Vai viajar a trabalho? Dicas · 16/11/2020 - 17h42

Viagem a Trabalho: Informações Importantes Que Você Precisa Saber


Compartilhar Tweet 1



Está com uma viagem a trabalho marcada? Então este artigo foi feito para você!

Nós separamos nele as principais dicas e informações que você precisa saber antes de viajar.

Portanto, continue acompanhando a leitura para saber tudo!

Viagem a trabalho: dicas e informações essenciais

 

Motivo da viagem

O primeiro aspecto que você deve levar em consideração é o motivo da sua viagem, isto é, porque você está indo para outro país a trabalho. 

É para um treinamento? É para participar de congressos ou reuniões em outra sede da empresa? É para fazer algum tipo de apresentação ou palestra…?

Enfim, todas essas informações a respeito do motivo da sua viagem precisam estar alinhadas e claras para você. 

Dessa forma, você conseguirá se preparar melhor para a viagem e dificilmente errará quando chegar e estiver no destino.

Por exemplo, talvez você precise preparar algum material ou alguma apresentação para fazer quando estiver no país.

Por isso, se organizar e estar preparado é fundamental.

 

Política de viagem

A sua empresa tem uma política de viagem? Se sim, procure se informar sobre ela antes de viajar. 

Dessa forma, você saberá quais critérios ela leva em consideração para este tipo de viagem, isto é, o que pode e o que não pode, qual o tipo de voo que disponibiliza, o que é reembolsado e até qual valor, se possui alguma agência de viagens parceira, etc.

E caso você não saiba se a sua empresa tem esse tipo de política, fale com o setor de RH ou com seu chefe, por exemplo, e busque ficar por dentro dessas questões.

 

Assim, você evita problemas, gafes e mal entendidos.

 

Documentação

Quais documentos serão necessários para a sua viagem a trabalho? Passaporte? Visto? Certificado Internacional de Vacinação? Tudo isso precisa ser levado em conta também - principalmente se você vai precisar emitir algum tipo de documento (antecedência é fundamental).

Além do mais, tenha sempre com você cópias de todos os seus documentos e reservas, tanto de maneira física quanto digital.

Assim, se houver qualquer problema, como roubo ou perda, você não ficará desamparado e conseguirá resolver a situação de uma maneira menos complicada.

 

Compromissos e horários

Quais compromissos você terá durante esta viagem a trabalho? Quais lugares que precisará ir e quais pessoas precisará encontrar? Além disso, quais os dias e horários que você precisará comparecer em cada compromisso?

Tudo isso precisa estar bem esclarecido para você, pois diminui as chances de você ficar perdido e de se atrasar (situação que geralmente não é bem vista em outros países).

Portanto, antes de viajar é importante que você verifique os endereços, as distâncias entre os lugares, os dias, os horários (principalmente se for diferente por conta do fuso horário), os meios para chegar até os compromissos, entre outras questões.

 

 

Comprometimento, autogestão e disponibilidade

Quando há viagens a trabalho em empresas, geralmente é um ou outro colaborador que viaja. Ou seja, muitas vezes é você e mais uma pessoa ou apenas você.

Logo, é de suma importância que você tenha comprometimento e autogestão em toda a sua viagem, afinal, você não terá um chefe ou diretor ao seu lado falando toda hora o que deve e precisa fazer.

Portanto, você precisa se autorresponsabilizar pelos seus atos e ter consciência do que é certo e do que é errado, do que deve ou não fazer, inclusive, em relação às festas, happy hours e confraternizações - mesmo que sejam promovidas pela própria organização. 

 

Não manche a sua imagem e da sua empresa.

 

Além disso, esteja disponível, isto é, mantenha o celular e o notebook ligados, caso precisem falar com você em algum momento. 

Caso contrário, qual a impressão que você vai passar? Como saberão onde você está e se de fato está trabalhando? Portanto, evite conflitos e problemas desnecessários, esteja disponível.

 

Passeios particulares

Muitos profissionais quando vão fazer uma viagem a trabalho, principalmente quando é a primeira vez, ficam animados e pensam “vou conhecer um país novo, o que tem para fazer lá, vou aproveitar, fazer compras, etc.”.

Porém, muitas vezes isso não é possível devido à falta de tempo hábil. Às vezes você ficará apenas alguns dias e por conta dos diversos compromissos e reuniões não terá muito tempo para explorar o destino.

Portanto, antes de viajar, programe-se. Veja quantos dias você ficará no país, quais compromissos terá e se dá para você encaixar um passeio ou uma ida a algum lugar que queira ir muito.

