Petição -

Bolsonaro pede a Moraes liberação de passaporte para viajar a Israel

Os advogados do ex-presidente Jair Bolsonaro apresentaram uma petição ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, requisitando a liberação do passaporte do político, que se encontra retido desde fevereiro deste ano. A informação foi confirmada pela própria defesa de Bolsonaro. Com informações do Metrópoles.

Foto: Hugo Barreto/Metrópoles

A petição inclui um convite do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, convidando Bolsonaro para uma visita oficial ao país em maio. Em março, dois governadores aliados do ex-presidente, Tarcísio de Freitas, de São Paulo, e Ronaldo Caiado, de Goiás, estiveram em Jerusalém a convite de Netanyahu, sendo que Bolsonaro também foi convidado, porém, não obteve autorização para viajar por parte de Alexandre de Moraes.

O pedido de liberação do passaporte ocorre em meio à revelação do jornal americano The New York Times sobre a estadia de dois dias de Bolsonaro na Embaixada da Hungria em Brasília. O ex-presidente buscou refúgio na embaixada após a Polícia Federal apreender seu passaporte em meio a uma investigação sobre uma suposta trama golpista. Segundo a Convenção de Viena, embaixadas são consideradas invioláveis, o que significa que Bolsonaro não poderia ser detido no local sem autorização das autoridades húngaras.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco