Marvel fazendo história again! · 21/07/2019 - 14h00 | Última atualização em 21/07/2019 - 14h38

Tudo Sobre a Fase 4 da Marvel! Filmes E Séries Do Disney+ Com Datas Confirmadas!


Compartilhar Tweet 1



 

 

O painel da Marvel Studios na San Diego Comic Con chegou ao fim quase meia noite horário de brasília, na noite passada, 20, fazendo história e deixando o mundo nerd zonzos com tantos anúncios (mas bem felizes também, claro!). Com a presença de todos os atores envolvidos nas produções anunciadas, Kevin Feige e os diretores de cada projeto revelaram os filmes que dão início à Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel (MCU), datas de estreias, logos, elencos e muito mais.

Todos os lançamentos foram acompanhados ao vivo e a cores pelo twitter, por isso, estaremos usando os perfil do Omelete.

 

    (Marvel Studios)

 

1º De Maio 2020 – Viúva Negra

 

 

Saberemos o que aconteceu em Budapeste! Sim, a Marvel Studios e os atores confirmaram que o filme solo da Viúva Negra vai explorar mais o passado da heroína, incluindo Budapeste.

Foi confirmado ainda que Florence Pugh será Yelena Belova, personagem que também veste o manto da Viúva Negra nos quadrinhos. E o Treinador é o grande vilão!

Rachel Weisz, Florence Pugh, David Harbour e Scarlett Johansson formam o elenco principal. Cate Shortland assina a direção.

 

4º Trimestre De 2020 – Falcão E Soldado Invernal

 

 

Além da previsão de estreia para o 4º trimestre de 2020, foi confirmado que a série da Disney+ Falcão e Soldado Invernal terá o retorno de Daniel Bruhl como o vilão Zemo.

 

6 De Novembro De 2020 – Os Eternos

 

 

O anúncio de Os Eternos foi intenso! Além de data de estreia e logo oficial, a Marvel Studios revelou todo o elenco principal e os personagens que cada um dos atores vai interpretar.

- Richard Madden como Icarus

- Lauren Ridoff como Ikaris

- Bryan Tyree Henry como Faustus

- Selma Hyak será a líder dos Eternos, Ajax

- Lia McHugh como Spirite

- Don Lee como Gilgamesh

- Angelina Jolie como Thena

 

12 De Fevereiro De 2021 – Shang Chi

 

 

 

Além de data de estreia e logo oficial, Shang Chi e a Lenda dos Dez Anéis teve seu elenco principal anunciado. Simu Liu vai viver o protagonista Shang Chi! Tony Leung será o Mandarin. Awkafina também foi escalada.

 

2º Trimestre De 2021 – WandaVision

 

 

A série da Disney+ protagonizada pela Feiticeira Escarlate e por Visão ganhou previsão de estreia para o 2º trimestre de 2021.

Outra informação que muito intrigou os fãs foi a de que a série está diretamente ligada ao recém anunciado Doctor Stranger: In The Multiverse of Madness (Doutor Estranho: No Multiverso da Loucura). Wanda, inclusive, estará no filme também!

 

7 De Maio De 2021 – Doutor Estranho: No Multiverso Da Loucura

 

 

Além da data de estreia, a sequência de Doutor Estranho teve seu título e logo revelados.

E se a revelação da ligação direta de Wanda com o filme já não fosse intrigante o suficiente, Scott Derrickson ainda afirmou que este será o primeiro filme com toques de terror do MCU. Pesadelo será o vilão.

 

2º Trimestre De 2021 – Loki

 

 

A série de Loki teve bem poucas informações reveladas. Apenas data e logo foram divulgadas.

 

3º Trimestre De 2021 – What If

 

 

 

Confirmada série animada dos quadrinhos de What If (E se). As HQs reimaginam as mais famosas histórias do universo dos heróis com mudanças drásticas.

Além da previsão de estreia e da logo, a Marvel Studios revelou que vários dos atores que vivem os personagens no cinema irão fazer a dublagem da animação.

 

4º Trimestre De 2021 – Gavião Arqueiro

 

 

Kate Bishop vem aí! A Marvel Studios confirmou uma série da Disney+ focada no Gavião Arqueiro. Mas, além disso, confirmou que o programa irá apresentar Kate Bishop, que nos quadrinhos se torna a Gaviã Arqueira.

 

5 De Novembro De 2021 – Thor: Love And Thunder

 

 

 

 

 

O quarto filme do Thor está confirmado! Mas tem mais! Thor: Love and Thundervai trazer de volta Jane Foster (Natalie Portman), que deve assumir o manto do herói neste filme. A Thor vem aí!

 

Outros Anúncios

 

 

Não ainda não acabou! Embora os projetos acima já estejam mais avançados, com datas de estreia, elenco, logo e tudo mais; a Marvel Studios fez outros anúncios para deixar qualquer fã com sorriso de orelha a orelha. Confere aí!

 

- Filme de X-Men em desenvolvimento

- Filme de Quarteto Fantástico em desenvolvimento

- Filme de Blade em desenvolvimento com Mahershala Ali no papel principal

- Capitã Marvel 2 em desenvolvimento

- Pantera Negra 2 em desenvolvimento

- Filme de Os Mutantes confirmado

- Guardiões da Galáxia 3 confirmado

 

E por enquanto é isso. Aguardem que farei especiais de cada coisa que foi anunciada para fase 4 do UCM!

 

Mas já podem ficar por dentro:

 

Os Eternos | saiba quem são seres mais poderosos do universo Marvel e mais!

Comentar

Compartilhar Tweet 1



 

Desde quinta passada, dia 18, vem acontecendo a  San Diego Comic-Con 2019 (SDCC). O maior evento de cultura pop do mundo e o ponto alto das empresas de cinema, séries, TV e quadrinhos anunciarem suas novidades.O evento, vem promovendo painéis com os principais lançamentos do mundo nerd, teve seu primeiro e segundo dia recheados de surpresas e muita nostalgia!

 

Confira Os Principais Momentos Do Primeiro Dia

Foram muitas novidades para Exterminador do Futuro: Destino Sombrio, trailer-surpresa de Top Gun: Maverick,  Jay and Silent Bob Reboot, Fronteiras do Universo…

 

IT: A Coisa 2

 

 

O aguardado IT: A Coisa 2 ganhou uma nova prévia de fazer qualquer fã passar a noite sem dormir, mas ainda assim desejar ir ao cinema ver essa reunião do Clube dos Perdedores.

 

Jay And Silent Bob Reboot

 

 

O painel de Jay and Silent Bob Reboot é apenas no sábado, mas o diretor Kevin Smith decidiu que o primeiro dia de SDCC seria o ideal para já liberar o trailer do filme! E o elenco vem cheio de grandes nomes.

 

Exterminador Do Futuro: Destino Sombrio

 

 

No painel dedicado ao novo filme da franquia Exterminador do Futuro, foram exibidos trechos do novo filme. Além disso, foi confirmada a volta do ator Edward Furlong, que viveu John Connor em Exterminador do Futuro 2. A classificação indicativa do filme também foi anunciada: será para maiores de 18 anos.

 

Top Gun 2: Maverick

 

 

Uma surpresa completamente inesperada: Tom Cruise apareceu no Hall H e exibiu o trailer de Top Gun 2: Maverick! O astro conversou um pouco sobre a sequência e revelou detalhes do enredo do longa. O filme se passará nos dias atuais, 30 anos depois dos eventos do clássico.

 

His Dark Materials

 

 

Eu conheço como Fronteiras do Universo, então, na minha versão, será escrito dessa forma. Mas eu não mando em nada.

A nova série da HBO que vai adaptar a obra homônima de Phillip Pullman também ganhou seu primeiro trailer na SDCC. O elenco da produção conta com nomes como Dafne Keen (Logan), James McAvoy (Fragmentado), Lin-Manuel Miranda (Hamilton), entre outros astros.

 

Agora Confira Os Principais Momentos Do Segundo Dia

 

Nesta sexta-feira, o dia foi marcado por trailer e revelações de séries como The Walking Dead, Fear The Walking Dead, Veronica Mars e The Witcher.

Para os fãs Marvel, o painel com os Irmãos Russo foi um verdadeiro presente, com direito a informações sobre Vingadores: Guerra Infinita e Vingadores: Ultimato e anúncio de novos projetos dos diretores.

 

A Conversation With The Russo Brothers

 

 

Já pra começar o dia daquele jeito, os cineastas Joe e Anthony Russo tiveram seu próprio painel na SDCC 2019. Nele, os irmãos conversaram com os fãs sobre seus trabalhos e curiosidades relacionadas a Marvel Studios, responderam perguntas dos próprios Vingadores e apresentaram seus novos projetos.

 

21 Bridges

 

 

Ainda na onda de trabalhos dos irmãos Russo, um novo trailer de 21 Bridges foi divulgado neste segundo dia de SDCC. O filme com Chadwick Boseman no papel principal contará a história de um detetive que precisa caçar criminosos e, para tanto, fecha as 21 pontes que ligam Nova York a outros locais.

 

CHERRY

 

 

Os cineastas também anunciaram mais um novo projeto, o filme Cherry, que será estrelado por Tom Holland (Homem-Aranha: Longe de Casa).

Na ocasião, os diretores revelaram apenas um pouco da trama do longa, que será para maiores de 18 anos, e divulgaram a logo do filme.

 

The Walking Dead

 

 

A nova temporada de uma das séries mais populares do momento acaba de ganhar um novo trailer durante seu painel na SDCC. Com a vibe carregada, como em toda temporada, o clima está cheio de tensão, conflitos com os outros sobreviventes e… Os temidos zumbis. Na ocasião, Danai Gurira também confirmou sua saída após a 10ª temporada do programa.

 

Teaser Do Filme Com Rick Grimes

 

 

Além da novidade para os fãs da série, foi revelado um teaser que confirmou as especulações de um filme com Rick Grimes novamente em destaque. Os fãs estão bastante animados para o que pode vir em breve para o universo de TWD.

 

Fear The Walking Dead

 

A série derivada de The Walking Dead também ganhou novidades durante a SDCC. Durante seu painel, Scott Gimple, responsável pelo universo de TWD, confirmou que a série será renovada para sua sexta temporada. Além disso, a season 5 já tem data de estreia para chegar aos fãs!

 

The Witcher

 

The Witcher recebe primeiro trailer na SDCC 2019

 

Marvel Comics

 

 

 

A Marvel Comics veio com um painel cheio de novidades. A edição especial Marvel #1000, que vai reunir artistas renomados em celebração dos 80 anos de Marvel Comics, ganhou detalhes sobre lançamento, conteúdo e outras informações.

 

Mas não parou por aí. O painel ainda foi espaço para anúncios como a recriação da sagas Aniquilação e 2099 nos quadrinhos, a nova HQ The Amazing Mary Jane.

Com informações do site Aficionados.

Comentar
Público alvo mudou! · 20/07/2019 - 08h00 | Última atualização em 20/07/2019 - 12h28

Knights Of The Zodiac: Saint Seiya – Primeiras Impressões


Compartilhar Tweet 1



 

    (Netflix/Toei Animation)

Os fãs mais velhos odiarão a nova versão da Netflix de Cavaleiros do Zodíaco, Knights of the Zodiac: Saint Seiya, mas a nova geração abraçará a ideia fortemente.

Esta resenha não contém spoilers. Mesmo que 90% das pessoas que lerão ela já saber toda a história.

Funcionando mais como um remake de uma das franquias mais importantes e famosas da história dos animes: Knights of the Zodiac: Saint Seiya da Netflix, leva a ideia original com bastante CGI com apenas seis episódios. A história, apesar da pressa, e, por causa disso, quase cair na mesma armadilha da tragédia que foi A Lenda do Santuário, 2014, se saiu razoavelmente bem em conseguir adaptar os personagens e as ideias do anime original. Mas o grande problema para mim, foi a animação. Ela fica diversas vezes sem vida. Talvez seja os filtros de cores, cenários e alguns elementos 2D que foram usados na animação, mas somando tudo que anotei neste quesito, a coisa não foi satisfatória.

A história começa com um breve prólogo antes de dar um salto no tempo mostrando o jovem e órfão Seya vivendo quase na clandestinidade. Todos esses anos, ele está a procura de alguma informação que leve o paradeiro de sua irmã Seika – na versão americana ficou Patrícia. Por causa disso, Seya acaba sendo recrutado por Alman Kido (Mitsumasa Kido na versão original do anime) para cumprir seu destino e se tornar um lendário Cavaleiro de Bronze que lutará na guerra secreta entre os Deuses para conquistar a Terra. Na primeira metade dos seis episódios, os Cavaleiros Negros e as forças das trevas fazem o papel dos vilões e acontecimentos que levam Seya para seu treinamento para desenvolver seu poder e virar um guerreiro de Atena, depois de lutar com vários guerreiros prolíficos. A segunda metade mostra o início da luta que culmina em um confronto final entre Nero e Seiya antes de terminar com a possibilidade de uma segunda temporada.

    (Netflix/Toei Animation)

Para quem ainda não sabe, a Netflix tem mais 6 episódios programados para serem lançados em algum momento, com essa primeira temporada cobrindo a história do arco da Guerra Galática até o arco dos Cavaleiros de Prata. Eu imagino que a Netflix, está avaliando a reação do público primeiro antes de liberar a segunda parte. E honestamente, a animação funciona bem, crianças adorarão, mas o que pode causar problema é estilo estético e a CGI usada. Mas isso dependerá de cada pessoa que está vendo pela primeira vez ou não. Pessoalmente, quebrou todo o prazer nostálgico quando assisti, mas minha a faixa etária ficou para trás, nos anos 90, já venceu.

Em Knights of the Zodiac: Saint Seiya os personagens principais são dublados por Hermes Baroli (Seiya), Élcio Sodré (Shiryu), Francisco Bretas (Hyoga), Úrsula Bezerra (Shun), Leonardo Camilo (Ikki) e Letícia Quinto (Saori Kido). Eles conseguiram trazer quase todos os dubladores originais e isso é uma das coisas positivas para falar. Na verdade, lá no fundo, eu assisti para rever essas lendas redublando esses personagens tão icônicos. Mesmo que a legenda tenha as mudanças dos nomes, os dubladores decidiram manter tudo da forma original.

Pessoalmente, não sou fã de 3D/CGI e assisti inúmeras animações nesse estilo, Knights of the Zodiac: Saint Seiya, flui bem e muitas vezes os modelos de personagens parecem relembrar o mais recente jogo Dragon Quest, enquanto tentam manter os embates, dramas e ideias do anime original no processo. O resultado é algo que realmente parece que a nova geração de crianças podem realmente gostar de assistir, rapazes e moças lutando por uma Deusa que gosta as vezes de usar a violência, ossos quebrados e golpes legais para provar seu valor como Deusa da Paz.

Como qualquer remake, é sempre difícil capturar o coração e a essência do original. Mesmo que seja algo positivo trazer de volta os personagens e ideias de um anime tão nostálgico para o ocidente, Knights of the Zodiac: Saint Seiya não tem a mesma profundidade e coração. Eu sinto que a animação ajustou alguns elementos desnecessários, a introdução ajuda muito uma criança entender todo o folclore que ela vai assistir, mas a Netflix tem Saint Seiya: The Lost Canvas, 2009, com todos os 26 episódios incluídos em sua plataforma, como ela vai recomendar esse anime para uma criança que acabou de assistir sua versão em CG? Meio difícil conseguir encontrar um bom caminho para responder essa pergunta.

    (Netflix/Toei Animation)

Veredito

Knights of the Zodiac: Saint Seiya poderia perigosamente ser uma série que não conseguiu decidir que público-alvo quer alcançar. Visualmente, o 3D/CGI não atinge bem seu propósito final e os fugazes 6 episódios não conseguem realmente mergulhar profundamente no coração e ideias que a animação quer apresentar. Eu acredito que Knights Of The Zodiac parece mais um experimento para testar as reações do público a esse no novo estilo de contar as aventuras do Seya e sua trupe, a adaptação terá um grande público – No Brasil principalmente. Mas, por incrível que possa parecer, Saint Seiya não será o pior anime do ano e muito menos o melhor.

Termino com uma frase adaptada do Capitão Planeta toda que vez que ele ia embora: “O Poder é de Vocês!”, neste caso, o poder será de vocês decidirem se gostarão ou não dessa animação.

Comentar
Netflix conseguiu? · 19/07/2019 - 21h14

The Witcher recebe primeiro trailer na SDCC 2019


Compartilhar Tweet 1



 

 

A nova série da Netflix dedicada às aventuras do bruxo Geralt já tem trailer!

O vídeo foi liberado na convenção para um público ansioso por saber mais sobre a adaptação.

Confira o novo trailer!

 

 

O vídeo mostra claramente que, além de seguirmos as aventuras de Geralt, grande foco vai ser colocado também em Yennefer e Ciri.

A história da feiticeira será uma de auto-descoberta e de como a compreensão de seus poderes e vulnerabilidades irão a tornar a poderosa mulher que ela é. Já Ciri estará ligada ao lado mais obscuro do mundo.

A trama irá se basear mais nos livros originais de Andrzej Sapkowski do que nos games produzidos pela CD Projekt RED.

Durante o painel, Henry Cavill confessou também ser um grande fã dos games The Witcher, tendo se oferecido para o papel do protagonista.

The Witcher tem estreia marcada na Netflix ainda este ano.


Fonte: Netflix
Comentar

Compartilhar Tweet 1



 

Kyoto Animation sofreu um terrível incêndio nesta semana, deixando 33 vítimas fatais. Isso gerou uma grande comoção entre os fãs da cultura japonesa, fazendo até muitos deixarem rosas na frente do local.

O estúdio é um dos poucos que adotou um modelo de contrato fixo para os animadores, e tornou-se referência por suas animações fluidas e histórias emocionantes. Essa é a história de como a KyoAni se tornou um dos maiores e mais importantes estúdios da indústria de animes atualmente.

Esse texto foi escrito pela Tayná Garcia, do site Jovem Nerd.

 

Um casal de otakus

Na década de 1970, Yoko Hatta era uma das desenhistas da Mushi Productions, empresa fundada por Ozamu Tezuka. Lá, ela trabalhou em obras clássicas, como Princess Ribbon. No entanto, ela ansiava por algo a mais nesse universo.

Yoko se demitiu em 1981 para se mudar para Quioto e morar com seu marido, Hideaki Hatta, com quem estava recém-casada. Juntos, eles decidiram criar uma empresa própria, batizada inicialmente como Kyoto Anime Studio.

No início, a empresa contratou poucos funcionários, o que fazia dele um estúdio realmente pequeno. Por isso, apenas prestava serviços para outros estúdios, como auxiliar nos desenhos ou na dublagem. Eles começaram a aparecer em créditos de animes da Tatsunko Pro e da Pierrot, em títulos como SDF Macross e Time Bokan.

É interessante ressaltar que, desde a fundação da KyoAni, Yoko contratava mais funcionárias mulheres, o que futuramente seria um dos motivos para o estúdio focar mais em personagens femininas.

1985 foi o ano em que Yoko e Hideaki tomaram uma decisão importante: fundar um estúdio de anime, chamada Kyoto Animation. Ele assumiria o lado burocrático, enquanto ela tomaria as rédeas criativas dos projetos.

 

O verdadeiro início da KyoAni

Apesar de já terem a ideia de produzir seus próprios animes, isso ainda ia demorar para sair do papel. Com o passar do tempo, Yoko foi contratando mais funcionários e mangakás para montar o departamento de arte, animação, roteiro e fotografia — o que levou anos.

Enquanto isso, a empresa continuava a prestar serviços para outras, chegando até a auxiliar nas artes de AkiraPorco Rosso, do Studio Ghibli, e Neon Genesis Evangelion.

O primeiro grande projeto, mas ainda não original, foi a coprodução de Zillion, um anime da Tatsunoko, em 1987. A parceria foi tão bem sucedida, que o vínculo entre as duas empresas se estreitou ainda mais depois disso.

A primeira produção original veio quatro anos depois. Foi um curta de 15 minutos chamado Shiawasette Nani, que pode ser encontrado no YouTube. Paralelamente, o estúdio continuava prestando serviços para outras empresas, auxiliando em mais franquias conhecidas, como Doraemon Shin-chan.

Apenas em 2003, o estúdio conseguiu produzir sua primeira série televisiva, chamada Full Metal Panic? Fumoffu. Como ainda não tinham experiência, o presidente da Tatsunoko ofereceu ajuda para colocar a produção no ar. A partir disso, a KyoAni partiu pela estrada de fazer seus próprios animes e nunca mais voltou atrás.

 

Uma nova era para o estúdio

Com o sucesso dos animes The Melancholy of Haruhi Suzumiya e Lucky Star, a Kyoto Animation ganhou mais notoriedade na indústria passou a ser considerada um dos estúdios mais promissores na época.

Em 2009, eles deram mais um passo e começaram a produzir filmes animados, começando com um longa da franquia Munto. E acabaram pegando gosto pela coisa.

Os anos seguintes fizeram a KyoAni deslanchar no Japão, ficando conhecido principalmente pelos animes de K-On!!ClannadFree!Miss Kobayashi’s Dragon MaidHyoukaViolet Evergarden e A Voz do Silêncio.

 

 

Em toda a sua carreira, a Kyoto Animation produziu quase 50 animações japonesas, incluindo séries, filmes e curtas. Yoko sempre manteve o seu hábito de contratar muitas mulheres para trabalhar na empresa, o que acabou refletindo nos animes produzidos, cuja maioria eram adaptações de light novels com histórias simples, mas cheias de emoção.

As produções da KyoAni sempre nos fizeram refletir sobre detalhes pequenos, mas muito importantes na vida de qualquer um, nos ensinando sobre coisas que nunca paramos para pensar.

Com essa história bonita sobre a fundação do estúdio, lamentamos profundamente o acontecido e oferecemos nossos sentimentos às famílias das vítimas.


Fonte: Jovem Nerd
Comentar
San Diego Comic Con 2019 · 18/07/2019 - 21h47 | Última atualização em 18/07/2019 - 22h07

Novo Exterminador do Futuro traz de volta Edward Furlong e Featurette é divulgado!


Compartilhar Tweet 1



 

    (Reprodução)

 

Exterminador do Futuro: Destino Sombrio trará de volta Edward Furlong ao papel de John Connor! O ator, que viveu o líder da resistência contra as máquinas em Exterminador do Futuro 2, estará presente no novo filme da franquia.

A presença de Furlong foi anunciada durante o painel do longa na San Diego Comic Con. O evento contou com a presença de Arnold Schwarzenegger, Linda Hamilton e Gabriel Luna. Foi anunciado também que o filme será para maiores de 18 anos.

 

 

Featurette de 'Exterminador do Futuro 6' é divulgado!

 

 

Um vídeo dos bastidores de Exterminador do Futuro: Destino Sombrio exibido durante a San Diego Comic Con foi publicado! O featurette mostra os atores durante as gravações das cenas de ação e traz comentários do diretor Tim Miller e do produtor James Cameron.

No teaser, os membros do elenco comentam sobre as filmagens, enquanto Miller e Cameron falam sobre o que os fãs podem esperar do novo filme da franquia. Confira o vídeo!

 

 

Exterminador do Futuro: Destino Sombrio se passa logo após os eventos do segundo filme da franquia. Mesmo após terem conseguido destruir os materiais que levariam a Cyberdine a construir o Exterminador e a Skynet, o futuro da humanidade ainda não está a salvo. Sarah Connor terá que lutar mais uma vez para impedir essa ameaça.

O longa traz de volta Linda Hamilton, Arnold Schwarzenegger e Edward Furlong para oferecer uma nova conclusão para os dois primeiros filmes da saga.

E você? Animado para a volta do T-800?

Exterminador do Futuro: Destino Sombrio estreia dia 31 de outubro.

Aficionados.


Fonte: Aficionados
Comentar
Estreias incríveis! · 18/07/2019 - 14h10

O Rei Leão entra em cartaz nos Cinemas Teresina


Compartilhar Tweet 1



 

    (Disney/Divulgação)

 

Um dos filmes mais aguardados do ano, “O Rei Leão” chega aos Cinemas Teresina em uma nova versão. Esta cinesemana também conta com as pré-estreias de “Eu não sou uma bruxa” e “A costureira de sonhos”, além das estreias dos dramas “Deslembro” e “Memórias da Dor”.

25 anos depois do lançamento da clássica animação da Disney, “O Rei Leão” está de volta, agora em versão live-action. Usando o fotorrealismo, o diretor Jon Fravreau reconta a história do jovem leão Simba (Donald Glover) cujo destino é se tornar o rei da selva. Por conta de uma armadilha elaborada pelo seu tio Scar (Chiwetel Ejilofor), o rei Mufasa (James Earl Jones) morre ao tentar salvá-lo. Consumido pela culpa, o pequeno Simba parte em uma jornada cheia de aventuras, onde encontra amigos especiais que o ensinam a ter prazer pela vida novamente. A nova versão de “O Rei Leão” também conta com um super elenco de dubladores, entre eles a cantora Beyoncé, que dá voz à personagem Nala.

 

 

Os Cinemas Teresina trazem também a pré-estreia de “Eu não sou uma bruxa”, no sábado (20), às 11h. Premiado com o BAFTA em 2018, o drama dirigido por Rungano Nyoni conta a história da pequena Shula (Maggie Mulubwa), que é acusada de bruxaria após um incidente banal em sua vila. Considerada culpada após um rápido julgamento, a menina é levada para um campo de bruxas no meio do deserto. No local, ela passa por uma cerimônia de iniciação e aprende as regras de sua nova vida como bruxa.

