Reunião discutiu a viabilidade · 17/02/2022 - 12h06

Pessoas com autismo podem ter com atendimento remoto no Piauí


Compartilhar Tweet 1



Representantes da Associação de Amigos do Autista do Piauí (AMA) se reuniram com o deputado estadual Franzé Silva (PT), para tratar sobre a viabilidade de implantação de sistema de atendimento remoto a pessoas com autismo e famílias de autistas, em áreas como medicina e psicologia.

A ideia, de acordo com a AMA e o parlamentar, é formatar parcerias com instituições públicas e privadas – como universidades, faculdades particulares e órgãos públicos – para possibilitar atendimento e acompanhamento a autistas, especialmente os que estão na fila de espera da Associação – 530, atualmente.

No caso de faculdades e universidades, uma das propostas é executar a ideia por meio das clínicas-escolas, que contam com atuação de acadêmicos nessas e em outras áreas necessárias ao atendimento dos autistas e suas famílias – inclusive na psicopedagogia –, prestando serviço de orientação a esse público.

A reunião, que aconteceu no gabinete do deputado, contou com a presidente da AMA, Teresa Ramos; a coordenadora da Associação, Rosália Sousa; a assessora de Projetos da instituição, Jahyara Costa; a estagiária de Direito, Enya Fonseca; e Jackson Alves, da Associação de Moradores da Santa Maria da Codipi (Teresina).

PROJETO DE LEI - Dentro da proposta, AMA e Franzé Silva também estudam a possibilidade de apresentação de Projeto de Lei, no âmbito da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), de autoria do parlamentar, para assegurar, normativamente, o sistema de atendimento no Estado.

“É uma demanda importante e necessária que tem total apoio do nosso mandato. Vamos tocá-la na Alepi, amadurecendo o tema e, nesse sentido, propondo uma lei específica para assegurar a medida, com ampla proteção legal, portanto”, pontua Franzé.

ATENDIMENTO NOS BAIRROS 
Outra ideia discutida é a de implantação de sistema de atendimento, presencial e remoto, a autistas e suas famílias, por equipes multiprofissionais, nos bairros, com palestras, orientações, atendimento à saúde, entre outros serviços. A proposta inicial é executar um projeto piloto no bairro Santa Maria da Codipi, em Teresina.

Leis em vigor no Piauí ampliam direitos da pessoa com autismo
Franzé Silva é um dos mais atuantes deputados no Estado na propositura de leis voltadas a pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA). Entre elas, estão a Lei 7.245/2019, que cria o Selo Empresa Amiga dos Autistas; Lei 7.336/2020, que autorizou o Executivo estadual a doar imóvel para a construção da sede própria da Associação dos Amigos de Autistas (AMA); Lei 7.468/2021, que obriga realização de sessões de cinema adaptadas a crianças e adolescentes com autismo e suas famílias; Lei 7.627/2021, que garante prazo de validade indeterminado ao laudo médico pericial que atesta o TEA.

Comentários