Liberação do saque emergencial · 03/06/2020 - 10h19 | Última atualização em 03/06/2020 - 11h27

FGTS: Veja quem vai receber R$ 1.045 a partir do dia 15


Compartilhar Tweet 1



O objetivo principal do saque emergencial é diminuir os impactos econômicos causados pela pandemia do novo coronavírus. A liberação do saque emergencial do FGTS deve injetar aproximadamente R$ 36 bilhões na economia do país. As informações são de Metrópoles.

Caixa Econômica Federal vai divulgar o calendário da nova etapa de saques do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) nos próximos dias, conforme informou o banco estatal.

O saque, de até R$ 1.045 (um salário mínimo), vai começar a ser liberado dentro de duas semanas – ou, melhor, a partir do próximo dia 15. E se encerra em 31 de dezembro.

O secretário de Política Econômica, Adolfo Sachsida, disse que 60,8 milhões de trabalhadores serão beneficiados diretamente pela medida. “Esperamos que sejam sacados até R$ 36 bilhões”, disse.

O novo saque foi estabelecido pela Medida Provisória (MP) 946/2020, publicada em abril pelo Ministério da Economia, em uma tentativa de minimizar os impactos do novo coronavírus.

Na prática, o governo federal vai usar recursos do PIS-Pasep para ajudar no pagamento do FGTS. Foram remanejados R$ 21,5 bilhões disponíveis para o abono salarial que não foram sacados das contas inativas até 1988.

1. Quem poderá sacar no FGTS?

Qualquer pessoa que tiver conta ativa ou inativa no fundo.

2. Qual o valor de saque será liberado?

Até R$ 1.045 por trabalhador, o equivalente a um salário mínimo.

3. Quantos trabalhadores poderão ser beneficiados com o saque do FGTS?

Todos os 60,8 milhões de trabalhadores que possuem contas no FGTS.

4. Qual é o montante que deve ser liberado?

A expectativa é de que até R$ 36,2 bilhões possam ser sacados do FGTS.

5. Qual a quantidade de trabalhadores que poderão sacar todo seu recurso?

Cerca de 30,7 milhões de trabalhadores poderão sacar todo o recurso no FGTS (50,5% do total). Até 80% das contas serão zeradas com o saque; R$ 16 bilhões serão liberados para 45,5 milhões de trabalhadores que têm até 5 salários mínimos de saldo no FGTS.

6. Existe um calendário de saques?

Ainda não foi divulgado o calendário. A Caixa Econômica ficará responsável pelos critérios e cronogramas dos novos saques. A estatal informou que a divulgação deve ocorrer “nos próximos dias”.


Comentários