 

Shula, de apenas nove anos tem um dilema para enfrentar.
Shula, de apenas nove anos tem um dilema para enfrentar.    Fonte: Berlin Feminist Film Week

 

Já no domingo (21), às 10h30, acontece a pré-estreia do drama indiano “A costureira de sonhos”. No longa, a empregada doméstica Ratna (Tillotama Shome) trabalha para Ashwin (Vivek Gomber), um homem rico que vive perdido e sem esperanças. Enquanto isso, Ratna vive a sua vida determinada a alcançar seus sonhos. O filme tem direção de Rohena Gera.

 

 

No drama “Deslembro”, a jovem Joana (Jeanne Boudier) teve o pai refém como prisioneiro político durante os anos de ditadura no Brasil. Morando quase toda a sua vida em Paris, cidade onde o resto de sua família se exilou, ela retorna a sua cidade natal, a contragosto, após decretada a Lei da Anistia. No Brasil, as memórias amargas de tempos difíceis vêm à tona, causando um forte desconforto. O filme tem direção de Flávia Castro.

 

 

Em “Memórias da Dor”, dirigido por Emmanuel Finkiel, a escritora Marguerite Duras (Melanie Thierry) busca por pistas do paradeiro do marido preso por ações na resistência, se aproximando de um inimigo que é também fã.

 

 

 

Além das novidades da semana, ainda permanecem em cartaz nos Cinemas Teresina os filmes: PETS: A Vida Secreta dos Bichos 2; Homem-Aranha: Longe de Casa; Toy Story 4; Estou Me Guardando para Quando o Carnaval Chegar; Annabelle 3: De Volta para Casa; Turma da Mônica – Laços e Atentado ao Hotel Taj Mahal.

 

Confira horários, promoções e lançamentos clicando em nosso banner:

 


Fonte: Cinemas Teresina
Comentar
"Projetos absurdos!" · 18/07/2019 - 00h11 | Última atualização em 19/07/2019 - 07h13

Jair Bolsonaro considera extinguir a Ancine


Compartilhar Tweet 1



 

 

O presidente Jair Bolsonaro considera fazer mudanças drásticas na Agência Nacional do Cinema (Ancine), de acordo com a colunista da Folha de S.Paulo Mônica Bergamo. Entre as medidas possíveis, ele cogita extinguir o órgão oficial ou, então, transferi-lo para a Secretaria de Comunicação (Secom), dentro do Ministério da Cidadania.

A insatisfação do Bolsonaro se deve a relatos de projetos aprovados pela Ancine que o presidente entende como absurdos. Um exemplo é o reality Born to Fashion, cuja premissa é revelar modelos trans. Outra preocupação dele estaria também na disputa de cargos dentro da área da cultura.

A decisão sobre o destino da Ancine deve ser tomada ainda nesta quinta-feira (18), quando Bolsonaro se encontrará com o ministro da Cidadania Osmar Terra.

Criada em 2001, a Ancine é uma agência reguladora com a função de fomentar e fiscalizar as produções cinematográfica e videofonográfica no Brasil.

Segundo o site, O Globo, durante cerimônia em comemoração aos 200 dias de governo, em Brasília. Comentou:

'Não posso admitir filmes como Bruna Surfistinha com dinheiro público'

Daniel Caetano, presidente da Abraci-RJ, concorda com a ida do Conselho para a Casa Civil, mas se preocupa com a posição do presidente.

"A fala dele ( sobre filmes como "Bruna Surfistinha" ) é preocupante porque ele confunde a posição pessoal com a institucional" diz Caetano. - Espero que pessoas mais serenas perto dele  convençam-no de que a produção artística deve reproduzir a nossa diversidade. Inclusive os filmes conservadores, que estão sendo feitos e cuja existência eu defendo, apesar de não gostar deles. Eu sou favorável à ida do Conselho Superior de Cinema para a Casa Civil, porque as políticas devem envolver vários escalões do governo.

Ele acha que a provável ida da Ancine para Brasília é uma atitude "isolacionista". 

 


Fonte: Folha/O Globo
Comentar
ficção e documentários · 17/07/2019 - 14h12 | Última atualização em 18/07/2019 - 14h09

Milão: "O beijo no asfalto" e "Aurora 1964" vencem o Festival Agenda Brasil


Compartilhar Tweet 1



 

    (Reprodução/Divulgação)

 

Os filmes "O beijo no asfalto", de Murilo Benício, e "Aurora 1964", de Diego Di Niglio, ganharam os prêmios do júri especializado da oitava edição do festival Agenda Brasil, em Milão, respectivamente, nas categorias ficção e documentários. A cerimônia de premiação do mais importante evento sobre cinema brasileiro contemporâneo na Itália aconteceu na noite de domingo no Museu Interativo do Cinema (MIC), após uma semana de exibições - de 8 a 14 de julho.

"O beijo no asfalto", a estréia na direção do famoso ator brasileiro, foi duplamente recompensado: o público também o escolheu como a melhor ficção, junto com "Alguma coisa assim", de Esmir Filho e Mariana Bastos. Como documentário, a escolha popular foi para "Tente entender o que tento dizer", de Emília Silveira.

 

 

Confira nossa entrevista que o diretor/ator Murilo Benício deu ao Balaio Cultural exclusivo sobre seu filme que acabou sendo premiado:

Como diretor, Murilo Benício lança seu filme 'O Beijo no Asfalto' em Teresina


Fonte: Agenda Brasil
Comentar
Para os fãs da Disney · 17/07/2019 - 14h04

O Rei Leão | Beyoncé lança clipe da música 'Spirit'


Compartilhar Tweet 1



 

Amanhã é um grande dia importante para uma boa parcela de fãs da Disney. O live-action de O Rei Leão chega aos cinemas nesta quinta-feira, trazendo uma parte importante da infância de muitas pessoas que acompanharam a animação quando crianças. E enquanto o filme não estreia, Beyoncé, cantora e dubladora da Nala, acaba de lançar o clipe de Spirit.

A música traz imagens inéditas do filme, que ainda não foram compartilhadas em spots ou trailers já lançados. O clipe faz parte de um momento chave no último ato do longa, que é quando será apresentada a canção.

 

 

Spirit é a música inédita gravada pela cantora e atriz que compõe a trilha sonora de O Rei Leão. As informações das canções presentes no filme afirmam que Elton John também ajudou na composição, ao lado de Beyoncé.

O Rei Leão trará a conhecida história, através da animação, de Simba. Após uma tragédia envolvendo seu pai, ele precisa voltar para o seu verdadeiro lugar e recuperar seu lugar de direito, que foi tomado por seu tio, o vilão Scar.

Já estamos ansiosos por aqui. E você?

O filme estreia amanhã, dia 18 de julho!


Fonte: Disney/Aficionados
Comentar

Compartilhar Tweet 1



 

 

Os indicados para os prêmios da 71ª edição do The Emmy Awards foram revelados nesta terça-feira (16)!

A série que mais apareceu na lista foi a temporada final de Game of Thrones com 32 indicações ao todo — quebrando o recorde de produção mais indicada em uma única edição da premiação.

 

Confira a lista completa:

 

Melhor Ator em Minissérie ou Telefilme

Mahershala Ali (True Detective)

Benicio Del Toro (Escape at Dannemora)

Hugh Grant (A Very English Scandal)

Jared Harris (Chernobyl)

Jharrel Jerome (When They See Us)

Sam Rockwell (Fosse/Verdon)

 

Melhor Atriz em Minissérie ou Telefilme

Amy Adams (Sharp Objects)

Patricia Arquette (Escape at Dannemora)

Joey King (The Act)

Niecy Nash (When They See Us)

Michelle Williams (Fosse/Verdon)

Aunjanue Ellis (When They See Us)

 

Melhor Ator em Série de Comédia

Anthony Anderson (Black-ish)

Don Cheadle (Black Monday)

Ted Danson (The Good Place)

Michael Douglas (The Kominsky Method)

Bill Hader (Barry)

Eugene Levy (Schitt’s Creek)

 

Melhor Atriz em Série de Comédia

Christina Applegate (Dead to Me)

Rachel Brosnahan (The Marvelous Mrs. Maisel)

Julia Louis-Dreyfus (Veep)

Natasha Lyonne (Russian Doll)

Catherine O’Hara (Schitt’s Creek)

Phoebe Waller-Bridge (Fleabag)

 

Melhor Ator em Série Dramática

Jason Bateman (Ozark)

Sterling K. Brown (This Is Us)

Kit Harington (Game of Thrones)

Bob Odenkirk (Better Call Saul)

Billy Porter (Pose)

Milo Ventimiglia (This Is Us)

 

Melhor Atriz em Série Dramática

Emilia Clarke (Game of Thrones)

Jodie Comer (Killing Eve)

Viola Davis (How to Get Away With Murder)

Laura Linney (Ozark)

Mandy Moore (This Is Us)

Sandra Oh (Killing Eve)

Robin Wright (House of Cards)

 

Melhor Ator Coadjuvante em Série Dramática

Alfie Allen (Game of Thrones)

Jonathan Banks (Better Call Saul)

Nikolaj Coster-Waldau (Game of Thrones)

Peter Dinklage (Game of Thrones)

Giancarlo Esposito (Better Call Saul)

Michael Kelly (House of Cards)

Chris Sullivan (This Is Us)

 

Melhor Atriz Coadjuvante em Série Dramática

Gwendoline Christie (Game of Thrones)

Julia Garner (Ozark)

Lena Headey (Game of Thrones)

Fiona Shaw (Killing Eve)

Sophie Turner (Game of Thrones)

Maisie Williams (Game of Thrones)

 

Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia

Alan Arkin (The Kominsky Method)

Anthony Carrigan (Barry)

Tony Hale (Veep)

Stephen Root (Barry)

Tony Shalhoub (The Marvelous Mrs. Maisel)

Henry Winkler (Barry)

 

Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia

Alex Borstein (The Marvelous Mrs. Maisel)

Anna Chlumsky (Veep)

Olivia Colman (Fleabag)

Sian Clifford (Fleabag)

Betty Gilpin (GLOW)

Sarah Goldberg (Barry)

Marin Hinkle (The Marvelous Mrs. Maisel)

Kate McKinnon (Saturday Night Live)

 

Melhor Minissérie

Chernobyl (HBO)

Escape at Dannemora (Showtime)

Fosse/Verdon (FX)

Sharp Objects (HBO)

When They See Us (Netflix)

 

Melhor Série de Comédia

Barry (HBO)

Fleabag (Amazon)

The Good Place (NBC)

The Marvelous Mrs. Maisel (Amazon)

Russian Doll (Netflix)

Schitt’s Creek (Pop)

Veep (HBO)

 

Melhor Série Dramática

Better Call Saul (AMC)

Bodyguard (Netflix)

Game of Thrones (HBO)

Killing Eve (BBC America)

Ozark (Netflix)

Pose (FX)

Succession (HBO)

This Is Us (NBC)

 

Melhor Reality Show Competitivo

The Amazing Race

American Ninja Warrior

RuPaul’s Drag Race

Top Chef

The Voice

 

Melhor Talk-Show

Last Week Tonight (HBO)

The Late Show With Stephen Colbert (CBS)

Jimmy Kimmel Live! (ABC)

The Late Late Show With James Corden (CBS)

The Daily Show With Trevor Noah (Comedy Central)

Full Frontal With Samantha Bee (TBS)

 

Melhor Telefilme

Black Mirror: Bandersnatch (Netflix)

Brexit: The Uncivil War (HBO)

Deadwood: The Movie (HBO)

My Dinner With Herve (HBO)

King Lear (Amazon)

 

Melhor Roteiro em Série Dramática

“Winner” — Better Call Saul

“Episode 1” — Bodyguard

“The Iron Throne” — Game of Thrones

“Holly” — The Handmaid’s Tale

“Nice And Neat” — Killing Eve

“Nobody Is Ever Missing” — Succession

 

Melhor Roteiro em Série de Comédia

“ronny/lily” — Barry

“Episode 1” — Fleabag

“Janet(s)” — The Good Place

“Anna Ishii-Peters” — PEN15

“Nothing In This World Is Easy” — Boneca Russa

“A Warm Body” — Boneca Russa

“Veep” — Veep

 

Os vencedores da 71ª edição do The Emmy Awards serão revelados no dia 22 de setembro.


Fonte: The Emmy Awards
Comentar
Girl power explodindo! · 15/07/2019 - 13h42 | Última atualização em 15/07/2019 - 14h41

Atriz negra pode assumir o codinome 007 no 25º filme do James Bond


Compartilhar Tweet 1



 

    (Reprodução)

 

Segundo o Mail Online, a atriz Lashana Lynch, que interpretou Maria Rambeau no filme da Capitã Marvel, pode assumir o codinome 007 no 25º filme do James Bond, segundo site.

