Universidade Estadual do Piauí -

Uespi lança curso de educação inclusiva em Beneditinos e José de Freitas

A Universidade Estadual do Piauí (Uespi), por meio do Parfor Equidade expandiu seus horizontes chegando, nesta semana, aos municípios de José de Freitas e Beneditinos com a aula inaugural do curso de Educação Inclusiva. O objetivo do projeto é formar professores e pedagogos para o atendimento das redes públicas ou comunitárias que ofereçam educação especial inclusiva para estudantes que precisam desse acompanhamento.

Foto: Governo do PiauíGoverno do Piauí
Governo do Piauí

O reitor da Uespi, Evandro Alberto, esteve presente em ambos os municípios ministrando a aula magna: A Importância do Parfor Equidade Uespi para o Ensino, Pesquisa e Extensão no Piauí. Segundo ele, a qualificação desses professores voltada para a ação, para a prática nas escolas é fundamental. “Estamos dando um passo significativo na inclusão e na melhoria da qualidade da educação no Piauí. Esse projeto transforma vidas. Estamos garantindo que todos os alunos recebam o apoio necessário para seu desenvolvimento escolar”, pontua o gestor.

Criado pelo Governo Federal em uma ação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) junto à Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização de Jovens e Adultos, Diversidade e Inclusão (Secadi/MEC), esta é uma ação especial dentro de um programa já existente o (Parfor), que já beneficiou mais de 100 mil professores da educação básica, que aprimoraram sua formação para atuar nas escolas públicas. A Uespi concorreu ao edital para oferecer vagas nesses cursos que, inicialmente, estão sendo ofertadas nos municípios de José de Freitas; Beneditinos; Nossa Senhora dos Remédios e Currais. Os dois últimos terão início ainda este mês.

A Educação Especial é a modalidade de educação que atende às pessoas com deficiência, altas habilidades e superdotação e com transtorno do espectro autista (TEA). De acordo com a coordenadora geral do Parfor, Francisca Cunha, essa é uma missão que vai beneficiar muita gente que precisa. “Vocês vão ajudar crianças como a minha filha Isabel, de 7 anos, e tantos outros alunos que temos por aí a terminar a educação básica, a ingressar no ensino superior, a ter uma profissão e a compartilhar todos os espaços que a sociedade dispõe”, ressaltou.

Com oito períodos e uma carga horária total de 2.700 horas, o curso vai oferecer disciplinas como: Política Educacional e Organização da Educação Básica; Ética, Educação e Educação Especial; Língua Brasileira de Sinais (Libras); Psicopedagogia; Ensino de Leitura e Escrita para; Ensino de Matemática, dentre outros. A Coordenadora Adjunta do Parfor Equidade, Nadja Carolina, destaca que todo o planejamento foi baseado em tudo o que há de mais atual e em todos os semestres terão atividades teóricas e práticas.

Fonte: Governo do Piauí

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco