Falta até de transparência · 28/11/2021 - 16h49 | Última atualização em 28/11/2021 - 17h03

Prefeito Dó Bacelar tem suas contas referentes ao exercício de 2018 julgadas irregulares


Compartilhar Tweet 1



_Atual prefeito de Porto, Dó Bacelar (Foto: Divulgação)
_Atual prefeito de Porto, Dó Bacelar (Foto: Divulgação)

As contas de governo da prefeitura de Porto, gestão Dó Bacelar, exercício 2018, foram julgadas irregulares, à unanimidade, pela Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI). 

O exercício é recheado de irregularidades:

- Publicação dos decretos fora do prazo estabelecido na Constituição Estadual do Piauí;

- Atrasos no envio do SAGRES-Contábil;

- Não envio de peças componentes da prestação de contas anual;

- Despesa com pessoal do Poder Executivo superior ao limite legal;

- Despesas contabilizadas indevidamente com outros serviços de terceiros – pessoa física;

- Não pagamento de contribuições previdenciárias patronais;

- Classificação indevida de IRRF/ISS;

- Apropriação indébita de retenções previdenciárias;

- Divergência entre registros da Dívida Fundada x Dívida flutuante;

- Avaliação do Município – Portal da Transparência deficitário.

SEXTA VEZ

Dó Bacelar foi reeleito e pela 6ª vez foi empossado como prefeito.

Comentários