Uma das pessoas envolvidas com a gravação do novo longa afirmou que há uma cena crucial no começo do filme em que um dos personagens pede para o agente “007” entrar, e quem entra em cena é Lashana Lynch.

Isso não significa que ela vai tomar o nome de Bond para si, mas sim sua posição como 007. A fonte também afirma que o novo filme está cheio de referências aos anteriores, e também que o roteiro tem vários momentos de humor. As informações são do The Mail on Sunday.

O ator Daniel Craig, que interpreta James Bond desde 2006, quando estreou em 007: Cassino Royale já expressou sua vontade de se aposentar do papel diversas vezes, prometendo que sua aparição no 25º filme da franquia é a última.

O próximo 007 tem a estreia marcada para abril de 2020 nos EUA

Comentar
Sem Spoiler! · 15/07/2019 - 08h00 | Última atualização em 15/07/2019 - 08h03

Crítica | Homem-Aranha: Longe De Casa Fecha A Fase 3 Do UCM Espetacularmente


Compartilhar Tweet 1



 

    (Marvel Studios/Sony Pictures)

 

O Homem-Aranha: Longe de Casa da Marvel Studios com a Sony Pictures teve um papel difícil no Universo Cinematográfico Marvel. Levar o público de ressaca ainda de Ultimato para o cinema, encerrar a fase da 3 da Marvel e introduzir a fase 4 da empesa nos cinemas. Além disso, Longe de Casa precisava continuar a história do jovem super-herói após seu primeiro filme, 2017, Homem-Aranha: De volta a Lar, embora sua jornada tenha sido interrompida pelos eventos de Vingadores: Guerra Infinita e Ultimato. Para piorar ainda mais, Longe de Casa está sozinho e precisa dar conta de tudo isso. E ele conseguiu.

O Homem-Aranha: Longe de Casa é um emocionante, ambicioso e meio confuso filme de super-herói, graças a performances notáveis de Tom Holland e Jake Gyllenhaal.

Homem-Aranha: Longe de Casa começa após os eventos de Vingadores: Ultimato, mas examina as ramificações sobraram disso através dos olhos e sentimentos do pequeno mundo onde o Homem-Aranha vive. Como tal, o filme centra-se em Peter Parker (Holland) querendo parar um pouco com essa vida de super-herói para desfrutar as suas férias de verão na Europa com o seu melhor amigo, Ned (Jacob Batalon), e falar que gosta muito da MJ (Zendaya). Todos os planos de Peter são descarrilados, no entanto, quando ele é abordado por Nick Fury (Samuel L. Jackson) e Maria Hill (Cobie Smulders) para ajudar Quentin Beck, Mysterio (Jake Gyllenhaal) na luta contra os Elementais e salvar o mundo. Todo o tempo, Peter luta com a ideia de se preparar para preencher o vazio deixado pela morte de Tony Stark / Homem de Ferro, além de decidir – mais uma vez – que tipo de super-herói ele quer ser.

O tema sobre Peter descobrir sua identidade e função como super-herói já vem do De Volta ao Lar, embora Longe de Casa – com Jon Watts retornando na direção – adiciona fatores externos extras à mistura com a morte do Homem de Ferro e Mysterio. Só que esses elementos ficam um pouco perdidos em tudo o que o filme está tentando realizar, particularmente no enredo do Mysterio e nas cenas de ação. Ainda assim, é um passo lógico para o Homem-Aranha do UCM disputar sua identidade em um mundo que estava verdadeiramente cheio de super-heróis apenas para perceber que ele agora pode ser a última esperança da Terra. Além disso, os outros aspectos do Homem-Aranha: Longe de Casa são convincentes o suficiente para perdoar o filme por não ter uma forma de explorar e abordar esse tema da identidade do super-herói.

A execução do enredo do Mysterio no filme é imperfeito, mas graças a trabalhos em grande parte do desempenho de Gyllenhaal, faz a coisa funcionar. Na verdade, é muito divertido de assistir. Gyllenhaal foi uma escolha perfeita para o papel, além de uma química nata entre ele o Holland nas cenas, carregando a seriedade e o carisma de um mentor para o super-herói jovem. Enquanto isso, Holland é puro carisma, mais uma vez fazendo um desajeitado adolescente com o peso do mundo em seus ombros. Não esquecendo do romance que está nascendo entre ele a MJ, papel que Zendaya faz lindamente. Isso funciona muito.

    (Marvel Studios/Sony Pictures)

 

Longe de Casa, mantém a sensação do ensino médio dos personagens, e Holland tem sorte dos atores que estão ao seu redor lhe dando apoio e um fundo para a trama funcionar. Fury de Jackson, é pura comédia junto com Martin Starr como o professor de Peter, o Sr. Harrington, assim como o Ned de Batalon. Mas não se engane, este é o filme de Holland como o Homem-Aranha e, em menor grau, o de Gyllenhaal como Mysterio – e eles o fazem espetacularmente.

No geral, Longe de Casa é explosivo, embora leve algum tempo para a coisa realmente começar. A primeira parte do filme repousa sobre os ombros da Holland e os papéis que seus colegas de cenas estão interpretando não empolgam no começo da viagem – para não mencionar, uma explicação super-rápida do novo status quo no UCM após Vingadores: Ultimato (embora um pouco confusa). Em seguida, o segundo e terceiro atos de Longe de Casa empurram os limites do que é esperado e não apenas em um filme do Homem-Aranha, mas filmes de super-heróis em geral ficando com sua narrativa mais ambiciosa, explosiva e cheia de cenas em CGI. Homem-Aranha: Longe de Casa não é tão enfático ou bem escrito como Homem-Aranha: De Volta ao Lar, mas compensa isso com conexões ao UCM, e de forma inteligente sobre o real papel de Gyllenhaal e seus propósitos como Mysterio. É exatamente o tipo de experiência excitante que os fãs querem do UCM, sendo bem otimista.

 

    (Marvel Studios/Sony Pictures)

 

Veredito

Como tal, o Homem-Aranha: Longe de Casa é obrigatório para os fãs do UCM, oferecendo uma experiência bastante diferente dos outros filmes da Marvel que foram lançados em 2019. Ele também foi capaz de fazer a transição após o épico Ultimato, em grande parte graças ao foco em um dos personagens principais que não direi quem é. Além disso, Longe de Casa realmente funciona como uma transição para o que vem depois neste mundo pós-Vingadores, introduzindo alguns elementos interessantes que os fãs ficarão animados em ver explorados em filmes futuros. Uma das maiores forças de Volta ao Lar era poder equilibrar a história focada no personagem que reconhece o universo maior no qual ela está inserida, e Longe de Casa novamente une esse equilíbrio. É um grande filme de super-herói por conta própria e a fase 4 do UCM será ainda maior e mais épica.

Comentar
Serviço vem forte em Julho! · 13/07/2019 - 13h14 | Última atualização em 13/07/2019 - 17h37

Amazon Prime Video renova 'Jack Ryan' e 'Sra. Maisel' e lança série de heróis 'The Boys'


Compartilhar Tweet 1



 

The Boys
The Boys    Amazon Prime

 

A Amazon tenta angariar parte do público brasileiro das plataformas de streaming com a Prime Video, que tem na lista de produções sucessos como “This is Us”, “Mr. Robot” e “Deuses Americanos”

Além dos títulos já citados acima, a Prime Video já tem programadas novas temporadas para “Jack Ryan”, série de ação sobre o analista da CIA criado pelo escritor Tom Clancy, “Maravilhosa Sra. Maisel”, sobre uma comediante de stand-up, e a ficção científica “O Homem do Castelo Alto”.

O catálogo ainda se destaca com “Hanna”,  drama com Esme Creed-Miles e Joel Kinnaman baseado no filme homônimo de 2011, e “Homecoming”, estrelada por Julia Roberts.

O objetivo é liderar o mercado com produções relevantes e facilidade de acesso a eles, segundo Paulo Lacoviello, diretor de conteúdo da plataforma na América Latina.

Para chegar ao melhor conteúdo, a Amazon usa os dados dos próprios clientes e observa o que os assinantes mais gostam de ver. “Nós ouvimos o que os clientes desejam assistir e combinamos isso com dados e relatórios das visualizações, para entender o que os assinantes estão gostando de ver. A partir disso, trabalhamos em parceria com os melhores criadores de conteúdo do mercado”, afirma Lacoviello.

A Netflix usa técnica semelhante e já criou séries baseadas nas preferências de seus assinantes. Um dos exemplos é “Stranger Things”, que narra uma história de fantasia e ficção científica ambientada nos anos 1980. Estudiosos dão conta de que a produção encomendada deveria ter elementos de aventura, romance, suspense e terror e ainda ser recheada de referências a filmes clássicos.

Há alguns outros lançamentos aguardados como “Star Trek: Picard”, estrelada pelo ator britânico Patrick Stewart. Ele já interpretou o personagem em sete temporadas da série de ficção científica na televisão, além de filmes nos anos 1980 e 1990.

Stewart fez o anúncio sobre a série em agosto do ano passado e surpreendeu os fãs. A produção exibida na TV dos Estados Unidos e Canadá estava sem endereço nas outras partes do mundo, até que a Amazon assumiu a exibição da série em seu canal de streaming.

Outra aposta da Prime Video é “The Boys”, sobre um grupo criado pela CIA para monitorar alguns dos heróis que saem da linha, que estreou na quarta-feira passada (26). 

 

 

“Carnival Row”, estrelada por Orlando Bloom e Cara Delevingne, estreia dia 30 de agosto. Ele é o detetive Rycroft Philostrate que se apaixona por uma fada refugiada chamada Vignette Stonemoss (Delevingne). Para ficarem juntos, eles precisam lidar com os perigos da sociedade intolerante em que vivem. Além dessa narrativa, Rycroft trabalha em um caso sobre uma série de assassinatos.

 

 

PRÓXIMAS ESTREIAS DA PRIME VIDEO

19 de julho – “All or Nothing: The Carolina Panthers”

Documentário mostra os bastidores da temporada do Carolina Panthers na NFL

26 de julho – “The Boys”

Um grupo de vigilantes se prepara para combater super-heróis corruptos que abusam de seus superpoderes.


 


Fonte: Prime Video
Comentar
Abertura da Mostra Itinerante · 11/07/2019 - 14h38

Prêmio internet do 11º Salão Medplan de Humor: votação aberta!


Compartilhar Tweet 1



 

 

Os vencedores e trabalhos destacados na 11ª mostra do Salão Medplan de Humor serão conhecidos no dia no dia 27 de julho, às 18h, no Teresina Shopping, com a abertura da mostra itinerante do evento.

Os internautas já podem participar da escolha do ganhador do Prêmio Internet. A votação está aberta até a próxima segunda, dia 15 de julho, no site do Medplan. O voto precisa ser confirmado pelo e-mail cadastrado para ser validado.

Nesta edição, o tema escolhido foi “Narcisismo” e superou todas as anteriores no quesito quantidade de obras recebidas: 1445 trabalhos, a maioria de origem estrangeira, o que comprova a consolidação do Salão Medplan de Humor no calendário do humor gráfico mundial. A 11ª edição do Salão também traz a categoria de caricaturas, com tema livre e a segunda edição do Salãozinho Medplan, com desenhos recebidos de crianças de 6 a 12 anos criando um prêmio infantil.

Prêmio

Os ganhadores receberão um total de R$ 15 mil em prêmios em dinheiro. O 1º lugar ganhará R$ 5 mil, o 2º lugar receberá R$ 3 mil, o vencedor do Prêmio Internet leva R$ 2 mil, Categoria HQ/Tirinha, mais R$2 mil, Caricatura também receberá R$ 2 mil. No prêmio infantil, o primeiro lugar leva R$ 600 e o segundo, R$ 400 reais.


Fonte: Medplan
Comentar
Férias é no cinema! · 11/07/2019 - 14h12

Produções nacionais entram em cartaz nos Cinemas Teresina


Compartilhar Tweet 1



 

Produções nacionais estreiam nos Cinemas Teresina oferecendo entretenimento e importantes reflexões sobre a sociedade atual. Nesta cinesemana entram em cartaz os dramas brasileiros “Deslembro” e “Mormaço”, além dos documentários “Estou me guardando para quando o carnaval chegar” e “Relatos do Front – Fragmentos de uma Tragédia brasileira”. O francês “Memórias da Dor” e o longa “Atentado ao Hotel Taj Mahal” completam a lista de estreias desta semana.

 

    (Reprodução/Divulgação)

 

 

Com pré-estreia neste sábado (13), às 11h, o drama “Deslembro” conta a história da jovem Joana (Jeanne Boudier), que teve o pai refém como prisioneiro político durante os anos de ditadura no Brasil. Morando quase toda a sua vida em Paris, cidade onde o resto de sua família se exilou, a contragosto, ela retorna a sua cidade natal, após decretada a Lei da Anistia. No Brasil, as memórias amargas de tempos difíceis vêm à tona, causando um forte desconforto. O filme tem direção de Flávia Castro.

