Adiamento não agradou membros · 13/10/2021 - 14h27

Vídeo: integrantes da Conitec discordaram da retirada de pauta sobre Covid da comissão


Compartilhar Tweet 1



O adiamento da análise sobre remédios para tratar Covid-19 na Comissão de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec), que ocorreu na última quinta-feira (07/10), não agradou todos os membros do plenário da comissão. As informações são do Metrópoles.

O assunto virou alvo da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, que decidiu convocar o médico Carlos Carvalho, coordenador do estudo que analisa o uso dos remédios (incluindo itens do kit Covid), para prestar depoimento.

Segundo o Ministério da Saúde, a votação foi cancelada à pedido de Carvalho para que fossem incluídas novas evidências científicas no documento.

O relatório que seria analisado é intitulado de Diretrizes Brasileiras para Tratamento Medicamentoso Ambulatorial do Paciente com Covid-19.

Elaborado por técnicos da comissão, o documento prevê que os medicamentos analisados não devem ser usados para tratar pacientes com suspeita ou diagnóstico positivo de Covid, pois não há evidências científicas suficientes que justifiquem o uso dos fármacos. O documento seria levado ao plenário da Conitec e divulgado para audiência pública pelos 10 dias seguintes. No entanto, a discussão sobre o relatório foi adiada.

Durante a reunião, membros do plenário da Conitec foram informados por Carvalho de que o tema seria retirado de pauta. A notícia surpreendeu integrantes da comissão. Alguns relatam que souberam do cancelamento da discussão pela imprensa, e não pela cúpula da Conitec.

O momento foi gravado pela própria organização da Conitec e divulgado no canal do grupo no Youtube. Todas as reuniões da comissão são publicadas mensalmente na página.

Comentários