Compartilhar Tweet 1



As chuvas de início de ano trazem uma preocupação para a população com relação ao aumento dos casos das doenças sazonais ocasionadas pelo mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika.

Dados do boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) mostram que nos primeiros meses de 2021, até o período correspondente à oitava semana epidemiológica, foram registrados no Piauí 151 casos de dengue. O número representa uma redução de 45,29% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 276 casos no estado.

No ano passado, 1.853 pessoas tiveram a doença e, em 2019, quando o estado apresentou uma epidemia de dengue, 6.762 casos foram confirmados.

“Como estamos na pandemia da Covid-19, em que alguns sintomas se assemelham às doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, muitos casos dessas doenças foram subnotificados, por isso essa redução tão grande se compararmos os últimos dois anos”, explica a coordenadora de Epidemiologia da Sesapi, Amélia Costa.

Para conscientizar a população sobre prevenção dessas doenças, a Secretaria de Estado da Saúde alerta para os cuidados que devem ser tomados durante este período.

“Precisamos reforçar a população que é muito importante não deixar água parada, não jogar lixo em locais inapropriados, limpar terrenos e comunicar as autoridades de vigilância de seu município sobre locais que não cumprem esses requisitos”, alerta a coordenadora.

Sintomas

Os sintomas clínicos das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti são muito parecidos, por isso é importante prestar atenção em alguns detalhes, por exemplo, a dengue apresenta febre alta e de início imediato sempre presente, dores moderadas nas articulações, manchas vermelhas na pele e coceira leve.

Já, a chikungunya se manifesta com febre alta de início imediato, dores intensas nas articulações, manchas vermelhas nas primeiras 48 horas, coceira leve e vermelhidão nos olhos.

O quadro de zika é febre baixa, dores leves nas articulações, manchas vermelhas nas primeiras 24 horas, coceira de leve à intensa e vermelhidão nos olhos.

“Todo caso suspeito de dengue, chikungunya e zika deve ser notificado pelo serviço de saúde imediatamente até 24 horas do atendimento do paciente. Precisamos que os municípios façam essas notificações para que tenhamos um maior controle epidemiológico das doenças. E que a população procure o serviço de saúde para a realização de exames que notificam as doenças”, lembra Amélia Costa.

Medidas de prevenção

As principais medidas que devem ser tomadas pela população para o controle do Aedes aegypti são as seguintes:

– Manter a caixa d’água, tonéis e barris de água bem fechados;

– Colocar o lixo em sacos plásticos e manter a lixeira fechada;

– Não deixar água acumulada sobre a laje;

– Manter garrafas com boca virada para baixo;

– Acondicionar pneus em locais cobertos;

– Proteger ralos sem tampa com telas finas;

– Manter as fossas vedadas;

– Encher pratinhos de vasos de plantas com areia até a borda e lavá-los uma vez por semana;

– Eliminar tudo que possa servir de criadouro para o mosquito como casca de ovo e tampinha de refrigerante.


Fonte: Governo do Piauí
Comentar
Mulher estava sem máscara · 25/02/2021 - 11h02

Após discussão, médica agride mulher em hospita; assista


Compartilhar Tweet 1



Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento em que uma médica do Hospital Heliópolis, localizado na zona sul da cidade de São Paulo, deixa o consultório após discutir com a acompanhante de uma paciente e tenta agredi-la. O caso teria ocorrido no dia 17, mas o boletim de ocorrência só foi registrado na última quarta-feira (24). A reportagem é do iG/ Último Segundo. 

Segundo informações do portal Uol, que ouviu o responsável pela gravação, Anderson Basílio Ferraz, a confusão começou após a médica plantonista Silvia Haber Duellberg se recusar a atender sua avó, que tem 96 anos, e afirmar que "ali não existia o Estatuto do Idoso" e que ela "seria a última das últimas" a ser atendida.

Entretanto, a agressão registrada ocorreu com outra acompanhante que estava no local e resolveu questionar a médica pelo fato de ela não estar utilizando máscara. Ainda de acordo com a publicação, a mulher agredida é Isabela Saturnino dos Santos, de 33 anos, que teve os óculos arrancados do rosto e os cabelos puxados após ficar na porta do consultório em forma de protesto.

Em contato com o portal, a Secretaria de Estado da Saúde informou que pediu o afastamento imediato da médica enquanto o caso é investigado e que repudia condutas desrespeitosas por parte de profissionais do SUS. Já o Conselho Regional de Medicina do Estado e São Paulo disse que está apurando o caso, uma vez que Duellberg possui registro profissional licenciado pela instituição.

Comentar

Compartilhar Tweet 1



O Núcleo de Águas e Energia da Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (SEMA) realizou uma reunião com representantes das Superintendências da Prefeitura de Teresina e com a empresa Equatorial Energia, com o intuito de firmar uma parceria para melhorar a coleta dos resíduos gerados a partir da poda de árvores. Estiveram presentes representantes das Superintendências da Prefeitura de Teresina e a empresa Equatorial Energia.

Segundo o secretário de Administração, Leonardo Freitas, a parceria entre a Prefeitura e Equatorial ocorrerá de maneira planejada. “A reunião foi muito proveitosa e todos os participantes das Superintendências deram ideias que serão organizadas em um projeto de ações que contemplará em um primeiro momento a poda de árvores, que é um problema enfrentado pela população principalmente no inverno, e em seguida, a questão do consumo de energia nos mercados públicos”, disse o secretário.

Para a representante da Equatorial Energia, Marinna Carneiro, a parceria com a Prefeitura de Teresina trará maior satisfação da população teresinense “o assunto da poda de árvores no município é relevante e firmar essa parceria com a Prefeitura de Teresina vai trazer melhorias para satisfação dos nossos clientes”.

De acordo com dados obtidos através de um mapeamento realizado pela Equatorial Energia, existem 62 mil árvores só na área urbana de Teresina, com isso, a importância de uma parceria entre poder público e privado trará benefícios e mais segurança à população quanto à coleta e destinação adequada dos resíduos gerados pela poda de árvores, além da prevenção de problemas ocasionados quando poda e coleta não são realizadas.

 


Fonte: Prefeitura de Teresina
Comentar
Teve má-formação · 22/02/2021 - 18h00

Cachorro nasce com um olho, sem focinho e com duas línguas


Compartilhar Tweet 1



Um cachorro, que nasceu nas Filipinas , veio a vida com um olho, sem focinho e com duas línguas . Sua ninhada nasceu no dia 6 de fevereiro e ele foi um dos seus filhotes que teve má-formação. As informações foram apuradas pelo Metro World News. As informações são do iG/ Último Segundo. 