 

Na matinê de domingo (14), às 10h30, acontece a pré-estreia de “Memórias da Dor”. Com direção de Emmanuel Finkiel, o longa se passa na França ocupada por nazistas. A escritora Marguerite Duras (Melanie Thierry) busca por pistas do paradeiro do marido preso por ações na resistência, se aproximando de um inimigo que é também fã.

 

 

E quem é fã de documentários poderá conferir esta semana a estreia de “Estou me guardando para quando o carnaval chegar”, com direção de Marcelo Gomes. A produção nacional apresenta o envolvimento dos moradores de Toritama, em Pernambuco, com a produção de jeans no Brasil e com o carnaval. O documentário fez parte da seleção oficial da Mostra Panorama do Festival de Berlim e recebeu prêmio da crítica no Festival É Tudo Verdade - 2019.

Em “Relatos do Front – fragmentos de uma tragédia brasileira”, outro documentário nacional que estreia esta semana, o diretor Renato Martins traz relatos das pessoas que vivem ou viveram a rotina de combate entre o tráfico de drogas e a polícia, misturado com os testemunhos de especialistas em segurança pública, psicólogos, escritores e jornalistas. O filme busca apresentar para o público os dois lados de uma mesma tragédia. Sem tomar partido para nenhum dos lados, o filme leva o espectador para uma reflexão sobre a política atual de segurança pública e suas consequências na vida da população, na tentativa de entender como esta guerra começou.

 

A especulação imobiliária é um dos temas abordados no drama nacional “Mormaço”, dirigido por Marina Meliande. No longa, Ana (Mariana Provenzzano) é uma defensora pública que trabalha contra a remoção da Vila Autódromo, comunidade da zona oeste do Rio de Janeiro que a prefeitura deseja riscar do mapa em virtude das instalações esportivas das Olimpíadas de 2016. Ana, cada vez mais cansada por conta do clima e da árdua luta, de repente percebe o surgimento de marcas misteriosas em seu corpo.

 

O filme “Atentando ao Taj Mahal” tem lançamento nacional esta semana e retrata uma história real do ataque terrorista que aconteceu em um hotel em Mumbai, na Índia. Um grupo de terroristas chega à cidade disposto a promover uma série de ataques em locais icônicos. Um deles é o luxuoso hotel Taj Mahal. Quando os ataques começam, o humilde funcionário Arjun (Dev Patel) tenta ajudar todos a se protegerem, enquanto David (Armie Hammer) e Zahra (Nazanin Boniadi) buscam algum meio de retornar ao quarto em que estão hospedados, já que nele está seu bebê e Sally (Tilda Cobham-Hervey), sua babá. O filme tem direção de Anthony Maras.

 

Além das estreias e pré-estreias desta cinesemana, os Cinemas Teresina trazem o relançamento do sucesso Vingadores: Ultimato. Com a segunda maior bilheteria da história, o filme da Marvel retorna às telonas com uma cena inédita no final.

Ainda permanecem em cartaz os filmes: “PETS: A Vida Secreta dos Bichos 2”; “Homem-Aranha: Longe de Casa”; Toy Story 4; “Dor e Glória”; “Annabelle 3: De Volta para Casa” e “Turma da Mônica – Laços”.  

 


Fonte: Cinemas Teresina
Comentar
Teorias exclusivas · 10/07/2019 - 08h05 | Última atualização em 10/07/2019 - 08h16

O que o final de Stranger Things 3 deixou dDefinido para a 4ª temporada


Compartilhar Tweet 1



 

    Netflix

 

Stranger Things deixa saudades, não é? E quanto ficamos felizes pelo seu retorno tão triunfal. A terceira temporada da maior e mais importante série da Netflix vem recebendo elogios por todo o planeta, e merecidamente; depois de uma final lotado de reviravoltas, a coisa cresceu exponencialmente – cheio de momentos divertidos, um monstro assustador (e bastante pegajoso), e ainda mais referências lindas dos anos 80. Saiba mais clicando e lendo nossa crítica.

Segundo um tweet oficial da empresa, 40.7 milhões de contas assistiram a temporada nos primeiros quatro dias, quebrando os recordes novamente da plataforma.

Mas, como todos as boas séries da Netflix, acabou assim que começou, com todos os oito episódios entregues de uma só vez. Então é você que escolhe se quer assistir tudo rapidamente ou demorar em cada episódio. Mas esse privilégio e tempo, nós não temos. No entanto, rápido ou não, você ficará com algumas perguntas importantes sobre o que vem na quarta temporada. Pensando nisso, escrevemos algumas coisas interessantes que o final da terceira temporada deixou em aberto e que possa ser bastante importante para o que vem a seguir.

As coisas que serão ditas abaixo, contém spoilers surpreendentes do final da temporada. Só avisando.

 

    Netflix

 

A Quarta Temporada Provavelmente Acontecerá Na Época De Natal

 

 

Se há uma coisa em que investiríamos com base no final do Stranger Things 3, é que a quarta temporada vai acontecer em um grande feriado. O episódio termina com a família Byers – e a filha recém-adquirida Eleven – deixando Hawkins. Joyce já estava pronta para sair da cidade antes dos eventos da terceira temporada, e a morte de Hopper solidificou esse desejo. Enquanto Mike ajuda Eleven a arrumar a casa dos Byers, ele menciona que ele viria para ficar com ela no Dia de Ação de Graças. Ele então diz que ela e Will devem visitar para o Natal. “Eu estava achando que o dia de Natal poderia ser divertido, porque todos nós teríamos novos presentes legais para brincar”, diz Mike, o que basicamente parece uma confirmação de que a próxima temporada terá uma vibe alegre de férias.

A primeira temporada de Stranger Things aconteceu em novembro, a segunda em torno do Halloween, e a terceira terminou em 4 de julho, então os feriados estão intimamente associados à série. Temos uma rapida olhada no Natal na temporada final, mas até agora não tivemos uma temporada completa no inverno. A série adicionaria um novo elemento ao programa e também abriria a porta para uma série de referências de filmes natalinos dos anos 80, de A Christmas Storya Gremlins e Silent Night, Deadly Night.

 

 

“Satanic Panic” Finalmente Pode Acontecer

 

Bem, se vamos falar de Satinic Panic, primeiro precisamos situar que termo é esse no contexto.

Na cena do “Três meses depois” do episódio final, vemos filmagens de um programa de estilo documentário chamado “Cutting Edge” na WCPK-TV, um canal de notícias local de Indiana. O episódio é focado no desastre do shopping Starcourt Mall e nos outros acontecimentos estranhos em Hawkins, e é uma visão ao estilo da teoria da conspiração sobre o que poderia ter acontecido. “Coberturas do governo, um vazamento químico bizarro”, diz o locutor. “É tudo uma vasta conspiração, culpa de um prefeito corrupto desonrado, ou algo mais está acontecendo no coração de Indiana?” O programa menciona maldições e satanismo como uma possível causa para a atividade bizarra na pequena cidade, que sugere um possível foco “Satanic Panic” na 4ª temporada.

O que é Satanic Panic? É uma frase cunhada para explicar um fenômeno que tomou conta do país em meados dos anos 80 e início dos anos 90, onde os cristãos evangélicos de todo o país culparam escândalos locais sobre o trabalho do Diabo. Soa infantil em retrospecto, mas a coisa era uma epidemia perigosa, muitas vezes incitando alegações de abuso sexual me rituais e pedofilia, e geralmente com pouca ou nenhuma “prova” para respaldá-lo.

O exemplo mais famoso de “Satanic Panic” foi o caso de West Memphis Three, onde três adolescentes de Arkansas foram acusados ​​de assassinar um trio de garotinhos em sua pequena cidade natal, apesar da grave falta de provas. Mas como eram excluídos e ouviam heavy metal e evitavam as normas cristãs, eram considerados culpados e colocados no corredor da morte. O clamor público levou à sua eventual libertação e sensibilizou para essa estranha mania global. Este caso pode ser lido em língua portuguesa se clicar aqui.

Esse mesmo medo do Diabo pode jogar nos eventos de Stranger Things 4. A queima do Starcourt Mall terá levantado suspeitas sobre Hawkins para pessoas de fora, e a linha do tempo se encaixa perfeitamente na ascensão do “Satanic Panic”. Será que vamos ver os líderes de Hawkins acusados ​​de crimes do ocultismo? Os teóricos da conspiração vão até a cidade? Temos a sensação de que nosso amigo e mestre das conspirações, Murray Bauman, pode ter muito mais a fazer quando a série voltar.

    Netflix

 

Hopper Provavelmente Estará De Volta

 

 

Apesar de sua voz emotiva no final, estamos bastante céticos que Hopper esteja realmente morto. Primeiro de tudo, nunca vimos o corpo dele ou qualquer “prova” de que ele morreu. É uma crença comum em gêneros que, sem um corpo, há uma boa aposta de que a pessoa não está realmente desaparecida. Mas há algumas outras pistas que podem apontar para o retorno de Hopper. O maior deles é o que acontece na cena pós-créditos quando ouvimos os russos referirem-se a “um americano” que capturaram. Não vemos o rosto dessa pessoa, mas é possível que – na explosão, quando Joyce fechou a “porta” para o Upside Down – Hopper “atravessou” para a Rússia. Não temos certeza de como isso pode acontecer, mas tudo é possível quando você tem energia nuclear e universos paralelos em seu programa.

Outra sugestão possível de que Hopper não tenha realmente ido embora é cena final do episódio com a música “Heroes”, de David Bowie. A música apareceu anteriormente na primeira temporada de Stranger Things. Ela foi usada no pano de fundo da cena quando o corpo de Will é encontrado, levando todos a acreditarem que ele estava morto. Mas, como logo descobrimos, o corpo era um manequim e Will estava realmente vivo e no Upside Down. Em Stranger Things 3, a música acompanha outra cena, quando todos estão de luto por Hopper e os Byers estão deixando a cidade.

Qual é o propósito de trazer de volta essa música exata? Poderia ser um indício de que, como na primeira vez em que foi usado, a “morte” do personagem que está acompanhando não é o que parece e talvez Hopper não tenha realmente caído na Rússia, mas, como Will, agora está preso no Upside Down.

 

Brenner Pode Estar Com Os Russos

 

    Netflix

 

Se Hopper está no Upside Down e não na Rússia, que americanos os soviéticos têm em seu poder? Poderia ser o Dr. Brenner, o cientista do Laboratório Hawkins que sequestrou Eleven quando criança e a expôs aos testes militares. Sua manipulação de suas habilidades telecinéticas abriu a porta para o Upside Down em primeiro lugar, um evento que Brenner e sua equipe tentaram meticulosamente encobrir. Isso levou a um eventual confronto com o Demogorgon, que atacou Brenner – e cujo destino permanece desconhecido. Na segunda temporada, um ex-agente do Departamento de Energia revelou ao Eleven que Brenner ainda estava vivo, mas seu paradeiro era desconhecido.

É possível que Brenner tenha sido capturado pelos russos e ele esteja em sua cela? Ou talvez ele esteja trabalhando com eles de bom grado e é a razão pela qual eles estavam tão decididos a reabrir a porta em Stranger Things 3. Esse poderia ser o motivo pelo qual o Dr. Owens – que aparece brevemente no final – parecia tão preocupado; talvez Brenner tenha traído a inteligência dos EUA para os russos e retornará como o Grande Vilão do programa na próxima temporada.

Uma coisa é certa: tudo é possível em Stranger Things. Temos certeza de que temos muito tempo para esperar, mas já estamos contando as horas até a quarta temporada chegar às nossas telas.

Comentar
Netflix perderá seu reinado? · 10/07/2019 - 07h32 | Última atualização em 10/07/2019 - 08h18

HBO Max é o novo streaming da WarnerMedia


Compartilhar Tweet 1



 

 

O eterno sucesso Friends; as séries DC-CW; séries DC Universe; filmes Warner-DC; animes do Crunchyroll; clássicos como The Fresh Prince of Bel Air (Um Maluco no Pedaço); séries aclamadas como Pretty Little Liars; e obras históricas da HBO como Game of Thrones e Big Little Lies. A WarnerMedia acaba de anunciar o HBO Max, seu novo serviço de streaming que vai unir todo esse conteúdo (e muito, MUITO mais) em uma única plataforma!

Como se não bastasse, o serviço ainda vai contar com conteúdo original, os Max Originals! Tudo isso com lançamento marcado já para a primavera de 2020 (entre março e junho).

