AÇÃO PENAL POR CORRUPÇÃO · 05/02/2021 - 15h17 | Última atualização em 05/02/2021 - 17h53

Procuradores de Justiça do Piauí foram testemunhas de defesa de ex-PGJ condenado por corrupção


Compartilhar Tweet 1



Ao menos dois procuradores de Justiça do Ministério Público Estadual foram arrolados como testemunhas de defesa na ação penal em que o ex-procurador geral do Piauí Emir Martins (IL Capo) foi condenado a 51 anos de reclusão em regime inicialmente fechado por desvios milionários na folha de pagamento do MP-PI, usando para isso parentes e laranjas.

Tanto Antônio de Pádua Ferreira Linhares quanto Antônio Ivan e Silva tem trechos das suas respostas ao advogado de defesa expostos na sentença datada do último dia 1º de fevereiro. Eles fazem parte do Colégio de Procuradores do Ministério Público do Piauí - parte da cúpula do MP-PI. 

- Clique e leia matéria completa

Comentários