Entrelaçados · 04/04/2020 - 22h34

Donos de banca contratada pela prefeitura de Campo Maior têm ligações com outra investigada


Compartilhar Tweet 1



NEM AÍ

Um relatório do núcleo de informações estratégicas do Tribunal de Contas do Estado reforça as evidências contra empresa já alvo de investigação da Polícia Civil - com apoio do Grupo de Atuação Especial do Crime Organizado (GAECO), à qual a Prefeitura de Campo Maior teima em se abraçar na tentativa de dar sequência a concurso público realizado recentemente e que está suspenso pela justiça estadual. A Prefeitura de Cocal rapidamente anulou o certame, mas a de Campo Maior tenta nomear os aprovados do seu com ação na justiça.

A empresa suspeita contratada pela prefeitura é a Instituto Machado de Assis, ré ao lado da Crescer Consultoria LTDA ME, alvos que são de investigação cuja consequente ação fora denominada de Operação Dom Casmurro, deflagrada em 7 de novembro de 2019, quando foram cumpridas medidas cautelares. 

- Clique e leia matéria completa


Comentários