Pouco investimento na área · 12/04/2022 - 10h44 | Última atualização em 12/04/2022 - 11h23

Qual emissora de TV do Piauí tem mais presença on-line? Confira o ranking!


Compartilhar Tweet 1



As emissoras de TV tradicionais sofreram uma violenta queda na audiência nos últimos anos. A internet sem dúvidas é o principal fator, mas ao mesmo tempo é a solução para os meios que ainda insistem em fazer sua programação chegar ao maior número de pessoas.

Ao tempo em que as emissoras piauienses ainda investem de forma tímida em ter seus conteúdos de forma on-line, ainda há muita vaidade das empresas e apresentadores que insistem que são sucesso de audiência, mas isso se justifica pelo fato de que precisam vender e convencer os clientes que vale a pena gastar em propaganda na TV tradicional.

Apesar de quase todas as TVs terem seus portais de notícias, pouco é repercutido e quase nada de vídeo é compartilhado.

Piauienses ainda assistem TV?
De fato, muitos piauienses ainda param na frente da TV e acompanham a programação local, mas está longe de reter uma massa, que gere engajamento expressivo, repercussão, mas ainda tem seu faturamento considerável, pelo menos em tese.

As plataformas on-line vieram para que o conteúdo da TV seja eternizado na web e que o maior número de pessoas possam acompanham quando puderem, como num streaming, mas não é isso que está acontecendo.

Principais problemas
Outro motivo para as TVs não disponibilizarem sempre seu conteúdo na na web são os erros que rotineiramente acontecem ao vivo, que podem viralizar, além da manutenção de provas que podem gerar demandas judiciais. Um pequeno erro num programa, gera a exclusão deste completo na web, para não gerar problemas posteriores para a TV.

Atualmente, todas as emissoras disponibilizam de alguma forma ou de outra seu conteúdo on-line, mesmo que de forma deficiente, no Youtube, Facebook e por vezes no Instagram. Há também transmissores de ao vivo, que não permitem armazenamento.

Ranking da presença on-line
O 180 fez um levantamento das emissoras de TV tradicionais sobre a disponibilidade do conteúdo on-line. Nele não constam as TVs on-line, que ganharam destaque no estado, como a TV Piauí, TV Capital Teresina e TV Teresina, por serem 100% da internet.

1º lugar: TV Assembleia
Apesar de ser uma emissora institucional, o canal da Assembleia Legislativa do Piauí cumpre bem o seu papel de presença on-line. A transmissão da programação é feita ao vivo no site, todos os programas na íntegra e cortes estão no Youtube e no Facebook há os links dos vídeos.

O canal no Youtube da TV Assembleia tem 109 mil inscritos e a fanpage 5,275 mil curtidores. A atualização no canal no Youtube é constante, inclusive com legendas.

 

2º lugar: TV Cidade Verde
A afiliada do SBT no Piauí é um dos destaques, apesar de não disponibilizar os programas na íntegra. A transmissão ao vivo é feita pelo site, que não armazena os programas, e os cortes são divulgados no canal do Youtube. Pouca coisa há no Facebook.

A TV Cidade Verde tem 821 mil inscritos no canal do Youtube, o maior de TV no Piauí, e a fanpage 368 mil curtidores.

 

3º lugar: O Dia TV
A afiliada RedeTV! no Piauí tem mantido sua transmissão ao vivo no Facebook, além dos programas na íntegra no canal do Youtube, inclusive com cortes.

O canal no Youtube da O Dia TV tem 69 mil inscritos e a fanpage 144 mil curtidores. 

 

4º lugar: Band Piauí
A emissora começou com pé direito na estreia, chegando a fazer transmissão ao vivo simultânea no Youtube, Facebook e Instagram, mas hoje limita-se a transmitir no Youtube, mas com algumas falhas. Outro problema é que os programas do horário do meio dia ficam arquivados juntos num só vídeo. Há raros cortes no canal e no Facebook.

O canal no Youtube da Band Piauí tem 14 mil inscritos e a fanpage 14 mil curtidores. 

 

5º lugar: TV Meio Norte
A emissora regional também já foi referência em presença on-line, mas hoje luta até para manter suas plataformas na web. A transmissão é feita pelo Vimeo no portal, que não armazena o programa na íntegra. Não há mais transmissões no Youtube nem no Facebook. Quase não há cortes no canal oficial.

O canal no Youtube da TV Meio Norte tem 45 mil inscritos. Eles já chegaram a receber a placa de 100 mil inscritos, mas o canal anterior foi banido. A fanpage 7 mil curtidores e já chegou a ter 1 milhão, mas também foi banida do Facebook.

 

6º lugar: TV Clube
A afiliada da Globo no Piauí tem a desvantagem de ter seu conteúdo apenas nas suas plataformas. A emissora não tem transmissão ao vivo e nem todo conteúdo vai para o Globoplay.

 

7º lugar: TV Antena 10
A afiliada da RecordTV no Piauí já foi destaque no estado por transmitir ao vivo sua programação no Facebook e Youtube, além de divulgar os cortes do programa em seu canal, e os programas na íntegra arquivados. Mas na últimas semanas não tem feito nada disso e os telespectadores cobram.

O canal no Youtube da TV Antena 10 tem 415 mil inscritos e a fanpage 133 mil curtidores. Há cinco dias o canal não é atualizado.

 

PostMídia 86 99984-2824

Comentários