Nova fase da Marvel no cinema · 08/11/2018 - 09h52 | Última atualização em 08/11/2018 - 09h53

Os Eternos: Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel começou!


Compartilhar Tweet 1



 

A Fase 3 do Universo Cinematográfico Marvel nem terminou ainda e, como seria de se esperar, a Fase 4 já está se desenhando. Além das especulações de novos personagens já serem apresentados em Vingadores 4, há rumores e notícias já apontando os possíveis filmes a fazerem parte desse novo momento do MCU. Entre eles, Os Eternos.

E agora, uma nova informação aponta que a Marvel já teria planos oficiais para dar início às filmagens oficiais de Os Eternos em setembro de 2019!

Eternos e Deviantes

De acordo com o site That Hashtag Show, que publicou a notícia sobre a possível data de início de produção do longa, a Marvel sequer oficializou o filme ainda, embora a expectativa é de que isso seja feito na apresentação oficial da Fase 4 (na próxima San Diego Comic Con, talvez?...).

Contudo, o filme já escalou aqueles que ficarão à frente do novo projeto. A produção ficará por conta da cineasta Chloé Zhao. Já o roteiro será assinado por Matthew e Ryan Firpo, mais conhecidos por Ruin, cujo roteiro foi eleito um dos melhores de 2017.

O longa vai trazer a história de uma raça de "super-humanos". Durante uma visita à Terra, alienígenas celestiais fazem experimentos genéticos que resultam nos Eternos, mas também nos Deviantes, espécies de criações corrompidas.

Onde a história se encaixa no universo Marvel? Uma das ligações mais famosas com os personagens já apresentados no MCU é ninguém menos que Thanos. O titã é filho de um casal de Eternos, mas carrega os genes Deviantes.

Ainda não há data de estreia prevista para Os Eternos.

 

Os Eternos: saiba quem são os próximos heróis do Universo Marvel

Criados em 1976 por Jack Kirby, os Eternos eram uma raça alienígena criada pelos Celestiais há milhões de anos, para julgar o planeta Terra. Assim, fizeram um experimento genético que criou não só os poderosos Eternos, mas também os destrutivos Desviantes. Como o nome sugere, eles vivem milhares anos, não sofrem com temperaturas extremas, são imunes a doenças e venenos, além de terem dentro de si energia cósmica (o que garante habilidades especiais). Chegou a hora de conhecê-los!

As Origens

(Marvel Comics)
(Marvel Comics) 

 

Jack Kirby foi um dos principais quadrinistas da Marvel/Timely Comics (foi ele quem criou o Capitão América!). Mas, nos anos 60, ele passou por vários desentendimentos com Martin Goodman, o dono da empresa, e acabou indo para a DC Comics (na época, National Comics). Ele levou, então, a sua ideia de uma nova raça de divindades — meio conectadas com os asgardianos — para a DC, e aí surgiram os quadrinhos dos Novos Deuses.

Alguns anos depois, Kirby voltou para a Marvel. Como tinha achado muito boa a ideia de uma nova raça de deuses, ele criou uma série de quadrinhos com o tema: os Eternos. Apesar disso, ele não os relacionou com as outras histórias da editora — porque achava que essas ligações estavam exageradas. Mas como os Eternos não estavam vendendo tanto, Kirby foi pressionado a colocar outro herói de sucesso em uma das aventuras, para atrair os fãs. Ele acabou fazendo um meio-termo: incluiu um robô que era igualzinho ao Hulk... Mas não era o Hulk em si.

Eternos entram para o Universo Marvel

(Marvel Comics)
(Marvel Comics) 

 

Os Eternos só foram de fato fazer parte de outras histórias da Marvel quando Roy Thomas assumiu os outros quadrinhos. Então, eles conheciam Thor e Odin — que decidem proteger a Terra do julgamento dos Celestiais.

