Início do Julgamento · 13/10/2019 - 22h53 | Última atualização em 14/10/2019 - 10h27

Caso IDEPI: engenheiro que teve projeto usado no esquema de estradas vicinais é excluído do processo


Compartilhar Tweet 1



 

_O engenheiro Oswaldo Leôncio, no Plenário do TCE, mostrando a peça
_O engenheiro Oswaldo Leôncio, no Plenário do TCE, mostrando a peça "maquiada" 

O engenheiro Oswaldo Leôncio, que teve um anteprojeto seu voltado para Redenção do Gurgueia, e que ele diz que foi usado de forma indevida em obras de construções de estradas vicinais no Governo Zé Filho, foi excluído do julgamento de um dos três casos que estão sendo julgados pela Corte de Contas, no âmbito do Caso IDEPI. 

De forma unânime o plenário da Casa entendeu que o engenheiro realmente não tinha nenhuma participação. 

A exclusão ocorreu em sede da votação das preliminares levantadas, inclusive, a primeira e única a ser votada até agora, antes da suspensão do julgamento.

Ao final, o caso deve ser remetido para o Ministério Público apurar eventuais responsabilidades criminais sobre o feito.

O anteprojeto ganhou uma capa do IDEPI, ares de projeto básico, e foi a campo para que a empreiteira responsável tocasse a obra. 

- Exclusivo: engenheiro diz que IDEPI se apossou de seu projeto de forma criminosa


Comentários