Lembre-se: é uma viagem a trabalho, ou seja, você não está ali para ficar passeando e “turistando”.

 

Bagagem e roupas

Se você for ficar poucos dias no destino, procure levar apenas uma bagagem de mão. 

Isso otimizará o seu tempo e será muito mais prático e fácil, pois você não precisará se preocupar em despachar a mala e depois ficar esperando por ela na esteira do aeroporto, e também evitará um peso extra, o que já ajuda bastante.

Agora se a sua viagem a trabalho terá uma duração um pouco maior, você precisará levar uma mala com você.

E para isso é importante que você pense em duas coisas: nos tipos de compromissos que terá e no clima que estará o destino quando for viajar.

Dessa forma, você conseguirá montar uma mala muito mais adequada e objetiva para a sua viagem.

Se, por exemplo, o país em questão estiver no verão, com dias de muito calor, não tem porque levar muitas blusas, casacos e toucas, por exemplo. Isso, inclusive, ajudará a economizar espaço na mala e a deixará mais leve.

Além disso, não esqueça de itens como carregadores, fones de ouvido, adaptadores, acessórios, produtos de higiene, remédios, agendas e blocos de notas.

 

Alimentação

 

Dependendo do país que você for, os alimentos e as refeições podem ser bastante diferentes. 

Por isso, tenha um certo cuidado na hora que for comer, principalmente se você não conhece muito sobre um prato ou se acha que ele pode não cair bem.

Isso porque, você não quer passar mal em sua viagem a trabalho, certo? 

Por exemplo, imagine almoçar algo diferente em um restaurante e logo depois você tem uma reunião ou uma apresentação importante para fazer. Se a refeição não cair bem, você provavelmente passará por um certo “aperto”.

Portanto, antes de viajar faça uma boa pesquisa e saiba o que é mais tranquilo e seguro de comer, caso os pratos sejam muito diferentes daqui. 

Não deixe que a alimentação estrague a sua viagem.

 

 

Diferenças culturais

Assim como a alimentação, a cultura local também pode ser diferente. Portanto, procure saber pelo menos o básico sobre as pessoas que vivem no país que você irá, por exemplo, quais os hábitos, costumes, leis, horários, o que gostam ou não gostam, o que deve ser evitado, etc.

E claro, além de saber sobre essas diferenças culturais, você deve, acima de tudo, respeitá-las, afinal, você é quem está no país de outras pessoas, você é o “desconhecido”, o estrangeiro.

Portanto, tenha bom senso.

 

Dinheiro

Tanto em viagens a trabalho quanto em viagens a lazer, você precisa de dinheiro para comer, se locomover, comprar algo, etc. E cada empresa trata esta questão de um jeito. 

Portanto, é essencial que você se informe antes a respeito disso em seu local de trabalho, para verificar quais as regras e condições que a empresa estabelece.

No entanto, quando o assunto é dinheiro é importante que você tenha em mente que se a empresa disponibilizar uma certa quantia, uma certa verba, você deve usá-la apenas para os compromissos profissionais, não para lazer e diversão.

Agora, caso você queira levar um dinheiro a mais para fazer algumas compras ou para sair quando não estiver trabalhando, tudo bem, você pode por exemplo ir em uma casa de câmbio e trocar uma quantia de dinheiro pela moeda local.

E quando for utilizar o dinheiro no destino você separa o que é para o trabalho e o que é para você.

 

Networking

Aproveite ao máximo a sua viagem, aprenda, pergunte, ensine e amplie sua rede de contatos, isto é, trabalhe o seu networking (mas claro, sem exageros).

Use o tempo que estiver no destino para conhecer novos profissionais e trocar experiências.

Com certeza isso agregará à sua carreira e será uma parte importante da sua bagagem profissional.

 

Reserva de estacionamento

Por fim, um outro ponto importante e que nem todos os viajantes pensam é sobre a reserva do estacionamento para o seu veículo.

Algumas empresas disponibilizam um táxi ou um Uber para que os colaboradores sejam levados e buscados no aeroporto.

No entanto, há também situações em que o colaborador vai com seu próprio veículo até o aeroporto no dia da viagem e o deixa lá enquanto está viajando (e, posteriormente recebe o reembolso).

E nesse caso, é importante que seja feita uma reserva com antecedência, por exemplo, em um estacionamento aeroporto Guarulhos, caso você seja de São Paulo, para ter um local seguro para deixar o seu veículo enquanto viaja.

 

Assim, você terá uma viagem muito mais tranquila e proveitosa!


Comentários