De acordo com o Strambotic, Amie de Martin, donas dos cachorros, ela teria tentado alimentar o filhote com um conta-gotas e leite em pó, porém, cerca de duas semanas depois o cachorro faleceu pois segundo os relatos de Martin, ele não conseguia comer e nem respirar corretamente. 

 

CYCLOPS PUPPY

Publicado por Amie de Martin em Sábado, 6 de fevereiro de 2021

 

O cachorro foi batizado pela dona como ‘ Ciclope ’ e pode ser considerado como uma alusão a mitologia grega, lá gigantes imortais tinham um olho só no meio de suas testas. Mesmo não sendo visto com recorrência, a má-formação intitulada como ‘ciclopia’ pode ser desenvolvida em todos os vertebrados, até mesmo em humanos. 

“ Apesar da baixa incidência de ciclopia na população, fetos humanos com esta malformação não são viáveis e morrem durante o desenvolvimento ou logo após o nascimento .” – declarou o pesquisador  Sinc Paul Palmquist-Gomes , da Universidade de Málaga , na Espanha. 

Comentar
Orientações do INSS · 22/02/2021 - 06h24

Cartilha alerta idosos sobre uso consciente de aposentadorias


Compartilhar Tweet 1



A Secretaria de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia disponibilizou em seu portal, na última semana, uma cartilha com informações de educação financeira para aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

A iniciativa visa a auxiliar esse público na tomada de decisões mais conscientes com relação ao uso de seus recursos financeiros e contribuir para evitar o endividamento. Elaborada em linguagem simples, a cartilha trata das formas de acesso a benefícios, às modalidades de crédito, a prevenção a golpes e fraudes, além de informações adicionais sobre direitos das pessoas idosas.

O documento “Educação Financeira para Pessoas Idosas - Guia para aposentados e pensionistas do INSS” foi lançado no final do ano passado e aperfeiçoado após apresentação ao Conselho de Nacional de Previdência Social e sugestões dos seus membros.


Fonte: Agência Brasil
Comentar
Três pessoas estavam no carro · 21/02/2021 - 14h12 | Última atualização em 21/02/2021 - 15h39

Motorista capota caminhonete na estrada que liga Santo Antônio de Lisboa a Bocaina


Compartilhar Tweet 1



Um acidente ocorrido por volta das 18h30 deste sábado (20/02), com uma Ford Ranger, deixou um homem ferido na estrada que liga o município de Santo Antônio de Lisboa a Bocaina. O local é conhecido como ladeira de Dulaia, situada antes do rio Riachão. Com informações do Cidades na Net. 

O motorista, proprietário de um restaurante, perdeu o controle da caminhonete e capotou.

Mesmo com a gravidade do acidente, o motorista sofreu apenas ferimentos leves. Outras duas pessoas que estavam no veículo escaparam ilesas.

 

Comentar
Constituição de 1891 · 21/02/2021 - 10h15

1ª Constituição Republicana do Brasil completa 130 anos


Compartilhar Tweet 1



O Brasil segue as leis da Constituição de 1988 há mais de 32 anos. Mas o dia 24 de fevereiro traz à tona o aniversário da centenária constituição de 1891. Nesse dia, completam-se 130 anos da promulgação da primeira constituição do regime republicano e a segunda do Brasil.

Em 1891, 234 congressistas escolheram Marechal Deodoro da Fonseca na Presidência da República. As eleições diretas só vieram a ocorrer três anos depois, em 1894.  Antes, somente católicos podiam votar no Brasil. Foi a Constituição Republicana que separou textualmente o poder do Estado da Igreja. 


Fonte: Agência Brasil
Comentar

Compartilhar Tweet 1



O Ministério da Saúde dispensou o uso de licitação para compra das vacinas Covaxin, da Índia, e Sputnik V, da Rússia. O objetivo é dar mais agilidade ao processo de aquisição desses imunizantes.

A compra ainda depende da aprovação para uso emergencial da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

No total, serão disponibilizadas para a população 10 milhões de doses da Sputnik V e 20 milhões da Covaxin.

As entregas devem começar em março e deverão seguir o seguinte cronograma:

Sputtnik V

Março: 400 mil

Abril: 2 milhões

Maio: 7,6 milhões

Total: 10 milhões de doses

Covaxin

Março: 8 milhões

Abril: 8 milhões

Maio: 4 milhões

Total: 20 milhões de doses.

O investimento previsto é de R$ 639,6 milhões na vacina russa e R$ 1,614 bilhão na vacina da Índia.


Fonte: Com informações da Agência Brasil
Comentar
245.977 pessoas morreram · 21/02/2021 - 09h02

Covid-19: Brasil registrou 57.472 casos em 24 horas


Compartilhar Tweet 1



O Ministério da Saúde atualizou os números da pandemia de covid-19 no Brasil. De acordo com o boletim epidemiológico, o país registrou 57.472 novos casos em 24 horas. O total de casos é de 10.139.148. Destes, 825.232 (8,1%) seguem em acompanhamento.

O número de óbitos em 24 horas é de 1.212. No total, a pandemia de covid-19 já vitimou 245.977 pessoas no Brasil. O número de recuperados segue em patamar estável, com 89,4% das pessoas infectadas já curadas da doença. Segundo o Ministério da Saúde, 9.067.939 pessoas são consideradas recuperadas.

No mapa estadual da covid-19, o cenário semanal permanece sem grandes alterações. São Paulo continua em 1º em infecções e óbitos, com 1.971.423 casos registrados e 57.743 mortes em decorrência do novo coronavírus. Minas Gerais e Bahia seguem em 2º e 3º lugar, com 837.041 casos e 17.594 óbitos e 651.484 casos e 11.128 óbitos, respectivamente.

Comentar

Compartilhar Tweet 1



Considerado raro em países desenvolvidos, o câncer de pênis ainda afeta milhares de homens no Brasil. Embora evitável, a doença atingiu, pelo menos, 10.265 brasileiros entre os anos de 2016 e 2020. São casos que, além de deixar sequelas físicas e psíquicas às vezes irreparáveis, colocaram o país entre as cinco nações com os maiores números de ocorrências, junto com Quênia, Uganda, Egito e Índia.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), mesmo que menos frequente que outros tumores, como o de próstata, o câncer de pênis representa cerca de 2% de todos os casos de neoplasias malignas diagnosticadas entre homens no Brasil, sendo mais frequentes nas regiões Norte e Nordeste – principalmente entre pessoas de menor grau de instrução e renda.