 

De acordo com o anúncio oficial do site da WarnerMediaGroup, os novos acordos com a Warner Bros Television e outros para a HBO Max incluem:

Os direitos exclusivos de streaming no lançamento de todos os 236 episódios de Friends – um dos maiores sucessos na televisão e no streaming;

 

Os direitos exclusivos de streaming no lançamento de todos os episódios de favoritos dos fãs The Fresh Prince of Bel Air e Pretty Little Liars;

 

A transmissão exclusiva de uma série de novos dramas produzidos pela Warner Bros. para The CW, começando com a temporada de outono de 2019, incluindo a altamente antecipada nova série da DC Entertainment Batwoman, e Katy Keene (spinoff de Riverdale);

 

Nova produção exclusiva de filmes com Greg Berlanti, um dos produtores mais prolíficos e bem sucedidos de Hollywood, e Reese Witherspoon, atriz e produtora ganhadora do Oscar® e do Emmy®; Berlanti produzirá quatro filmes iniciais focados no espaço de jovens adultos, enquanto o Hello Sunshine de Witherspoon produzirá pelo menos dois filmes.

 

Segundo o site, a HBO Max deve estrear com 10.000 horas de conteúdo premium. Entre as produções originais já confirmadas estão:

- Dune: The Sisterhood – Uma adaptação do livro de Brian Herbert e Kevin Anderson baseado no mundo criado pelo livro de Frank Herbert. Terá direção de Denis Villeneuve;

 

- Tokyo Vice – Baseado no relato em primeira mão de não-ficção de Jake Adelstein sobre a batida da Polícia Metropolitana de Tóquio. Estrelada por Ansel Elgort;

 

- The Flight Attendant – Uma série de thriller de uma hora baseada no romance de Chris Bohjalian, estrelado por Kaley Cuoco, que também é produtora executiva ao lado de Greg Berlanti;

 

- Love Life – Série antológica de 10 episódios de comédia romântica estrelada pela estrela de Pitch Perfect Anna Kendrick, que também será produtora executiva ao lado de Paul Feig;

 

- Station Eleven – Série pós-apocalíptica baseada no best-seller internacional de Emily St. John Mandel, adaptado por Patrick Somerville e dirigido por Hiro Murai;

 

- Made for Love – Adaptação de 10 episódios, de meia hora, do romance tragicômico de mesmo nome de Alissa Nutting, também de Somerville e dirigido por S.J. Clarkson;

 

- Gremlins – Série animada da Warner Bros. Animation e Amblin Entertainment baseada no filme original.

 

 

Entre as produções HBO já anunciadas para 2020 e 2021 que também estarão no streaming, estão:

- The Outsider – Estrelado por Ben Mendelsohn, e produzido e dirigido por Jason Bateman, a série se baseia no mistério obscuro de Stephen King;

 

- Lovecraft Country – Série de terror baseada em um romance de Matt Ruff, com roteiro e produção executiva de Misha Green, e produção executiva de Jordan Peele e J.J. Abrams;

 

- The Nevers – Nova série de ficção científica de Joss Whedon estrelada por Laura Donnelly;

 

- The Gilded Age – O opulento mundo de 1885 de Nova York de Julian Fellowes, de Downton Abbey;

 

- Avenue 5 – Alta sátira a bordo de uma nave com destino ao espaço, de Armando Iannucci (Veep), estrelado por Hugh Laurie e Josh Gad;

 

- The Undoing – Thriller psicológico de David E. Kelley, dirigido por Susanne Bier, estrelado por Nicole Kidman e Hugh Grant;

 

- The Plot Against America – Reimagina a história baseada no romance de Phillip Roth, escrito e produzido por David Simon e Ed Burns, estrelado por Winona Ryder e John Turturro;

 

- Perry Mason – Clássico drama legal de uma nova geração, produzido por Robert Downey Jr. e Susan Downey, com Matthew Rhys no papel principal;

 

- Eu sei que isso é verdade – Mark Ruffalo estrela esse complexo drama familiar, interpretando irmãos gêmeos, um deles com esquizofrenia. Baseado no romance best-seller de Wally Lamb, escrito e dirigido por Derek Cianfrance.

 

O serviço é liderado por Casey Bloys (presidente de programação da HBO), Kevin Reilly (presidente da Warner Media Entertainment Networks, que inclui TNT, TBS e truTV) e pelos especialistas digitais Tony Goncalves (CEO da Otter Media) e Andy Forssell (Otter Media e ex-CEO da Hulu).

Ainda não há detalhes sobre inscrições para o HBO Max. A previsão de lançamento para o segundo trimestre de 2020 inicialmente é apenas para os Estados Unidos. Mas o seu lançamento oficial implica na retirada de outros conteúdos de outros serviços de streaming. A Netflix USA, por exemplo, já anunciou a retirada de Friends de seu catálogo até 2020.


Fonte: WarnerMedia
Comentar
Ainda este mês na plataforma! · 08/07/2019 - 21h20

Nova animação de Os Cavaleiros do Zodíaco ganha trailer oficial!


Compartilhar Tweet 1



 

    (Toei/Netflix)

 

 

 

Em um passado distante, um grupo de jovens dedicou a vida a proteger Athena, a rainha da sabedoria e da guerra. Hoje, o órfão Seiya e a nova geração de cavaleiros estão prontos para ajudar Athena em sua luta contra aqueles que desejam destruir a humanidade. A animação Saint Seya: Os Cavaleiros do Zodíaco estreia em 19 de julho na Netflix e ganhou um trailer completo! Assista acima!


Fonte: Netflix
Comentar
Estreia no dia 17 de outubro · 08/07/2019 - 13h10

Malévola: Dona do Mal | Malévola pode perder Aurora em 2º TRAILER


Compartilhar Tweet 1



 

 

Malévola: Dona do Mal acaba de ganhar seu segundo trailer, e a nova prévia revela bem mais informações sobre a trama da sequência. A principal delas é o fato que desencadeia toda a revolta de Malévola: o noivado de Aurora.

Aurora é pedida em casamento pelo príncipe e aceita. Descrente de qualquer forma romântica de amor, Malévola é contra o casamento. Por esse motivo, Aurora retorna ao reino como princesa, o que promete causar uma guerra entre sua fada madrinha (Malévola) e a nova rainha, Ingrith (Michelle Pfeiffer).

 

O trailer, contudo, traz mais revelações. Ao final da prévia, descobrimos que seremos apresentados a mais fadas, da mesma espécie de Malévola.

Em meio à batalha para recuperar a confiança de Aurora, Malévola precisará lidar com seu próprio povo, proteger o reino mágico de Moors e, muito provavelmente, aprender a confiar novamente no amor para recuperar a confiança da afilhada.

Além de Angelina Jolie, Elle Fanning e Pfeiffer nos papéis principais, o elenco do filme conta ainda com Juno Temple, Sam Riley, Imelda Staunton, Ed Skrein e Chiwetel Ejiofor.

Malévola: Dona do Mal estreia no dia 17 de outubro.


Fonte: Disney
Comentar

Compartilhar Tweet 1



 

 

Esta resenha contém spoiler da terceira temporada de Stranger Things, já que a ideia original era eu eu fazer uma resenha por episódio, mas como demoraria, resolvi congregar tudo, então se ainda não assistiu, coisa que acho difícil, saia já daqui.

Na mesma linha de Game of Thrones, o elenco adolescente de Stranger Things passaram por uma transformação impressionante ao longo dos anos – tanto fisicamente quanto como pessoas. A terceira temporada efetivamente destaca as mudanças profundas que afetaram as crianças de Hawkins enquanto se preparam para o ensino médio, enquanto também tentam descobrir como crescer sem se distanciar um do outro. Os criadores da série, os irmãos Duffer, acertaram na forma como escreveram essa busca narrativa em particular, ao oferecer uma temporada mais sombria, assustadora e cheia de ação, que supera as temporadas anteriores.

Particularmente, os primeiros episódios não me prenderam, mas, ainda assim, a 3ª temporada é incrível em diversos sentidos, começando pelo núcleo dos nossos jovens heróis, que, depois de aparentemente fecharem o portal para o Upside Down no ano passado, estão empenhados em ser “crianças” no verão de 1985. Mike (Finn Wolfhard) e Eleven (Millie Bobby Brown), agora um casal de jovens adolescentes que não desgruda um do outro, estão atrapalhando o desejo de Will (Noah Schnapp) de jogar Dungeons & Dragons com os garotos, enquanto esperam Dustin (Gaten Matarazzo) voltar para casa de um acampamento de verão de um mês, mas a esperada reunião não termina bem. Os hormônios estão atrapalhando as amizades antigas e o grupo começa a se dispersar naturalmente.

Dustin e Steve (Joe Keery) são o melhor núcleo cômico da 3ª temporada, com seu desenvolvimento evolutivo levando a algumas cenas emocionantes. Ambos, agora rapazes, estão lutando para enfrentar suas respectivas novas circunstâncias: Steve não consegue entrar na faculdade e se vê forçado a trabalhar na sorveteria do novo e incrível shopping center da cidade, e os amigos de Dustin não se interessarem por nenhuma de suas novas invenções. Ao longo da temporada, a dinâmica entre Steve e Dustin funciona perfeitamente novamente, ficando a cargo de Dustin explicar o que é certo e errado para o Steve.

Juntando-se à dupla dinâmica está a novata Robin (interpretada por Maya Hawke), que trabalha com Steve na sorveteria Scoops Ahoy. Como Dustin, Robin é outra mentora de Steve “The Hair” Harrington, desafiando o ex-galã do ensino médio de maneiras inesperadas. Maya é um dos destaques dá temporada, a gente até esquece que ela acabou de entrar no grupo. Para fechar o melhor núcleo da temporada é hora de falar da estrela mirim Priah Fergunson — que interpreta Erica, a irmãzinha do Lucas — a criança rouba todas as cenas, seus diálogos são memoráveis e sua adição ao elenco principal foi um presente lindo para todos nós.

Sem entrar em detalhes, posso dizer que das tumbas do Upside Down, o Devorador de Mentes e seus minions estão vivos e bem, produzindo novas criaturas aterrorizantes e uma sequência de ações emocionantes no final da temporada. Os novos monstros são diferentes de tudo que já vimos até aqui, e você pode dizer que a Netflix não poupou gastos nos efeitos. O final da temporada, intitulado “A Batalha de Starcourt”, é uma montanha-russa de suspense sobrenatural de 80 minutos. Além disso, eu estou feliz em informar que todos os oito episódios são essenciais, sem o “inchaço da Netflix” que está sempre presente em suas séries.

 

Stranger Things 3 Da Netflix Se Consagra Como A Melhor Temporada Da Série (Até Agora).

PikachuSama 7 De Julho De 2019  0

Esta resenha contém spoiler da terceira temporada de Stranger Things, já que a ideia original era eu eu fazer uma resenha por episódio, mas como demoraria, resolvi congregar tudo, então se ainda não assistiu, coisa que acho difícil, saia já daqui.

Na mesma linha de Game of Thrones, o elenco adolescente de Stranger Things passaram por uma transformação impressionante ao longo dos anos – tanto fisicamente quanto como pessoas. A terceira temporada efetivamente destaca as mudanças profundas que afetaram as crianças de Hawkins enquanto se preparam para o ensino médio, enquanto também tentam descobrir como crescer sem se distanciar um do outro. Os criadores da série, os irmãos Duffer, acertaram na forma como escreveram essa busca narrativa em particular, ao oferecer uma temporada mais sombria, assustadora e cheia de ação, que supera as temporadas anteriores.

Particularmente, os primeiros episódios não me prenderam, mas, ainda assim, a 3ª temporada é incrível em diversos sentidos, começando pelo núcleo dos nossos jovens heróis, que, depois de aparentemente fecharem o portal para o Upside Down no ano passado, estão empenhados em ser “crianças” no verão de 1985. Mike (Finn Wolfhard) e Eleven (Millie Bobby Brown), agora um casal de jovens adolescentes que não desgruda um do outro, estão atrapalhando o desejo de Will (Noah Schnapp) de jogar Dungeons & Dragons com os garotos, enquanto esperam Dustin (Gaten Matarazzo) voltar para casa de um acampamento de verão de um mês, mas a esperada reunião não termina bem. Os hormônios estão atrapalhando as amizades antigas e o grupo começa a se dispersar naturalmente.

Dustin e Steve (Joe Keery) são o melhor núcleo cômico da 3ª temporada, com seu desenvolvimento evolutivo levando a algumas cenas emocionantes. Ambos, agora rapazes, estão lutando para enfrentar suas respectivas novas circunstâncias: Steve não consegue entrar na faculdade e se vê forçado a trabalhar na sorveteria do novo e incrível shopping center da cidade, e os amigos de Dustin não se interessarem por nenhuma de suas novas invenções. Ao longo da temporada, a dinâmica entre Steve e Dustin funciona perfeitamente novamente, ficando a cargo de Dustin explicar o que é certo e errado para o Steve.

