PRISÃO · 18/06/2021 - 13h35

Preso pela Polícia Civil por suposto estelionato registrou B.O. dizendo que era vítima de terceiro


Compartilhar Tweet 1



HÁ DEZ DIAS...

No último 7 de junho o Blog Bastidores, do 180graus.com, entrou em contato com o jovem Leandro Mesquita de Santana. Ele já era investigado como que tendo aplicado supostos golpes em algumas mulheres em corridas via Uber e 99, alegando que havia dado problema nos respectivos repasses via aplicativo, por isso, sendo necessário passar o cartão para que as respectivas passageiras pagassem o valor da corrida. As suspeitas são de que as supostas vítimas, sempre apressadas, diante de um jovem de bom trato verbal, digitavam a senha imaginando estar pagando valores das corridas, quando, na verdade, estavam a pagar valores que chegavam a R$ 2.000,00. Pronto. Muitas delas só iriam perceber depois. 

A conta onde caiu ao menos um dos pagamentos fruto de suposto golpe é atrelada a uma empresa de nome MP 3MModa, cujo ramo de atividade é utilidades para o lar, localizada em Osasco, São Paulo.

- Clique e leia matéria completa

Comentários