Conforme o Ministério da Saúde, a proporção de internações se manteve relativamente estável ao longo dos últimos anos: foram 1.961 em 2016; 2.017 (2017); 2.142 (2018); 2.194 (2019) e 1.951 no ano passado. Entre 2014 e 2018, as mais altas taxas de mortalidade por câncer de pênis foram verificadas em três estados da região Nordeste: Maranhão, Piauí e Sergipe; e em dois da região Norte: Pará e Tocantins. No ano passado, esses cinco estados, além de 370 cidades de todo o país, foram incluídos em um projeto-piloto que o ministério criou para qualificar o cuidado com a saúde masculina e tentar reduzir a incidência de câncer de pênis. A pasta destinou R$ 20 milhões ao projeto, ainda em fase experimental.

Higiene íntima

De acordo com o urologista Felipe de Paula, membro da diretoria da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) de São Paulo, muitos dos casos da doença poderiam ser evitados apenas com cuidados básicos com a higiene íntima, já que o descuido com a limpeza do órgão sexual masculino é identificada como o principal fator de risco.

“É preciso higienizar muito bem o pênis, mas não só sua parte exterior. É necessário expor a glande, ou seja, a cabeça do pênis; colocá-la para fora do prepúcio [camada de pele retrátil que cobre a extremidade do órgão] e lavá-la bem”, orienta o urologista, destacando que a presença de fimose pode aumentar o risco de surgimento de lesões e dificultar a lavagem adequada da glande (que deve ser feita apenas com água e sabonete ou sabão), aumentando o risco de surgimento de um tumor.

Demora no diagnóstico

Diretor clínico do Hospital Regional do Câncer de Presidente Prudente (HRCPP), no interior paulista, Paula também destaca que, por vários motivos, a maioria dos pacientes costuma demorar a constatar os sinais de que há algo de errado. E mais ainda para procurar um médico.

“Uma pesquisa demonstrou que, mesmo depois de perceber uma lesão no pênis, metade dos homens demorou mais de um ano para procurar o serviço de saúde. Seja por falta de acesso, seja, na maioria das vezes, por vergonha”, declarou o urologista à Agência Brasil, alertando para o fato de que, no último ano, o diagnóstico precoce da doença foi prejudicado também pelo medo do novo coronavírus.

“A situação piorou, pois com a covid-19, as pessoas têm procurado cada vez menos os serviços de saúde. Isto se reflete também em relação aos [diagnósticos de] tumores que se agravam à medida que a pessoa demora a buscar ajuda médica”, comentou Paula, destacando que, quanto mais cedo for iniciado, maiores as chances do tratamento de qualquer tipo de câncer ser bem-sucedido. “Infelizmente, quando muitas destes homens procuram o serviço de saúde, a situação já é grave.”

Paula recomenda que os homens fiquem atentos ao surgimento e à evolução de feridas e manchas em qualquer parte do órgão sexual, mas principalmente na glande. Ferimentos que não cicatrizam, a presença de uma secreção branca e/ou de um cheiro desagradável que não desapareça com a adequada lavagem do pênis podem ser indícios de um tumor.

Outro sinal preocupante pode ser a presença de gânglios inguinais (ínguas) na região das virilhas. Qualquer que seja o caso, a pessoa deve consultar um médico especialista para identificar a real causa do problema e receber o tratamento mais adequado.

Alta taxa de cura

Diagnosticado em estágio inicial, o tratamento do câncer de pênis apresenta elevada taxa de cura. A detecção dos casos de câncer pode ser feita por meio de exames clínicos, laboratoriais ou radiológicos. O tratamento depende da extensão local do tumor e do comprometimento dos gânglios inguinais, podendo ser feito por meio de cirurgia, radioterapia ou quimioterapia, conforme o caso. Segundo o Inca, o diagnóstico precoce é fundamental para evitar que a situação se agrave e seja necessário amputar parcial ou totalmente o pênis.

Embora seja mais frequente entre homens a partir dos 50 anos de idade, o câncer de pênis também pode atingir os mais jovens. Entre os fatores que aumentam o risco da pessoa vir a desenvolver a doença estão o fumo e as consequências de doenças sexualmente transmissíveis maltratadas – razão para os especialistas reforçarem a recomendação para que os homens usem preservativo ao terem relações sexuais.


Fonte: Com informações da Agência Brasil
Comentar
Continue apostando na sorte · 21/02/2021 - 08h51

Mega-Sena acumula e prêmio pode chegar a R$ 42 milhões


Compartilhar Tweet 1



Nenhum apostador acertou as seis dezenas sorteadas no concurso 2346 da Mega-Sena sorteadas ontem (20), no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. O prêmio acumulou e pode chegar a R$ 42 milhões.

As dezenas sorteadas foram: 03 - 04 - 11 - 40 - 42 - 58.

O próximo concurso (2347) será realizado na quarta-feira (24), às 20 horas (horário de Brasília), e pode ser conferido, ao vivo, pela internet, no canal oficial da Caixa no YouTube.

As apostas podem ser feitas até as 19h de quarta-feira em qualquer casa lotérica. A aposta mínima (6 números) custa R$ 4,50.


Fonte: Com informações da Agência Brasil
Comentar

Compartilhar Tweet 1



O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, garantiu, hoje (19/02), a uma comissão da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), que o governo distribuirá mais de 4,7 milhões de doses da vacina contra a covid-19 até o começo de março.

Ao conversar, por videochamada, com o presidente da entidade, o ex-prefeito de Campinas, Jonas Donizette, e outros nove prefeitos, o ministro afirmou que, a partir do próximo dia 24, o ministério começará a distribuir às secretarias estaduais de saúde cerca de 2,7 milhões de doses da vacina CoronaVac, produzidas no Brasil pelo Instituto Butantan, e outros dois milhões de doses da AstraZeneca que o governo está importando da Índia.   

Segundo o ministro, todo o novo lote será usado para vacinar apenas pessoas dos grupos prioritários que ainda não receberam a primeira dose do imunizante. A medida visa acelerar o processo de vacinação no país. “Neste novo momento da campanha, a vacina do Butantan será aplicada em dose única, com o objetivo de ampliar a vacinação e atender ainda mais brasileiros. Com isso, entramos em março com a expectativa de vacinar novos grupos”, disse o ministro à comissão da FNP.

A segunda dose da vacina do Butantan será aplicada de 14 a 28 dias após a primeira, conforme orientação do fabricante e dependerá dos novos lotes que devem chegar ao país até março.