Juntando-se à dupla dinâmica está a novata Robin (interpretada por Maya Hawke), que trabalha com Steve na sorveteria Scoops Ahoy. Como Dustin, Robin é outra mentora de Steve “The Hair” Harrington, desafiando o ex-galã do ensino médio de maneiras inesperadas. Maya é um dos destaques dá temporada, a gente até esquece que ela acabou de entrar no grupo. Para fechar o melhor núcleo da temporada é hora de falar da estrela mirim Priah Fergunson — que interpreta Erica, a irmãzinha do Lucas — a criança rouba todas as cenas, seus diálogos são memoráveis e sua adição ao elenco principal foi um presente lindo para todos nós.

Sem entrar em detalhes, posso dizer que das tumbas do Upside Down, o Devorador de Mentes e seus minions estão vivos e bem, produzindo novas criaturas aterrorizantes e uma sequência de ações emocionantes no final da temporada. Os novos monstros são diferentes de tudo que já vimos até aqui, e você pode dizer que a Netflix não poupou gastos nos efeitos. O final da temporada, intitulado “A Batalha de Starcourt”, é uma montanha-russa de suspense sobrenatural de 80 minutos. Além disso, eu estou feliz em informar que todos os oito episódios são essenciais, sem o “inchaço da Netflix” que está sempre presente em suas séries.

 

 

No lado adulto “das coisas”, o chefe de polícia Hopper (David Harbour) e Joyce Byers (Winona Ryder) estão passando por suas próprias metamorfoses de caráter significativo. Joyce ainda está lutando para superar a morte de seu amado Bob Newby (Sean Astin). O desempenho sincero de Ryder é elevado pelas escolhas criativas dos Irmãos Duffers por trás da câmera, usando flashbacks e imagens violentas para acentuar o estado de espírito fraturado de Joyce.

Hopper está passando pelo pior pesadelo de pai de menina. A fase adolescente da Eleven. Harbour é incrível em seu retrato de um pai superprotetor que está tendo dificuldade em aceitar que sua fila está crescendo. Juntos, Hopper e Joyce são um divertido par na temporada, e sua química “será / não será” deliciosa.

Além das criaturas sobrenaturais de Upside Down, Stranger Things Season 3 também possui um malvado vilão humano chamado Grigori (Andrey Ivchenko), que estranhamente se “assemelha” a Arnold Schwarzenegger do primeiro filme Exterminador do Futuro – a forma como ela anda, olha e se movimenta é praticamente igual. Grigori não fala muito, mas sua aparência ameaçadora e o corte de cabelo dos anos 80 já valem suas cenas. O misterioso agente russo tem alguns encontros memoráveis com Hopper, que são uma boa mudança de ritmo, já que sempre víamos Hopper lutando com monstros viscosos.

Um dos pontos negativos da temporada, com certeza, é o papel de Cary Elwes, que interpreta o ambicioso prefeito de Hawkins, Larry Kline. O cara é esquecível em apenas alguns segundos. Elwes faz o papel de vilão, mas não há nenhuma nuance em seu personagem – ele é exatamente quem você presume ele ser, o que é uma vergonha, já que Elwes é um ator incrível.

Stranger Things continua crescendo em termos de elenco e do escopo de sua história, então é compreensível que nem todo personagem receba a atenção que merece. Jonathan Byers (Charlie Heaton) e Nancy Wheeler (Natalia Dyer) se enquadram nessa categoria em particular, com seus respectivos enredos se sentindo inconsequentes em comparação com o resto dos heróis juvenis de Hawkins. Mesmo que Nancy e Jonathan estejam envolvidos com o enredo principal, se você os tirasse da equação, a temporada não teria problema. Espero que os dois aspirantes a repórteres tenham mais o que fazer na quarta temporada.

Todos os episódios fazem parte do grande momento da temporada, o episódio 8, a entrada de uma personagem deixa tudo tão bonito, tão vivo que eu fiquei emocionado com a cena do dueto neste capítulo que beirou a perfeição por causa das referências ao cinema de 1985 enquanto o mundo estava se acabando em trevas e caos.

Veredito

O Stranger Things 3 da Netflix é que a empresa de streaming tem de melhor, essa temporada se saiu melhor que o esperado, com apostas maiores e desenvolvimento de personagem mais forte do que as duas iterações anteriores. À medida que as crianças amadurecem, o mesmo acontece com as respectivas histórias e os jovens atores continuam sendo o segredo do sucesso da série.

O recém-chegado Maya Hawke é uma excelente adição ao grupo, com Hopper, de David Harbour, e Joyce, de Winona Ryder, acrescentando um pouco de profundidade emocional ao seu enredo envolvente. Com mais dinheiro, a série apostou alto, fazendo com que esta 3ª temporada se pareça mais com algo que você poderia assistir feliz de uma sala de cinema em 1985.

Foi um dos eventos mais importantes da cultura pop de 2019. Valeu cada segundo.

Saiba mais:

Stranger Things 3 – Resumo Da Primeira Temporada!

Stranger Things 3 – Resumo Da Segunda Temporada!

Comentar
Filme estreia em março de 2020 · 07/07/2019 - 13h09 | Última atualização em 07/07/2019 - 19h44

Mulan: Divulgado primeiro trailer do live-action da Disney


Compartilhar Tweet 1



 

    (Disney)

 

A adaptação live-action de “Mulan” teve seu primeiro trailer divulgado pela Disney. Veja abaixo:

 

 

 

 

 

 

    (Divulgação, Disney)

 

A trama da animação e do live-action é baseada na lenda chinesa de Hua Mulan. A história se passa na China, durante a Dinastia Han, e mostra a jovem Mulan se disfarçando de homem para ajudar o pai, que, mesmo doente, é recrutado para lutar por seu país após este ter sido invadido. Com as habilidades de um soldado corajoso e valente, Mulan segue sua jornada ao lado de Mushu, seu dócil e engraçado dragão de guarda.

O elenco confirmado é composto por Liu Yifei, que vive a protagonista, Jimmy Wong como Ling, Doua Moua como Chien-Po, Gong Li, que será a vilã, Donnie Yen, que será o comandante Tung, mentor e professor de Mulan e Jet Li como o imperador da China. Outros nomes do elenco são os de Utkarsh Ambudkar, Ron Yuan, Yoson An, Chum Ehelepola e Jason Scott Lee.

Com direção de Niki Caro e roteiro por Lauren Hynek e Elizabeth Martin, “Mulan” tem previsão de estreia no Brasil para 26 de março de 2020.


Fonte: Twitter
Comentar
Confira os lançamentos! · 07/07/2019 - 08h37 | Última atualização em 07/07/2019 - 11h45

Guia de Animes: Novos animes de 2019 – Verão (Julho)


Compartilhar Tweet 1



 

 

Embora o calendário de lançamento dos animes do verão japonês (Summer) ainda não tenha sido finalizado, muita coisa ainda vai ser lançado, aqui está alguns animes que estão chegando na televisão e streaming. Alguns são inéditos, outros são continuações iniciadas em alguma estação anterior e há ainda os animes com novas temporadas chegando.

Segue a lista dos prováveis grandes animes da temporada e talvez fortes concorrentes para a lista dos melhores do ano. Todas as informações colhidas aqui, são colagens das sinopses originais.

Com vocês, os lançamentos mais esperados de Julho de 2019 no Japão.

1. Is It Wrong To Try To Pick Up Girls In A Dungeon? Season Two (Danmachi)

 

Danmachi é uma série de light-novel original de Fujino Oomori publicada no Japão desde 2013 e que já vendeu mais de 5 milhões de cópias.

Conhecido como o “Dungeon”, a cidade de Orario possui um enorme labirinto no subsolo. Seu nome estranho atrai excitação, ilusões de honra, e as esperanças de romance com uma garota bonita. Nesta cidade de sonhos e desejos, o novo aventureiro Bell Cranel tem o fatídico encontro com a pequena deusa Hestia. Assim começa a história de um menino que se esforça para se tornar o melhor aventureiro e uma deusa solitária em busca de seguidores tanto na esperança de alcançar seus objetivos e, talvez, ter algum romance ao lado.

A primeira temporada já tem quatro anos que foi exibida e foi uma grande sucesso de público e crítica, mesmo que o nome seja um pouco sugestivo. O que sabemos que a segunda e esperada temporada começa no arco que saiu a partir do volume 6 do mangá.

 

2.Dr. Stone

 

Quando toda a humanidade é repentinamente transformada em estátuas, os únicos sobreviventes são dois estudantes do ensino médio chamados Taiju e Senku. Com o poder da ciência, eles farão o que puderem para resolver o problema. E podem ir tranquilo, a história parece rasa pela sinopse, mas os desenvolvimentos dos personagens são preciosos. É um dos lançamentos da temporada mais aguardado.

 

3. Arifureta: From Commonplace To World’s Strongest

 

 

A história conta uma aventura de uma turma do colegial transportada para outro mundo, Nagumo Hajime é um estudante do sexo masculino comum que não tem ambição nem aspiração na vida e chamado de” incompetente” por seus colegas de classe. A turma na verdade, foi convocada para aquele mundo para se tornarem heróis e salvar todos da destruição (já vimos essa história em outro anime, não é?). Os alunos foram abençoados com as especificações, habilidades e classes incríveis e poderosas no entanto, não foi o caso com Hajime, que recebeu a habilidade chamada “Synergist”, que para aquele mundo é como se a pessoa não tivesse poder algum.

A trama se desenrola mais ou menos sobre essa perspectiva de um jovem que vai tirar poderes ocultos de suas habilidades medíocres. Mas, é como o Dr. Stone. Possui uma sinopse péssima, mas com um grande roteiro e desenvolvimento de personagens.

 

4. Fire Force

 

O terror paralisou a metrópole mecânica de Tóquio! Possuído por demônios, as pessoas começaram a se incendiar, levando ao estabelecimento de uma equipe especial de combate a incêndios: a Fire Force, pronta para rolar em qualquer momento para combater a combustão espontânea em qualquer lugar que pudesse explodir. A equipe está prestes a receber uma adição única: Shinra, um garoto que possui o poder único de correr na velocidade de um foguete, deixando para trás as famosas “pegadas do diabo” (e destruindo seus sapatos no processo). Pode a Fire Force descobrir a fonte desse fenômeno estranho e acabar com isso? Ou a cidade vai queimar em cinzas primeiro?

 

5.Weathering With You

 

Makoto Shinkai fez seu nome na indústria de animações nipônicas ao nos presentear com filmes emocionantes. Entre eles, temos o icônico Your Name, que será adaptado para live-action pelas mãos do diretor de Espetacular Homem-Aranha. Agora, a nova obra de Shinkai, chamada “Tenki no Ko” (Weathering With You – um trocadilho com clima que só funciona em inglês, mas que significa algo como “Lidando com Você”).

A história em si será focada em Hodaka, um estudante que sai de casa numa ilha reclusa para viver em Tóquio. Ele conhecerá Hina, uma garota que pode controlar o clima através do que parecem ser preces.

 

6. Kengan Ashura

 

 

Kengan Ashura é originalmente um mangá do autor Yabako Sandrovich com estreia prevista para o dia 31 de julho na Netflix, a animação foi entregue ao estúdio Larx Entertainment. A direção é de Seiji Kishi (Danganronpa, Yuki Yuna Is a Hero), com roteiro de Makoto Uezu (Akame ga KILL!, The Heroic Legend of Arslan) e design de personagens de Kazuaki Morita (Tsuki ga Kirei, Assassination Classroom).

As empresas e comerciantes gastam grandes somas de dinheiro para contratar combatentes para combates desarmados corpo a corpo. O vencedor ganha tudo nestas competições Kengan que tiveram origem no período Edo. Assim, comerciantes usam as lutas como meio de resolver disputas entre si. O forte e misterioso Ouma Tokita, cujo apelido é Ashura, entra nestes combates para vencer. O presidente Hideki Nogi do grupo Nogi certamente mantém ambições e planos para as lutas. Entretanto, estranhos eventos começam a desenrolar-se à volta das lutas Kengan.

 

 

7. To The Abandoned Sacred Beasts

 

 

Durante uma guerra civil prolongada que se estendeu de Norte ao Sul, os nortistas em menor número, usaram magia negra para criar super-soldados monstruosos chamados Encarnados. Agora que a guerra terminou, essas Bestas Sagradas precisam aprender a conviver em uma sociedade pacífica, ou enfrentar a morte nas mãos de um Caçador de Feras. Nancy Schaal Bancroft, filha de um Encarnado, decide caçar o próprio caçador. Mas uma vez que ela alcança sua presa, ela descobre uma dura realidade sobre a vida dessas bestas sagradas.

O título original é Katsute Kami Datta Kemono-tachi, escrito e ilustrado pela dupla Maybe (Otome x Amnesia). O mangá é públicado na revista Bessatu Shounem Magazine desde 2014.

