MONITORAMENTO DE TRÂNSITO · 03/04/2021 - 13h54 | Última atualização em 03/04/2021 - 15h12

Empresa de SP diz que pregão milionário da gestão Firmino Filho não foi limpo e recorre ao TCE


Compartilhar Tweet 1



_Sede da prefeitura de Teresina (Foto: Divulgação)
_Sede da prefeitura de Teresina (Foto: Divulgação)  

A empresa Splice Indústria, Comércio e Serviços LTDA, estabelecida na cidade de Votorantim, no estado de São Paulo, apresentou denúncia ao Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) sobre o que lhe pareceu ser “franco benefício de interesses particulares sobre o público” no pregão eletrônico nº 046/2020 da Superintendência de Transportes e Trânsito (STRANS), gestão Firmino Filho. O pregão, da ordem de  R$ 7.905.931,12, tem como objeto a contratação de empresa para a locação de equipamentos de fiscalização eletrônica, suporte técnico, manutenção e serviços necessários à instalação dos equipamentos na capital Teresina (PI). 

- Clique e leia matéria completa

Comentários