Fortalece os projetos · 04/05/2021 - 06h04

Por meio do Progere, SAF investe mais de R$ 530 mil em apoio a produtores três territórios


Compartilhar Tweet 1



A Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF), através do Programa de Geração de Emprego e Renda no Meio Rural (Progere II), continua apoiando agricultores e agricultoras familiares, através de investimentos que promovem desenvolvimento e o fortalecimento da agricultura familiar. 

Só no último mês abril o programa liberou R$ 539.050,41, que serão investidos nas cadeias produtivas da caprinovinocultura, cajucultura, apicultura, mandiocultura, quintais produtivos e artesanato. Foram beneficiadas com essa liberação as associações dos territórios dos Cocais, Carnaubais e Entre Rios.

De acordo com a diretora do Projere, Janaína Mendes, os recursos irão fortalecer os investimentos produtivos nas diversas cadeias apoiadas pelo programa e acrescentou que toda a equipe do programa está empenhada para mais liberações. “Ficamos muito felizes e satisfeitos com o andamento dos projetos e com mais esses investimentos do Governo do Estado, junto a essas famílias de baixa renda que precisam desse apoio”, declarou.

Foram contempladas com por meio dessas liberações a Associação dos Apicultores do Município de Domingos Mourão, no Território dos Cocais; a Associação de Desenvolvimento Comunitário de São Pedro, Repuxo, Passagem da Negra, Santa Maria, Purão, Nova Vida e Nova Olinda, localizada em Campo Maior, Território dos Carnaubais e a Associação de Desenvolvimento Comunitário da comunidade Sobradinho, em de José de Freitas, Território Entre Rios.

Baltazar Bandeira, presidente da Associação dos Apicultores do Município de Domingos Mourão, falou da importância em serem contemplados com o projeto. “Em nome do grupo, eu gostaria de dizer que estamos muitos felizes por receber o projeto da Secretaria de Agricultura Familiar e do Governo do Estado. Há um bom tempo, a gente vem batalhando por esse projeto que visa a ampliação da apicultura em nosso município e agora fomos agraciados. Mais de 20 famílias serão beneficiadas com o material apícola”, descreveu.

Associações beneficiadas irão investir na cadeia produtiva da apicultura, em unidades de produção de caprinos/ovinos e criação de galinha caipira e também na melhoria dos quintais produtivos, construção de aviário e apriscos, implantação de hortaliças e olerícolas, recuperação e melhoria de fruteiras.

Associações com Planos de Investimento Produtivo com recursos liberados:

  • Associação dos Apicultores do Município de Domingos Mourão, Território dos Cocais. O projeto atende diretamente 24 famílias e foi beneficiado com investimentos de R$ 171.426,65. O valor será investido na cadeia produtiva da apicultura e contará com o acompanhamento técnico da Cooperativa de Trabalho de Prestação de Serviços para o Desenvolvimento Rural da Agricultura Familiar (Cootapi).
  • Associação de Desenvolvimento Comunitário de São Pedro, Repuxo, Passagem da Negra, Santa Maria, Purão, Nova Vida e Nova Olinda, localizada no município de Campo Maior, Território dos Carnaubais. A associação irá realizar a implantação de nove unidades de produção de caprinos/ovinos e 14 unidades de criação de galinha caipira, que irão atende diretamente 23 famílias. O valor do investimento do estado no Projeto de Investimento Produtivo foi de R$157.966,09 e contará com a assistência técnica da empresa Campo Agropecuária.
  • Associação de Desenvolvimento Comunitário da comunidade Sobradinho, município de José de Freitas, Território do Entre Rios. O Plano de Investimento Produtivo prevê a melhoria dos quintais produtivos com a criação de pequenos animais como ovinos, caprinos e aves, construção de aviário e apriscos, implantação de hortaliças e olerícolas, recuperação e melhoria de fruteiras. Associação que atende diretamente 28 famílias, foi beneficiada com investimentos no valor R$ 209.657,67 e terá o acompanhamento técnico da Emplanta.

O Progere II é fruto da parceria entre o Governo do Estado e o Banco Internacional de Reconstrução e Desenvolvimento (Bird), por meio do Projeto Piauí Pilares do Crescimento e Inclusão Social, beneficiando diversos municípios com ações de fortalecimento da agricultura familiar e geração de renda e desenvolvimento rural sustentável.


Fonte: Governo do Piauí

Comentários