18 anos · 29/07/2021 - 09h13

Caçula da Seleção, Giovana celebra estreia em Olimpíadas: ‘Muito especial'


Compartilhar Tweet 1



Giovana Queiroz está acostumada a ver tudo acontecer muito rápido em sua vida. Nascida em São Paulo, a atacante se mudou com apenas três anos para os Estados Unidos, onde começou a se interessar pelo futebol. Aos oito, a família transferiu-se para a Espanha. E aos 18, fez sua estreia em Jogos Olímpicos com a Seleção Brasileira.

    Sam Robles/CBF

Na partida contra a Zâmbia, aos 27 minutos do primeiro tempo, ela foi acionada pela técnica Pia Sundhage para substituir Bia Zaneratto e estreou na Seleção Principal em partidas oficiais. Uma oportunidade que a atacante não se cansa de comemorar.

“Estou muito feliz. Jamais imaginei estar aqui aos 18 anos, e aproveitei bastante a oportunidade de estar em campo. A Pia me chamou e eu rapidinho fui aquecer (risos). Voltei, estava muito ansiosa e nervosa mas, assim que entrei em campo, fiquei bem”, contou.

Apesar da pouca idade, Gio conta com um currículo de peso também no futebol de clubes. Atualmente no Barcelona, onde foi campeã da Primera Iberdrola (campeonato nacional) e da Liga dos Campeões da UEFA, ela também já atuou por Atlético de Madrid e Madrid CFF. Começando a escrever sua história na Amarelinha, a atacante aproveita para aprender com quem entende tudo de Seleção: a capitã Marta.

“A Marta tem muita experiência. Ela me dando dicas me ajuda bastante, e eu fiquei mais calma quando entrei na partida. Acho que foi um jogo bem duro, elas eram bem fortes fisicamente, mas foi muito especial para mim por ser minha estreia em Olimpíadas”, disse.

Após uma partida de muito desgaste físico no encerramento da primeira fase, as Guerreiras do Brasil descansaram nesta quarta-feira (28/07). Logo que amanheceu em Tóquio, a equipe embarcou em um trem-bala de volta para Sendai, a cerca de 1h40 de distância. Chegando ao hotel, as atletas fizeram um trabalho de recuperação e retornam a campo nesta quinta-feira para o último treino antes do mata-mata.

Brasil e Canadá se enfrentam nesta sexta-feira (30/07), às 5h (horário de Brasília), no Estádio de Miyagi, pelas quartas de final dos Jogos Olímpicos de Tóquio. A partida será transmitida por TV Globo, SporTV e BandSports.


Fonte: CBF

Comentários