A partir daí, mesmo contra a vontade inicial de Kirby, eles começam a participar de vários outros eixos narrativos. Por exemplo, na série de quadrinhos "A Carruagem dos Deuses", os Celestiais vão fazer experimentos com os humanos primitivos, criando assim os primeiros super-heróis. Isso, além de uma explicação para a concepção de divindades dos humanos, serve para explicar como existem os mutantes. Na verdade, Apocalipse (um dos primeiros mutantes) tem relação direta com eles: foi dos celestiais que ele ganhou sua tecnologia.

De fato, é graças aos Celestiais que os Eternos se interligam com outras narrativas. Esses seres (que surgiram junto do Big Bang e se assemelham a deuses, poderosíssimos e gigantescos) realizavam experimentos com as mais diversas raças alienígenas. Além das que já falamos lá em cima, os Kree foram alvo dos Celestiais. É assim que surgem os Inumanos, heróis que ganharam a própria série da ABC (e que foi cancelada por ser uma porcaria).

Outro exemplo de raça fruto de experimentos dos Celestiais são os titãs, como Menthor, o pai de Thanos e fundador do planeta Titã. Inclusive, essa é a ponta que liga a fase 3 da Marvel com a fase 4. Em Vingadores: Guerra Infinita, quando Thanos vai procurar a Joia da Alma, Caveira Vermelha o recebe como “filho de Al’ar”, que era o nome de Eterno de Mentor.

Além disso, quando ele mostra como era o planeta Titã, a imagem se parece bastante com as cidades eternas dos quadrinhos. Por conta disso, alguns fãs têm especulado que o filme dos Eternos possa se passar antes dos eventos dos Vingadores. Nas HQs, os Eternos viviam em cidades futuristas na Terra, e a primeira delas se chamava… Titanos. Quando ela foi destruída, eles criaram outras três: Polaria (na Sibéria), Oceana (no oceano Pacífico) e Olympia, próximo à Grécia — que teria dado origem à crença do Monte Olimpo.

Fora isso, eles também fizeram parte de HQs que saiam na cronologia da editora. É o caso de Pixie, que ajudava o Quarteto Fantástico na série de quadrinhos “A Geração Perdida”. Já na edição 13 de “Os Eternos”, Kirby introduz um Eterno que seria “o esquecido”, uma espécie de herói mítico chamado por nomes diferentes pelos humanos, como Gilgamesh ou Hércules. Então, na edição 300 de “Vingadores”, o desenhista Walter Simonson descreve O Esquecido como um dos Vingadores. Após ser ferido, ele seria substituído na equipe por outra Eterna: Sersi. Mais tarde ainda, Sersi larga os Vingadores e forma uma dupla com o Cavaleiro Negro.

Afinal, quem são Os Eternos?

(Marvel Comics)
(Marvel Comics) 

 

Como dito lá em cima, os Eternos são criações dos Celestiais, seres superpoderosos que decidem que devem julgar a Terra. Isso, somado ao fato de eles serem frequentemente tomados como deuses pelos mortais, já daria material para muitas histórias.

Além disso, eles são praticamente imortais: enquanto o Planeta Terra existir, eles existirão. Seus poderes variam de acordo com o experimento que lhes foi infringido, o que significa que não são um grupo muito homogêneo. Mas, em geral, eles foram criados para serem bons, como protetores da Terra — ao contrário dos Desviantes.

Os Desviantes, a princípio, foram criados para serem maus. Lembra que o pai de Thanos é um Eterno? Sua mãe é uma Desviante, o que talvez explique algumas coisas. Mas é a partir daí que a coisa fica interessante: os quadrinhos começam a abordar se eles são intrinsecamente maus ou se estão apenas interpretando um papel que lhes foi dado.

 

Os Eternos tem muito material, seja para filmes cronologicamente antes dos Vingadores, seja para depois. Além disso, as três primeiras fases da Marvel deram várias pistas sobre a existência deles, por conta de Thanos e um caminho sem volta que começou com Os Guardiões da Galáxia. A Marvel precisa novamente de uma aventura espacial. Que venha a Fase 4 da Marvel!

E você, acha que existe material suficiente para bons filmes? Não se esqueça de deixar seu comentário!

(Marvel Studios)
(Marvel Studios) 

 

Comentários