EMATER · 26/05/2022 - 15h56

Francisco Guedes tem contas julgadas irregulares e TCE quer saber onde estão R$ 156 mil


Compartilhar Tweet 1



_Francisco Guedes (Foto: Divulgação)
_Francisco Guedes (Foto: Divulgação) 

Os conselheiros da Segunda Turma do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) decidiram, de forma unânime, concordando com o Ministério Público de Contas, julgar irregulares as contas de gestão do Instituto de Assistência Técnica de Extensão Rural (EMATER), relativas ao exercício financeiro de 2019, sob a responsabilidade de Francisco Guedes Alcoforado Filho, então diretor-geral, no período de 2 de maio a 31 de dezembro de 2019. 

Entre as irregularidades “apuradas” está o pagamento de despesa no montante de R$ 201.325,28 sem a regular liquidação para empresa Mega-On Soluções LTDA ME, locadora de mão-de-obra.

- Clique e leia matéria completa

Comentários