Já no domingo! · 13/11/2019 - 13h59

Aqueles 16%: Flamengo tem chance de ser campeão contra o Grêmio


Compartilhar Tweet 1



O Campeonato Brasileiro 2019 termina apenas em 8 de dezembro, mas o campeão já pode ser conhecido no próximo fim de semana. De acordo com o modelo matemático da Escola de Matemática Aplicada da Fundação Getulio Vargas (FGV EMAp), as chances de isso ocorrer no duelo entre Grêmio e Flamengo, no domingo (17/11), são de 16%. As informações são do Metrópoles.

Para dar a volta olímpica no domingo, o time precisa bater o Vasco, nesta quarta (13/11), e o Grêmio, domingo. Além disso, torcer para o vice-líder Palmeiras não vencer o Bahia — os paulistas podem perder ou empatar para os cariocas garantirem o título.

A probabilidade de o Flamengo confirmar o título do Brasileirão no fim de semana seguinte é um pouco mais animadora para os flamenguistas. Caso o Alviverde não tropece contra o Bahia, o Rubro-Negro pode ser campeão na próxima rodada. Para isso, o Grêmio precisa arrancar ponto do Palmeiras no confronto pela 34ª Rodada. As 100 mil simulações dos matemáticos da FGV indicam as chances de isso acontecer são de 14%.

“Isso significa que as chances de a torcida rubro-negra comemorar o título brasileiro até o final de semana em que disputa a final da Libertadores são de 30%. Há, portanto, uma boa chance de os flamenguistas comemorarem dois títulos importantes no mesmo final de semana”, destaca o analista do Esporte em Números da FGV EMAp, Antonio Neto.

Caso isso aconteça, o Flamengo irá se juntar também ao panteão dos clubes que conseguiram se sagrar campeões brasileiros com mais rodadas de antecedência (quatro rodadas), hoje formado pelo São Paulo (2007) e o Cruzeiro (2013). “Caso não aconteça, no entanto, o título não deve demorar muito para ser confirmado. As chances de o Flamengo na quarta-feira seguinte, em pleno Maracanã, contra o Ceará são de 51% – o que eleva as chances agregadas de o clube carioca comemorar o título até lá para 81%”, diz Antonio Neto.

Rebaixamento
O modelo probabilístico da FGV EMAp aponta que três clubes estão praticamente rebaixados: Chapecoense, Avaí e CSA. Para a quarta vaga restante, Fluminense e Botafogo estão entre os clubes mais ameaçados com, respectivamente, 34,4% e 19,3%. Os outros candidatos ao rebaixamento são o Cruzeiro e o Ceará com 28,5% e 14,5%. “As chances de o Vasco cair são de apenas 0,08%. Já as chances de pelo menos um dos outros cariocas caírem, seja ele o Fluminense ou o Botafogo, são superiores à 40%”, revela Antonio Neto.


Comentários