Suposto débito -

Empresa cobra R$ 1,6 milhão da prefeitura de Parnaíba

A empresa Geoplan Consultoria Planejamento e Serviços Ltda requereu a intervenção do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) para ver liberado pagamento pelos serviços já executados, segundo ela, referentes aos contratos nº 142/2022 e nº 179/2022, "de modo a reestabelecer o equilíbrio financeiro entre as partes envolvidas e evitar o enriquecimento ilícito" da Prefeitura Municipal de Parnaíba.

Segundo a empresa, haveria um débito de R$ 1.632.656,23 a ser quitado pelo erário municipal.

O prefeito Mão Santa, intimado para ratificar ou contestar o valor, manteve o silêncio.

O caso foi arquivado no âmbito da Corte de Contas.

Comentários