Volta às aulas em 15/02 · 29/12/2015 - 14h36 | Última atualização em 29/12/2015 - 14h41

Matrículas na rede estadual iniciam dia 04/01 e poderão ser feitas pela internet

Matrículas na rede estadual iniciam dia 04/01 e poderão ser feitas pela internet


Compartilhar Tweet 1



As matriculas nas escolas públicas estaduais iniciarão a partir do dia 4 de janeiro de 2016 nas etapas e modalidades de Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Profissional e Educação de Jovens e Adultos. De acordo com o edital publicado pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc) , o processo e organização de matrículas abrangem as fases de renovação, remanejamento ou transferência de alunos e matrículas de novos estudantes.

A novidade este ano é a pré-matrícula online para novos alunos, que deverá ser feita por meio do endereço eletrônico www.seduc.pi.gov.br/matriculaonline, no período de 04 a 15 de janeiro. O sistema foi implantado visando evitar as filas que se formavam em escolas mais procuradas da rede. Os pais agora podem matricular seus filhos de forma online e comparecer à escola apenas para levar a documentação necessária para efetivação da mesma, informou a diretora da Unidade de Gestão e Inspeção da Seduc, Ana Rejane.

O processo de matrícula, tanto na capital quanto no interior, seguirá o calendário escolar que estipula as datas de 4 a 9 de janeiro para renovação, remanejamento e transferência; 4 a 15 de janeiro para matrículas online e 11 a 15 de janeiro para confirmação das matrículas novas, nas escolas. O início do período letivo 2016 está previsto para 15 de fevereiro em todas as escolas da Rede Pública Estadual de Ensino.

A expectativa é que a Rede Estadual realize aproximadamente 250 mil matrículas, entre renovações, transferências e novas matrículas, explicou a secretária de Estado da Educação, Rejane Dias . "Nossas escolas estão reformadas e ampliadas, esperando esses alunos. Nós ainda fazemos um trabalho de conscientização junto à comunidade, para que ninguém fique fora da escola", diz Rejane.
Os documentos que deverão ser apresentados são: certidão de nascimento ou RG, e documentos que comprovem a escolaridade do aluno, como certificado e histórico escolar. No caso de alunos maiores de 18 anos, são solicitados, ainda, título de eleitor e certificado de reservista (sexo masculino).
Para organização das turmas, a Seduc estabelece um número máximo variando entre 35 e 45 alunos por turma, conforme a modalidade de ensino.