 

8. Cop Craft

 

Há 15 anos, um portal hiperespacial desconhecido apareceu no Oceano Pacífico e ele se conecta a um misterioso mundo que ficou conhecido como “Leto Semani”, onde fadas e goblins vivem. Com o passar do tempo, mais de dois milhões de imigrantes de ambos os mundos estão vivendo na cidade de Sun Teresa, que abriga várias raças e culturas diversificadas. Esta é a mais nova “Dream Street” do mundo. No entanto, muitos crimes estão se espalhando nas sombras de toda essa agitação: drogas, prostituição e tráfico de armas. Na força policial de Sun Teresa existem detetives que defendem a cidade contra esses crimes hediondos. O oficial Kei Matoba e Tilarna, uma cavaleira do outro mundo, são diferentes em gênero, personalidade e nos mundos em que nasceram. Quando os dois se encontram, o caso acontece. Dois mundos, duas justiças e além disso… Uma ação policial dessa parceria começa.

A light novel escrita por Shoji Gatoh no momento conta com 6 volumes e tem o sétimo volume previsto para ser lançado no verão de 2019. É um dos animes que está fora do radar de muita gente, mas vai surpreender.

 

 

9. Lord El-Melloi II Case Files: Rail Zeppelin Grace Note

 

 

Durante o programa de TV especial intitulado Fate Project Ōmisoka TV Special 2018 (Fate Project New Year’s Eve TV Special 2018), a Type-Moon anunciou que a novel spinoff de mistério de Makoto Sanda, Lord El-Melloi II-sei no Jikenbo (The Case Files of Lord El-Melloi II) ganharia uma adaptação para Anime intitulada Lord El-Melloi II-sei no Jikenbo-Rail Zeppelin Grace note e a promessa foi paga.

O anime está adaptando a história “Rail Zeppelin” que faz parte das novels, onde centram-se no personagem titular Lord El-Melloi II, o adulto Waver Velvet de Fate / Zero e sucessor de Kayneth, bem como o aprendiz de Lord El-Melloi II, Gray. A história se passa na Torre do Relógio, a sede da Associação dos Magos na Inglaterra. Lá, Lord El-Melloi II e Gray resolvem vários mistérios de natureza mágica que cercam a Associação dos Magos. Se gosta do universo Fate, esse anime é uma boa pedida.

 

 

10. Vinland Saga

 

Quando criança, Thorfinn se sentou aos pés do grande Leif Ericson e se emocionou ao ouvir contos selvagens de uma terra distante ao oeste. Mas suas fantasias juvenis foram destruídas por um ataque inesperado de um mercenário. Criado pelos vikings que foram responsáveis pelo assassinato de seu pai, Thorfinn se tornou um guerreiro assustador com o objetivo de matar o líder Askeladd para ter sua vingança. Por meio de superações, Thorfinn continua o sonho de viver em uma terra fértil no oeste, uma terra sem guerra ou escravidão… a terra que Leif chamava de Vinland.

Animação japonesa é baseada no mangá de Makoto Yukimura (Planetes) e é uma obra-prima do gênero. Está na décima posição simplesmente por causa de um capricho do editor, mas é um dos mais esperado por nós.

 

 

Para ser apenas lembrando: Knights of the Zodiac: Saint Seiya. Melhor deixar a animação da Netflix passar primeiro para dar alguma reação correta do que poderá ser.

 

 

Ficou algum anime de fora? Qual o anime que você está mais aguardando, deixe em nossos comentários.

 

Leia também:

Guia De Animes: Novos Animes De 2019 – Primavera (Abril)

Guia De Animes: Novos Animes De 2019 – Inverno (Janeiro)

 


Fonte: Quinta Capa
Comentar

Compartilhar Tweet 1



 

    (Divulgação)

 

As férias já começaram e curtir uma praia é sempre uma boa pedida. Teresina tem uma praia inteira no Teresina Shopping com um espaço de pura diversão para toda a família. Depois do sucesso do Arraial na Praia chegou a vez da programação especial de férias tomar conta da Praia de Verão. A Nossa Praia começou nesta quarta-feira (03) e segue até 4 de agosto.

 

O espaço tem atividades para todos os públicos, atrações musicais todos os dias, área de lazer e esportes, além de uma variada e aconchegante praça de alimentação. A Praia de Verão é a união perfeita de lazer, cultura e gastronomia em um local acessível à todos. O funcionamento diário é das 17h às 22h, no estacionamento do Teresina Shopping.

 

A estrutura decorada foi inspirada nas Vilas praianas com uma cenografia que reproduz vilarejos com praça, igreja, coreto e muita areia como toda vila praiana possui. A decoração ainda inclui lounges temáticos e muitas lojinhas. A praça de alimentação possui opções deliciosas com 12 pontos de alimentação que tem seus nomes em homenagem às vilas praianas famosas do Brasil como: Trancoso; Caraíva; Pipa; São Miguel do Gostoso; Morro de São Paulo; Jericoacoara; Barra Grande; Macapá; Tutóia; Santo Amaro; Canoa Quebrada e Fernando de Noronha.

 

Além das barracas com variada gastronomia e bebidas, a Praça ainda conta com quiosques para venda de churros gourmet, pipoca gourmet, água de coco, crepes, dindin gourmet, acarajé, sorvetes, açaí, algodão doce, sucos entre outras opções para agradar todos os tipos de paladar.

 

Prática esportiva 

A Nossa Praia tem esporte para todos os públicos. Não vai faltar futebol de areia, vôlei de areia, badminton, tênis de mesa e também aulas de danças.

A arena de futebol de areia é coordenada pela Escolinha de Futebol do Flamengo, que tem uma programação especial de aulas. De segunda a quinta-feira o valor para uma hora na quadra é R$ 20, já nas sextas-feiras, sábados, domingos e feriados o valor é R$ 25.

 

Os apaixonados por badminton poderão usufruir de um espaço só para eles. Monitores dão aulas para crianças a partir de sete anos, além dos adultos. Para jogar 15 min é R$ 5, R$10 para 30 min e R$ 20 para 1h de jogo. Na quadra ainda acontecem campeonatos nos dias 14 e  21 de julho para atletas de 7 a 19 anos e no dia 28 de julho para adultos.

 

No espaço destinado para as quadras de vôlei de Praia haverá torneios de 15 a 21 de julho, o valor da equipe é R$100. As inscrições podem ser realizadas direto na quadra durante a Praia de Verão.

 

O Le Ballet Studio de Dança ainda realiza aulas gratuitas de dança na Praia de Verão. Tem aulas de samba, fitdance e forró, no horário de 18h às 19h.

 

Brincadeiras

 

A Nossa Praia ainda possui um espaço todo especial com muitos brinquedos. O Box Arvorismo é uma super novidade que chegou na Praia de Verão. A estrutura possui um percurso incrível com desafios em pontes, escaladas e tirolesa. Para brincar de segunda a quinta-feira o valor é R$15, já na sextas-feiras, sábados, domingos e feriados é R$20.

 

O Coisa de Artista realiza atividades voltadas para o desenvolvimento da criatividade e lado lúdico. No local acontecem oficinas de pintura em gesso com peças de diferentes tamanhos e temas como princesas, super-heróis, cofres e muitos outros. As peças são a partir de R$10.

 

No Hoverland, os pequenos podem andar no hoverboard, um skate elétrico que possui designer inovador e futurista que permite controlar o equipamento com os movimentos do próprio corpo. De segunda-feira a quinta-feira o valor é R$15 para 20 min de brincadeira, e nas sextas-feiras, sábados, domingos e feriados é R$20.

 

O Trampolim Play é mais uma atração imperdível, o espaço possui cama elástica, cesta de basquete e piscina de esponja. De segunda-feira a quinta-feira o valor é R$15 para 20 min, e nas sextas-feiras, sábados, domingos e feriados R$20.

 

Ainda tem Arco e flecha, onde é possível tentar acertar as bolinhas flutuantes do local e ganhar muitos prêmios. O valor é R$5 para sete flechas, e a partir de três acertos tem prêmios variados.

 

Para a criançada que gosta das famosas massinhas tem o espaço Slime Mania. No local é possível aprender a fazer a massinha que é sucesso entre a garotada e levar para casa. Para 30 min no local é R$25.

 

O Clube Anima Kids é mais um espaço especial para brincadeiras na areia e oficinas. É realizado diariamente oficinas de cupcake, bonecos de bexiga e pulseirinhas infantis. Além disso, tem pintura de rosto e brincadeiras divertidas: 15 min na atração é R$10 com mais R$1 para cada minuto adicional.

 

No Circuito Magia também há várias atividades. Tobogã, jogo dos peixinhos, escalada, piscina de bolinhas, escorrega, penteadeira e muito mais. Para 20 min de brincadeiras o valor é R$15 e mais R$1 para cada minuto extra.

 

No espaço Jogos de Férias a diversão também é garantida. São cinco jogos: bola no copo; pescaria colorida; estoura balão; bola na lata e caçapa premiada. Cada brincadeira individual custa R$8 três tentativas, já o passe livre para todas as brincadeiras é R$30, com três tentativas. Os acertos ainda valem prêmios.

 

Outra atração que é o maior sucesso entre as crianças é o Mini Trem. O veículo faz todo o percurso da Praia de Verão com muita alegria e diversão. O passeio pela Praia custa R$10.

 

Ainda tem um parque de diversões incrível dentro da Praia de Verão. O local tem os brinquedos como roda gigante, surf, Kids play, pula-pula, carrinho de bate-bate e o jumbo. Para brincar em cada uma das atrações é R$5.

 

Música ao vivo

 

    (Reprodução/Divulgação)

 

Todos os dias da Nossa Praia tem apresentação musical no placo do evento. Quem abriu a programação de férias foi a Lilly Araújo. Durante a Nossa Praia ainda teremos shows de Validuaté, Janela Lateral, Piauí Samba, PP Júnior, Fátima Li, Beth Moreno, Cássio Bruno e Banda, Flávio Moura, Dandinha, Top Gun e muitos outros. As atrações acontecem sempre no palco principal a partir das 19h30.

 

Confira a programação completa da Nossa Praia:

04/07 - Aryanne Lima

05/07 - Marlon E Liana

06/07 - Grupo Candeia

07/07 - Janela Lateral

08/07 - Cassio Bruno e Banda em Tributo ao Rei do Brega

09/07 - Serial Lover

10/07 - Elano Santarém

11/07 - Thalia Ferreira

12/07 - Juliana Costa

13/07- Piauí Samba

14/07 - Anderson Veloso

15/07 - PP Junior

16/07 - Samplevox

17/07 - Fátima Li

18/07 - Fabrício Reno

19/07 - Júnior Moraes

20/07 - Nosso Samba

21/07 - Beth Moreno

22/07 - Validuaté

23/07 - Logicamente

24/07 - Renata Kananda

25/07 - Andreia Ribeiro

26/07 - Flávio Moura

27/07 - Gyllys Black e Banda do Pretinho

28/07 - Assis Ferreira

29/07 - Dandinha e Banda

30/07 - Jackie Tequila

31/07 - Nilson Cronembeger

01/08 - Rodrigo Maia

02/08 - Artur Ribeiro

03/08 - Repique de Mão

04/08 - Top Gun

 

Aulas de danças:

04/07 – Aula de fitdance

09/07 – Aula de forró

10/07 – Aula de samba

11/07 – Aula de fitdance

30/07 – Aula de forró

31/07 – Aula de samba

01/08 – Aula de fitdance

 

 


Fonte: Teresina Shopping
Comentar
Atividade é gratuita · 04/07/2019 - 22h22

Curso ensina como usar o Instagram de forma produtiva


Compartilhar Tweet 1



 

    (Reprodução)

 

O curso de Direito da Faculdade UNINASSAU Redenção realiza o minicurso: “O Instagram como ferramenta de produtividade”. A atividade faz parte do Capacita, uma programação com cursos gratuitos e abertos ao público oferecidos no período de férias da Instituição. A atividade acontece na próxima segunda-feira (08), a partir das 8h, na unidade Redenção, localizada na Rua Dr. Otto Tito, 278 em frente ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT).

 

De acordo com a especialista em gestão empresarial e marketing, Dina Coelho, que irá ministrar o minicurso, o Instagram é considerado o maior meio de comunicação entre as empresas e o público. “Atualmente as pessoas passam o dia utilizando as redes sociais, principalmente o Instagram. Observando este comportamento, as empresas utilizam a ferramenta para conquistar seus clientes. É uma maneira de ficarem mais próximas, de vender seus produtos e promover sua marca”, explica.

 

A professora explica ainda que é preciso saber utilizar as sociais de forma positiva. “É fundamental saber o que publicar e como publicar. Uma postagem negativa pode destruir a imagem de uma empresa ou até mesmo de uma pessoa”, finaliza.

 

As inscrições podem ser feitas no site: www.extensao.uninassau.edu.br. Os interessados devem levar 1kg de alimento não perecível no dia do evento. Outras informações no telefone (86) 3194 1800


Fonte: UNINASSAU
Comentar