Caso é apurado pelo MP-PI · 13/10/2021 - 10h13 | Última atualização em 13/10/2021 - 13h25

PI: servidora é demitida, mas nome fica na folha de pagamento por cinco meses


Compartilhar Tweet 1



O Ministério Público do Piauí, através da promotoria de justiça de São João do Piauí, apura o caso de uma servidora que foi demitida, mas seu nome continuou constando na folha de pagamento da Prefeitura de Pedro Laurentino por cinco meses.

Denúncia apresentada pela mulher afirma que apesar de ter sido demitida do cargo de serviços gerais da Prefeitura de Pedro Laurentino, o seu nome ainda constava na folha de pagamento do município no período de abril a setembro de 2020.

Apesar de ser demitida,  em consulta ao CNIS (Cadastro Nacional de Informações Sociais), constatou-se que ela figurava na folha de pagamento até o mês de setembro.

Declaração de Vínculo Empregatício da Prefeitura de Pedro Laurentino, que aduz sobre o desligamento ocorrido em 30/05/2020, e consoante CNIS, consta data de início na Prefeitura Municipal em 01/06/2020, sem data de encerramento do vínculo.

A notícia de fato foi convertida em procedimento administrativo para apuração do caso.

 

Comentários