O certificado de óbito -

Departamento escocês divulga causa da morte da rainha Elizabeth II

O Departamento de Registros da Escócia divulgou, nesta quinta feira (29/09), o certificado de óbito da rainha Elizabeth II. Segundo o documento, a monarca faleceu "de velhice", às 15h10 (11h10 no horário de Brasília), no dia 8 de setembro, no Castelo Balmoral, na Escócia. A morte, no entanto, foi divulgada pela Família Real após as 14h. As informações são do Sbtnews.

A informante do obituário foi a princesa Anne, filha de Elizabeth II. Uma semana após a morte da rainha, a princesa divulgou uma declaração dizendo que teve o privilégio de acompanhar Elizabeth até a jornada final. "Tive a sorte de compartilhar as últimas 24 horas da vida da minha querida mãe. Todos compartilharemos memórias únicas", escreveu.

Ocupando o trono desde 1952, a monarca, que morreu aos 96 anos, teve o reinado mais longo da história britânica, superando o comando da rainha Vitória, que governou no século XIX, por 63 anos, de 1837 a 1901. No período, Elizabeth foi servida por 15 primeiros-ministros, sendo a última Liz Truss, nomeada no início de setembro.

Clique aqui para ler a matéria completa.

Receba notícias do 180graus no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: t.me/noticias180graus.

PostMídia: (86) 9 9547-8622

Comentários