Alvo da Polícia Federal · 31/03/2021 - 13h50 | Última atualização em 31/03/2021 - 13h54

Valter Alencar deixa o partido PSC no mês em que conteúdo de delação é disponibilizado à ALERJ


Compartilhar Tweet 1



_Valter Alencar e pastor Everaldo, ambos alvos da operação da Polícia Federal Tris in Idem (Foto: Divulgação)
_Valter Alencar e pastor Everaldo, ambos alvos da operação da Polícia Federal Tris in Idem (Foto: Divulgação) 

PEDIU PARA SAIR

A saída do político Valter Alencar da presidência do PSC no Piauí ocorre cerca de 7 meses após a deflagração de operação da Polícia Federal que o teve como um dos alvos e mira supostos malfeitos no governo do Rio de Janeiro, cujo mandatário maior, governador Wilson Witzel, foi afastado do posto. A famosa operação que visa desmantelar um suposto "sofisticado esquema" é a Tris In Idem.

Outro detalhe que ocorreu no mês em que o político Valter pediu para sair da presidência e da sigla PSC diz respeito à liberação do conteúdo da delação premiada do ex-secretário de Saúde Edmar Santos, que era mantido em sigilo pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). 

- Clique e leia matéria completa

Comentários