Ultima prisão há três meses · 13/10/2021 - 14h15

Sem histórico de prisões, Senado abre pregão para comprar 630 algemas


Compartilhar Tweet 1



O Senado Federal abre, nesta quarta-feira (13/10), pregão eletrônico destinado a adquirir 630 algemas para uso da Secretaria de Polícia do Senado Federal (Spol). As informações são do Metrópoles.

O certame prevê a compra de 500 itens do aparato na modalidade descartável – uma espécie de lacre – e outras 130 algemas metálicas, no já tradicional formato utilizado pelas forças de segurança.

Trata-se do primeiro pregão para aquisição dos equipamentos de segurança aberto pela Casa desde 2008, ano em que o Senado passou a dar publicidade às licitações.

A empresa vencedora do pregão deverá entregar os equipamentos em, no máximo, 30 dias, contados do recebimento da nota de empenho.

No comparativo com a ampla maioria de licitações realizadas pelo Parlamento, o valor a ser gasto na compra dos equipamentos de segurança está longe de ser considerado elevado. A estimativa é que a Casa Alta pague R$ 32.868,80 pelo pacote.

A despesa também inclui a compra de 130 porta-algemas e 250 óculos de proteção individual. O valor que será desembolsado equivale ao salário mensal de um senador (R$ 33.763,00).

Chama a atenção, porém, a quantidade de algemas que será adquirida, já que a segurança do Senado não possui histórico de prisões em flagrante ou de detenções de potenciais ameaças à segurança dos parlamentares e servidores.

Comentários