Logo após o término da conversa, o presidente da frente disse a jornalistas que o ministro sugeriu aos prefeitos que receberem ofertas para adquirir eles próprios suas vacinas, que encaminhem os representantes dos laboratórios farmacêuticos ao ministério.

“Há um problema acontecendo. Muitas cidades e estados [estão] dizendo: “Ah! A gente compra por aqui”. O ministro foi muito enfático: quem tem vacina para vender pode mandá-las para o ministério que a pasta compra”, comentou Donizette, acrescentando que compete ao governo federal centralizar a aquisição de vacinas.

“Há municípios que, às vezes, querem fazer a compra, mas nós temos o Programa Nacional de Imunização. Logo, se existe disponibilidade de vacina à venda, todas devem ir para o programa nacional, embora eu ache que também pudéssemos contar com a iniciativa privada, que pode comprar e doar os imunizantes para o programa nacional [coordenado pelo ministério]”, acrescentou Donizette.

A expectativa ministerial é receber outras 39 milhões de doses de vacinas ao longo do próximo mês: 21 milhões do Instituto Butantan e 18 milhões da AstraZeneca, sejam das produzidas pela Fiocruz, sejam importadas. 

Educação

Em nota divulgada logo após o término da reunião, o Ministério da Saúde afirma que estuda incluir novos grupos entre os já considerados prioritários (idosos, profissionais de saúde, indígenas que vivem em territórios tradicionais e portadores de necessidades especiais que vivem em instituições, dentre outros grupos que deverão ser vacinados gradualmente, conforme a disponibilidade do imunizante). A pasta afirma que a expectativa é incluir novos grupos a partir de março.

Já segundo Donizette, o ministro teria sinalizado positivamente a uma das principais reivindicações da FNP: a antecipação da vacinação dos profissionais de educação de todo o país

"O ministro aceitou nossa sugestão de priorizar o pessoal da educação, e disse que quer colocá-los dentro do mês de março. Os prefeitos perguntaram se podem assumir este compromisso [publicamente], falar que vão vacinar os professores em março, e ele pediu mais alguns dias para poder confirmar [a notícia], mas também disse que a intenção é esta: trazer a vacinação dos professores para março", acrescentou Donizette.

Questionado sobre a possibilidade de os profissionais de educação começarem a ser vacinados no próximo mês, o ministério informou que o assunto está em análise e depende de uma série de fatores que precisam ser coordenados como o cronograma de recebimento das vacinas.

No último dia 12, a Frente Nacional de Prefeitos já tinha enviado ao Ministério da Saúde um ofício destacando a importância de que professores e demais trabalhadores de estabelecimentos de ensino sejam imunizados, sob risco de, com a retomada das aulas presenciais em várias partes do país, a categoria se tornar vetor de disseminação da covid-19.

Hospitais

O ministro da Saúde também garantiu aos prefeitos que o ministério pagará às prefeituras pela utilização, de janeiro a março, de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com a covid-19. “Foi garantido o pagamento integral de todos os leitos habilitados de janeiro e fevereiro”, explicou Donizette, atribuindo ao ministro a informação de que o dinheiro só não foi liberado por questões legais.

“Segundo o ministro, a lei orçamentária ainda não foi aberta, mas há uma expectativa de que, a qualquer momento, o ministério receba um crédito adicional para poder pagar por estes leitos às prefeituras”, afirmou o presidente da FNP.

Além de Donizette, participam da conversa com o ministro da Saúde e com secretários do ministério os prefeitos David Almeida (Manaus); Edvaldo Nogueira (Aracaju); Edmilson Rodrigues (Belém); Rafael Greca (Curitiba); Sebastião Melo (Porto Alegre); Emanuel Pinheiro (Cuiabá); Bruno Reis (Salvador); Eduardo Paes (Rio de Janeiro) e Duarte Nogueira (Ribeirão Preto).


Fonte: Agência Brasil
Comentar

Compartilhar Tweet 1



Em reunião na manhã desta quinta-feira (18/02) realizada na Prefeitura de Teresina, representantes do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon Teresina) juntamente com os membros da Comissão de Desburocratização e gerentes das SDU´s, discutiram os caminhos para acelerar os processos envolvendo o setor da construção. Reuniões têm ocorrido para tratar a temática e a proposta do encontro de hoje foi montar uma agenda objetiva de medidas que devem ser seguidas para otimizar o fluxo de demandas.

Durante o diálogo, foi pontuado que o excesso de burocracia tem gerado entraves. Para dar celeridade às atividades, as comissões montadas têm se organizado e discutido caminhos para potencializar a atuação do segmento. A ideia é atuar em dois eixos: rotinas internas e legislação, para melhorar o cenário local. Devido ao volume de demandas, foram montadas comissões, como a de Finanças e Planejamento.

O Secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação do Munícipio (SEMDUH), Edmilson Ferreira, representou o prefeito Dr. Pessoa e conduziu a reunião. Ele destacou que há muitas dificuldades em relação aos processos, desde a entrada do protocolo até a resposta da Prefeitura. Segundo ele, são realizadas reuniões para compreender os trabalhos, além de encontros menores com grupos multidisciplinares específicos. “Isso para desburocratizar a máquina pública dentro da Prefeitura. Estamos aqui montando cronogramas para essa situação se resolver o mais breve possível. Hoje nomeamos grupos de coordenação de atividades dentro dessa estrutura toda, como a legislação, rotinas internas e fluxograma desses processos”, informou Edimilson.

O presidente do Sinduscon Teresina, Francisco Reinaldo, ressaltou que a agilidade é o fator que mais atrai o empreendedor. Ele aponta que o setor pede por agilidade nos processos para que a cidade sirva de exemplo e seja atrativa para os futuros investidores. “Conseguimos reunir todas as SDU´s, a área técnica da Prefeitura e vamos ter bons resultados nos próximos meses. Quando começamos a modificar os procedimentos, percebe-se que há muita coisa a melhorar. Cada gerente se pronunciou e entendemos os problemas estruturais, como sistemas e equipamentos. São coisas que precisam ser resolvidas. A legislação será mexida, mas apenas a médio prazo”, explica o presidente.

Guilherme Fortes, vice-presidente do Sindicato, reforça que o objetivo das discussões é materializar ações concretas, encaminhamentos resolutivos. “A Prefeitura está se antecipando, propôs essa reunião e isso é muito positivo. Cerca de 70% dos processos são pequenos, podendo ser acelerados. Então, ter uma licença prévia para acelerar os processos dentro de SEMAM, por exemplo, seria bastante resolutivo", conclui.

Comentar
Sede em Teresina · 18/02/2021 - 10h02 | Última atualização em 18/02/2021 - 10h03

Equatorial oferece mais emprego no Piauí com novo Call Center


Compartilhar Tweet 1



O mercado de trabalho tem sofrido impacto direto com a pandemia da Covid-19 desde o início de 2020. De acordo com o IBGE, mais de 1,3 milhão de brasileiros entraram na fila em busca de uma oportunidade de trabalho nos últimos meses. No Piauí, a taxa de desocupação chegou a 12,8%. Na contramão do contexto de crise, um investimento do Grupo Equatorial Energia vem amenizar esse cenário no estado com a criação de 100 novos empregos diretos.

Teresina será sede de mais uma Central de Atendimento da Equatorial Energia, a terceira do Grupo. O processo de seleção dos atendentes aconteceu no final de 2020 e o novos colaboradores da empresa estão em fase de treinamento. A nova Central de Atendimento deve ser inaugurada no final de março desse ano e teve investimento de R$ 2,5 milhões. Com essa ampliação, clientes dos quatro estados onde a Equatorial Energia atua como distribuidora serão beneficiados: Piauí, Maranhão, Alagoas e Pará.

Central de Atendimento da Equatorial Energia
Central de Atendimento da Equatorial Energia    Divulgação / Equatorial Piauí

Trabalhar na Central de Atendimento da Equatorial Energia será o primeiro emprego de Helany Rosa, jovem de 18 anos. “Estamos vivendo um momento difícil. Essa crise econômica e de saúde não está fácil para ninguém e na minha casa não é diferente. O emprego representa a oportunidade de ajudar meus pais e não mais ficar olhando a situação que passamos sem poder contribuir de nenhuma forma. Vejo ainda como uma oportunidade ter minha independência financeira”, declara a atendente.

A previsão é que mais de 2 milhões de atendimentos sejam realizados em 2021 somente por esta nova Central. “Inicialmente foram ofertadas 100 oportunidades de empregos. Este número pode ser ampliando ainda no segundo semestre do ano. Além da geração de emprego e renda e do fortalecimento da economia local, a chegada dessa Central de Atendimento também vai impactar diretamente na qualidade do atendimento aos nossos clientes”, afirma Maurício Velloso, presidente da Equatorial Piauí.

Em média, a nova Centra de Atendimento de Teresina terá capacidade para receber 30% dos atendimentos previstos em 2021 nas quatros Distribuidoras do Grupo. Este é apenas um dos investimentos previstos para o estado neste ano. Mesmo ainda com cenário de pandemia, a Equatorial Energia segue com seu calendário de inaugurações e outras ações de melhorias na distribuição de energia elétrica no Piauí, como a chegada da Subestação Ininga e da Linha 69kV Parnaíba II / Camurupim, ambas previstas para este primeiro semestre.


Fonte: Equatorial Piauí
Comentar
Qualificação aos profissionais · 16/02/2021 - 12h17 | Última atualização em 26/02/2021 - 12h21

Qualidade e segurança do paciente são temas de palestra no HUT


Compartilhar Tweet 1



Oferecer um atendimento seguro e de qualidade aos pacientes é uma prioridade do Hospital de Urgência de Teresina, Prof. Zenon Rocha (HUT). Para isso, o Hospital, promoverá durante todo o ano, através de parcerias públicas e privadas, investimento em qualificação aos profissionais de todas as áreas.

Na manhã desta terça (16), lideranças das áreas assistenciais, administrativas e diretorias, além de representantes da Fundação Municipal de Saúde (FMS) passaram por uma importante qualificação, voltadas para motivação e práticas de excelência em assistência ao paciente.

O encontro foi promovido pelo Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) em parceria com a Unidade de Educação Continuada, ambos do HUT e realizado no auditório do Centro Universitário Maurício de Nassau.

O Diretor Geral do HUT, Fábio Marcos, ressalta a importância da qualidade no atendimento como uma das prioridades. “Nessa gestão, a nossa preocupação é manter a humanização e a qualidade em todas as fases de atendimento, isso se tornou uma prioridade estratégica do HUT e para isso vamos capacitar melhor nossa equipe, frisou.

A abertura do encontro contou com a participação do Psicólogo Eduardo Moita que falou sobre aspectos ligados a motivação, seguido pelo enfermeiro e mestre Américo Bez Júnior, apresentando processos baseados em evidências científicas em nível nacional e internacional sobre a qualidade assistencial com um olhar voltado para a segurança.

Américo Bez, consultor Hospitalar nas áreas de certificação da qualidade, projetos de melhoria e segurança do paciente enfatiza sobre desafios de elevar qualidade dos serviços. “A tentativa de elevar a qualidade dos serviços será sempre um desafio, prover uma saúde pública de qualidade é possível, mesmo diante de um contexto desfavorável como o atual. A pandemia nos mostrou que a segurança é primordial tanto para o paciente como para toda a equipe multiprofissional do HUT”, disse.

Para Viviane Alves, chefe da Unidade de Educação Continuada e Roseanne Nunes (Coordenadora do NSP) falou sobre o objetivo da capacitação. “Essa capacitação objetiva oferecer um serviço com mais segurança e qualidade aos pacientes, promovendo uma boa assistência por meio da expansão do conhecimento”, frisou.


Fonte: Prefeitura de Teresina
Comentar

Compartilhar Tweet 1



Mundialmente conhecida como uma das serial killers mais cruéis, a britânica Rose West, de 67 anos, recebeu o imunizante contra a Covid-19 de forma antecipada, e fora da sua faixa etária. A divulgação do caso gerou forte repercussão nos internautas, e provocou uma onda de protestos. As informações são do i7News.

Condenada à prisão perpétua em 1995, Rose e seu marido vitimaram várias crianças no porão da própria casa, enterrando muitos corpos dentro ou próximo da residência, situada em Gloucester, na Inglaterra. O local ficou conhecido como a Casa do Horror. Antes mesmo de ir a julgamento, Fred West, marido e cúmplice da serial killer, tirou a própria vida durante os anos 1970. 

Rose West foi vacinada na penitenciária HMP New Hall, em Flockton, na Inglaterra, onde cumpre a pena máxima. 

Justificativa para vacina antecipada

De acordo com apuração do jornal britânico The Sun, Rose é obesa atualmente e convive com problemas de visão, o que atrapalha ela na subida das escadas do local, sendo assim, o estado dela foi classificado como “extremamente vulnerável“, o que fez que com ela se tornasse elegível para ter a antecipação da imunização.

Rose West recebeu a dose do imunizante contra a Covid-19 antes mesmo dos agentes penitenciários que trabalham no local. Segundo o periódico, ela apresentou reação à vacina e precisou ser acamada após a aplicação.

Ainda segundo o The Sun, outro prisioneiro conhecido, Gary Glitter, condenado por crimes de pedofilia, também foi imunizado. No entanto, não “furou a fila”, uma vez que já tem 76 anos, integrando assim o grupo que estão sendo vacinados no país, no momento. 

Revolta

Nas redes sociais, diversos internautas mostraram revolta com a vacinação “fura fila” de Rose West. “Absolutamente ridículo”, disse um internauta. “Típico do sistema da ‘judicial’ britânico, que põe criminosos na frente dos cidadãos de bem”, detonou outro.

Comentar
Calendário bancário mantido · 15/02/2021 - 09h20

Bancos não abrem nesta segunda e terça-feira de Carnaval


Compartilhar Tweet 1



Apesar do cancelamento dos pontos facultativos e das festas de Carnaval em muitos estados e municípios, os bancos não abrirão para atendimento ao público nesta segunda-feira (15) e na terça-feira (16). O calendário bancário está mantido e o expediente será retomado na quarta-feira (17), às 12, com encerramento em horário normal do fechamento das agências.

Entretanto, de acordo com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), nas localidades em que as agências fecham normalmente antes das 15h, o início do atendimento ao público será antecipado para garantir o mínimo de três horas de funcionamento.

As contas de consumo e carnês com vencimento em 15 ou 16 de fevereiro poderão ser pagas, sem acréscimo de juros, na quarta-feira (17). Segundo, a Febraban, normalmente, os tributos já vêm com datas ajustadas ao calendário de feriados nacionais, estaduais e municipais, mas caso isso não tenha ocorrido, a sugestão é agendar o pagamento nos caixas eletrônicos, internet banking e pelo atendimento telefônico dos bancos.


Fonte: Com informações da Agência Brasil
Comentar

Compartilhar Tweet 1



    Redes sociais/Reprodução

As gêmeas Mayla e Sofia, de 19 anos, que são transexuais, vieram do interior de Minas Gerais para Santa Catarina para realizar um sonho em comum, as duas passaram pela cirurgia de redesignação sexual, popularmente conhecida como “mudança de sexo”. A informação é do NDmais.

O procedimento raro em todo o mundo ocorreu na última quarta-feira (10), no Hospital Santo Antônio, em Blumenau. A cirurgia demanda alta tecnologia e repercutiu em todo o país, principalmente por ter sido feito em duas irmãs gêmeas tão jovens.

Agora, Sofia e Mayla decidiram revelar suas identidades, quem apresentou a duas foi o jornalista Alex Ferrer, que através de suas redes sociais, mostrou como foi acompanhar de perto a cirurgia das duas.

As irmãs já discutiam a transição do masculino para o feminino desde antes da maioridade, ambas começaram o tratamento hormonal com anticoncepcional por volta dos 15 anos. Para elas, a cirurgia é a realização de um sonho que as tornará completas, sem o órgão genital masculino.

“Me sinto realizada, liberta. Foi tudo com a permissão de Deus, desde os meus 3 anos de idade eu peço para Deus me transformar em uma menina e creio que ele nos abençoou até aqui”, conta Mayla.

As duas precisaram vender uma casa, que era fonte de renda para a família, para conseguir fazer a cirurgia. “Meus pais sempre entenderam e nos apoiaram, nós somos mulheres, mas nascemos no corpo errado, agora estamos livres”, finalizou Mayla.

Comentar
Segundo Inmet · 14/02/2021 - 17h15 | Última atualização em 14/02/2021 - 19h37

Domingo de Carnaval terá chuva em grande parte do país


Compartilhar Tweet 1



    Marcello Casal Jr / Agência Brasil

O domingo de carnaval será chuvoso em boa parte do país. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta de chuvas intensas para 18 estados e o Distrito Federal. A informação é do R7.

Receberam alerta laranja, que indica perigo real de chuva, o leste, centro e sul do Amazonas; os estados do Pará, do Tocantins e de Rondônia; quase todo o Goiás; o Distrito Federal e as regiões noroeste, sul e do Triângulo Mineiro, em Minas Gerais.

O Inmet emitiu alerta amarelo, com perigo potencial de chuva, para o Ceará; o Piauí; o oeste do Rio Grande do Norte, da Paraíba e de Pernambuco; o oeste da Bahia; o norte, o centro, o leste e a Zona da Mata de Minas Gerais; a região serrana do Rio de Janeiro; o sul de Mato Grosso; o norte e sul de Mato Grosso do Sul; o sudoeste de Goiás; quase todo o estado de São Paulo; o litoral do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul; e a fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai.

Além das chuvas, o litoral do Rio Grande do Sul tem alerta amarelo para fortes ventos costeiros.

Os alertas não significam que as chuvas ocorrerão durante todo o dia. Os temporais poderão vir na forma de tempestades em horários concentrados, principalmente à noite ou no fim da tarde, após forte calor.

Comentar
Ação social · 14/02/2021 - 10h59 | Última atualização em 14/02/2021 - 11h45

Dr Pessoa participa de entrega de utensílios para moradores de rua em Teresina


Compartilhar Tweet 1



O prefeito Doutor Pessoa participou na manhã deste domingo (14/02) de ação social de grupo de voluntários que entregaram café da manhã, lençol e roupas a moradores de rua. A ação aconteceu na Praça Pedro II, centro de Teresina. 

"Eu costumo há mais de 25 anos fazendo esse serviço a noite aos moradores de rua. Todos estavam querendo me abraçar, mas não me abraçaram por causa do coronavírus. Eu parabenizo a todos de máscaras. Todos precisam de um pouco de cidadania", disse o prefeito ao lado de apoiadores.

Veja vídeo e fotos:

    Divulgação
    Divulgação
    Divulgação
    Divulgação

 

Comentar
Maratona entre Piauí e Ceará · 14/02/2021 - 09h45 | Última atualização em 14/02/2021 - 16h23

Grupo de piauienses percorre mais de 300 km em 24h para cumprir promessa


Compartilhar Tweet 1



Um grupo de ciclistas de Pedro II, Norte do Piauí, concluiu neste sábado (13/02) uma maratona que percorreu mais de 300 km em um trecho de Pedro II a Canindé, no Ceará. As informações são do Portal P2.

O grupo é composto por quatro ciclistas e um apoio: Wanderson, Kim, Sabrina, Darlison e Toim Play. Os ciclistas saíram de Pedro II às 3h de sexta-feira (12/02) e percorreram cerca de 200 km até Santa Quitéria/CE, onde pernoitaram. Já pela manhã do dia seguinte, a equipe seguiu viagem rumo à Terra de São Francisco.

A chegada em Canindé ocorreu por volta das 11h deste sábado, e segundo o grupo, esta seria uma promessa feita, e que foi concluída com sucesso, após mais de 24h de pedaladas e exatamente 306,59 km.

 

Comentar

Compartilhar Tweet 1



    Igo Estrela/Metrópoles

O isolamento social imposto pela pandemia provocou o aumento nas compras e transações on-line, uma mudança de hábito que exige atenção, principalmente em relação às propagandas enganosas, boletos falsos e até réplicas de sites de lojas famosas. A informação é do Metrópoles. 

Uma pesquisa realizada pelo Serasa e o Instituto Locomotiva revelou que mais de 60 milhões de brasileiros já sofreram algum tipo de fraude financeira na internet. O levantamento informou ainda que só 35% das pessoas que foram vítimas de fraude conseguem recuperar o valor.

De acordo com o advogado especialista em Direito Digital, Francisco Gomes Júnior, muitos truques são utilizados pelos golpistas para enganar os consumidores. “Muitas pessoas que sofrem golpes não tomam nenhuma providência e ficam no prejuízo, achando que denunciar não dá resultados” afirma.

Segundo o especialista, os golpes eletrônicos mais comuns incluem pedidos de doação para falsas instituições, ofertas com preços muito baixos, QR Codes falsos e promoções gratuitas por aplicativos de mensagens. “É muito importante estar atento a todos os detalhes. Nossos dados têm cada vez um valor maior no mercado”, alerta.

O diretor Executivo da Pontaltech, Bruno Cedaro, destaca que o mais tradicional golpe aplicado em pessoas físicas atualmente é o phishing. “Nesse tipo de fraude uma característica marcante é a tentativa de se passar por uma instituição financeira ou uma marca famosa ofertando uma promoção ou até mesmo solicitando uma atualização cadastral. Dessa forma, o fraudador coleta o máximo de informações pessoais para que depois possa usar esses dados para se passar pela vítima”, explica.

Cedaro afirma que para se proteger desse tipo de golpe, é necessário estar sempre atento ao canal de comunicação que está solicitando esses dados e, em caso de dúvidas, buscar esclarecer se de fato um canal oficial da empresa.

“Uma outra forma simples é avaliar se esse site que está tentando coletar os dados é um ambiente seguro por criptografia, o famoso HTTPS, e se esse certificado foi emitido em nome da empresa que esta tentando se comunicar com você”, ressalta.

Quais são os principais golpes?

Segundo Francisco, os golpes eletrônicos mais comuns incluem pedidos de doação para falsas instituições, ofertas com preços muito baixos, QR Codes falsos e promoções gratuitas por aplicativos de mensagens. “É muito importante estar atento a todos os detalhes. Nossos dados têm cada vez um valor maior no mercado”, alerta.

WhatsApp

Por ser o mais popular dos aplicativos de mensagens, o WhatsApp é muito usado em transações e se torna um dos alvos preferidos dos golpistas. Desconfie sempre de mensagens de amigos pedindo dinheiro emprestado, promoções de lojas, restaurantes, hotéis e sorteios. A melhor maneira de se proteger é ativar a confirmação em duas etapas nas configurações do aplicativo. O app vai pedir para criar um código de seis dígitos e inserir um endereço de e-mail. Depois, é só seguir as instruções e confirmar.

Doação

Golpe muito comum que usa a foto de um doente, uma história comovente e o pedido de doação para uma conta bancária. “Cuidado, boa parte dessas doações não são para salvar ninguém, mas sim para bolsos de golpistas. Tente checar a história de várias maneiras: pesquise sites e publicações, busque por notícias e verifique se existem denúncias anteriores antes de realizar qualquer doação”, explica o advogado.

Preços baixos

Outro golpe comum são as ofertas com preços muito abaixo do normal. “Desconfie se um produto é vendido por metade ou muito abaixo do preço de mercado. Na grande maioria das vezes você não receberá nenhum produto e o anúncio teve como objetivo roubar os dados do seu cartão de crédito e alguns dados pessoais como RG, CPF e endereço. Pesquise antes de comprar se o vendedor é confiável ou se já tem queixas contra ele”, complementa.

QR Codes

Cuidado também ao clicar em QR Codes desconhecidos ou suspeitos. “Em vários eventos e shows onde foram pedidas doações para entidades sérias, colocou-se um QR Code fake cobrindo o QR Code autêntico, o que leva a transferências de valores para contas de golpistas”, alerta.

Promoções gratuitas

Muita cautela com promoções do tipo “clique aqui, preencha o formulário e ganhe”. “Existe um ditado que diz, se algo é de graça, o produto é você, ou seja, se existe uma promessa para que você ganhe algo sem nada em troca, o que querem são seus dados pessoais”, frisa o advogado.

Caí no golpe. O que fazer?

Atualmente no Brasil existem delegacias especializadas em crimes cibernéticos, caso a vítima tenha sido lesada em um golpe de uma fraude financeira ela deve buscar registrar a ocorrência.

“Em caso de vazamentos de dados como e-mail e senha, a recomendação é que o mais rápido possível a vitima busque trocar sua senha, e sempre lembrando que na maioria das plataformas já é possível ativar uma autenticação em dois fatores, dessa forma mesmo o fraudador tendo acesso a sua senha e e-mail ele não terá acesso a sua conta”, alerta Cedaro.

Se houve prejuízos para o consumidor, ele deve também, além de acionar o Procon, procurar um advogado e entrar com uma ação judicial para reaver os bens.

Comentar
Com transmissão pelo Youtube · 13/02/2021 - 10h49

Mega-Sena pode pagar hoje o prêmio de R$ 11 milhões


Compartilhar Tweet 1



    Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O concurso 2.344 da Mega-Sena pode pagar R$ 11 milhões neste sábado (13). O sorteio será realizado a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo. A informação é da Agência Brasil.

As apostas podem ser feitas até as 19h nas lotéricas de todo o país, pelo portal Loterias Caixa e pelo app Loterias Caixa, disponível para usuários das plataformas iOS e Android.

Em observância às orientações para prevenção ao coronavírus, o acesso do público ao Espaço Loterias Caixa foi reduzido. Os sorteios são transmitidos ao vivo diariamente pela televisão e pelas redes sociais das Loterias Caixa no perfil @LoteriasCAIXAOficial no Facebook e canal Caixa no YouTube.


Fonte: Prefeitura Municipal de Teresina
Comentar
Prefeitura lamentou · 13/02/2021 - 10h02 | Última atualização em 13/02/2021 - 10h23

Ação Social Arquidiocesana encerra parceria com a PMT em atendimento à população


Compartilhar Tweet 1



A organização sem fins lucrativos da Diocese de Teresina, Ação Social Arquidiocesana (ASA), decidiu não renovar os termos de colaboração que mantinha com a Prefeitura Municipal de Teresina para atendimento à população de rua e CREAS, conforme nota divulgada nessa quarta-feira (10/02).

Em comunicado oficial, a PMT lamentou a 'decisão unilateral' da ASA

"A nova gestão municipal reconhece a eficiência do trabalho social mantido pela entidade na implantação de políticas públicas aos mais necessitados realizado ao longo de décadas em nossa cidade, o que deixa portas abertas para futuras parcerias", destacou.

A prefeitura de Teresina esclareceu ainda que a decisão da arquidiocese de encerrar o contrato não afetará os serviços sociais custeados pela PMT, que irá buscar novas instituições a fim de que o atendimento a esse público não sofra descontinuidade.

Veja nota na íntegra da PMT

Comunicado 

A prefeitura de Teresina foi surpreendida com a decisão unilateral da Ação Social Arquidiocesana (ASA) de não renovar os termos de colaboração que mantinha com o município para atendimento à população de rua e CREAS.

Ao tempo em que lamenta a decisão da ASA, a nova gestão municipal reconhece a eficiência do trabalho social mantido pela entidade na implantação de políticas públicas aos mais necessitados realizado ao longo de décadas em nossa cidade, o que deixa portas abertas para futuras parcerias.

A prefeitura de Teresina considera oportuno esclarecer que a decisão da arquidiocese de encerrar o contrato não afetará os serviços sociais custeados pela PMT, que irá buscar novas instituições a fim de que o atendimento a esse público não sofra descontinuidade.

Veja nota da ASA sobre fim da parceria

 

Comentar
Correção de hérnia · 12/02/2021 - 09h05 | Última atualização em 12/02/2021 - 10h35

Evangelina Rosa realiza primeira cirurgia por videotoracoscopia em recém-nascido


Compartilhar Tweet 1



A cirurgia de videotoracoscopia para correção de hérnia diafragmática congênita feita em um recém-nascido já é uma realidade em Teresina, na tarde desta última terça-feira (09/02) a equipe de médicos da Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER) realizou o procedimento de alta complexidade em um recém-nascido de 5 dias que pesava aproximadamente 2,5 quilos.

A cirurgia teve um tempo de duração de aproximadamente duas horas e contou com equipe formada pelos cirurgiões pediátricos Ivo Viana, Bruno Falcão, Rogério Medeiros e o anestesista Diego.

    Divulgação / Sesapi

A Maternidade Evangelina Rosa foi a primeira instituição pública no estado do Piauí a realizar a cirurgia diafragmática por videotoracoscopia em recém-nascido, sendo a segunda a ser realizada dessa forma no estado. Isso se deve a aquisição de 17 torres de laparoscopia feita pela Secretaria Estadual de Saúde através do Governo do Estado e que foram distribuídas nos hospitais da Rede Estadual, ficando uma das torres na MDER.

" O Governo do Piauí está ampliando as cirurgias por  videotoracoscopia após aquisição dos equipamentos para todos hospitais regionais e alguns estaduais. Possibilitando assim um procedimento menos invasivo, com menos tempo de internação, que utiliza tecnologia de ponta, trazendo um tratamento mais avançado a população piauiense", destaca o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto.

Segundo o médico cirurgião pediátrico Ivo Viana, a Hérnia Diafragmática Congênita (HDC) é uma malformação no diafragma que ocorre quando o músculo que separa o tórax do abdome não fecha durante o desenvolvimento pré-natal. Dessa forma, ocorre o deslocamento dos órgãos localizados na cavidade abdominal, para a cavidade torácica. O espaço destinado ao desenvolvimento pulmonar torna-se limitado, resultando em pulmões subdesenvolvidos, condição conhecida como Hipoplasia Pulmonar.

“Com a compra das torres de laparoscopia já foram realizados alguns procedimentos e a equipe realizou a cirurgia de videotoracoscopia para correção de hérnia de diafragmática congênita em um recém-nascido. Foi feita a correção após todo o preparo pré-operatório, onde foi analisando todas as condições clínicas do paciente, que estava adequada e com a retaguarda de UTI, que é muito importante”, conta o cirurgião.

O especialista explica que sem o aparelho, as cirurgias eram realizadas com cortes muito grandes e abertos no qual o pós-operatório era bastante prolongado e com muitas complicações. “Com as torres de laparoscopia a cirurgia foi possível fazer apenas com pequenos cortes, medindo três e cinco milímetros. O paciente está estável e em recuperação de UTI. As vantagens da cirurgia realizada dessa forma é primeiramente a resposta do paciente, o pós-operatório é mais tranquilo e rápido, a alta é mais precoce e acontece menos infecções e complicações que podem advir de uma cirurgia aberta, além da estética por não deixa cicatrizes grandes no paciente”, destaca o médico, que enfatiza que o procedimento cirúrgico realizado em uma criança de 2,5 quilos por videotoracoscopia possui uma complexidade bastante grande por conta do tamanho da criança e pelo espaço reduzido de realização do procedimento.

O médico Francisco Macedo, diretor da MDER, parabeniza a equipe médica e fala da importância do trabalho de todos os profissionais da maternidade no atendimento de gestantes e recém-nascidos. “A Maternidade Dona Evangelina Rosa é referência em tratamento de alto risco de gestantes e recém-nascidos, fazendo história, inovando e propiciando saúde e bem-estar ao povo do Piauí. Estamos trabalhando para melhorar cada dia mais o serviço da maternidade em pró da população piauiense, em especial as mulheres e bebês. Quero parabenizar a equipe que realizou esse procedimento de alta complexidade”, conclui o diretor da MDER.

    Divulgação / Sesapi
    Divulgação / Sesapi

 

Comentar