Competição científica -

Alunos de escolas estaduais do interior do Piauí conquistam medalhas em Olimpíada de Biologia

Método importante para reforçar conhecimentos em determinadas disciplinas, as Olimpíadas do Conhecimento têm desafiado os estudantes da Rede Estadual de Ensino a fortalecerem seus estudos para garantir um bom desempenho educacional. Com a última fase da 20ª edição da Olimpíada Brasileira de Biologia (OBB), três estudantes da rede, gerenciada pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), conquistaram medalhas de prata e bronze na competição científica.

O estudante João Vitor Araújo, do Centro Estadual de Tempo Integral (Ceti) Alberto Leal Nunes, em Regeneração, alcançou a maior nota do Piauí, conquistando a medalha de prata. “A medalha de prata na OBB foi, sem dúvidas, uma conquista ímpar na minha trajetória. Desde a 1ª série do ensino médio venho buscando essa conquista. E, após chegar três vezes na final, consegui atingir a maior nota do Piauí. Essa conquista simboliza não só a minha busca pela medalha, mas também o engajamento da escola com essa Olimpíada. Foi um longo processo que teve o seu devido prêmio”, afirmou o jovem.

O diretor do CETI Alberto Leal Nunes, Ismael Dantas, destaca que a escola conta com um núcleo de circuito olímpico que busca preparar os alunos para as diversas olimpíadas de conhecimento. “O nosso núcleo olímpico é atrelado às disciplinas curriculares e funciona como um estímulo a mais para os alunos se aprofundarem em cada área. Após as inscrições, iniciamos a preparação com aulas extras, aulas on-line com professores e alunos monitores. As olimpíadas são assim ferramentas que a escola encontrou para incentivar os alunos”, afirmou o diretor.

Os outros dois estudantes medalhistas da OBB foram Érik Gabriel Lima e Giovanna Gomes, do Ceti Dona Rosaura Muniz Barreto, localizado no município de São Miguel do Tapuio. Os dois alcançaram medalha de bronze na olimpíada.

Trinta e oito estudantes da rede estadual foram classificados para a última fase da Olimpíada de Biologia, que foi aplicada no dia 3 de maio. O resultado expressivo reflete o trabalho de excelência educacional desenvolvido pelas escolas e empenho dos estudantes na preparação para olimpíadas do conhecimento.

O secretário de Estado da Educação, Washington Bandeira, expressou sua felicidade pela conquista alcançada na OBB e reforçou o empenho em ações que proporcionem a preparação dos estudantes para competições de conhecimento. “Parabéns a esses estudantes que, com foco e determinação, saíram vitoriosos. Eles provaram ser grandes protagonistas da Olimpíada Brasileira de Biologia, sempre conquistando medalhas em suas participações, assim como os 38 estudantes classificados para essa última fase. O nosso intuito é continuar trabalhando diferentes frentes de ações que resultam na garantia de oportunidade aos nossos estudantes para estas experiências de aprendizagem”, comentou o gestor.

SOBRE A OBB

A Olimpíada Brasileira de Biologia é um projeto voltado para estudantes do ensino médio, organizado pelo Instituto Butantan e apoiado pela ESIB, com o intuito de promover e disseminar o conhecimento nas áreas da Biologia.

Fonte: Governo do Estado

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco