Tenta manter vaga de vice · 12/02/2018 - 11h29 | Última atualização em 13/02/2018 - 11h45

Margarete Coelho: "É mais que colocar mulher na chapa, é tirar a mulher da chapa"


Compartilhar Tweet 1



Colaborou | Janaina Sena - Direto de Bocaina

 

A vice-governadora Margarete Coelho está cada vez mais fortalecida no cenário de composição da chapa governista para 2018.

Ontem, em Bocaina, conversou com o 180graus, e reafirmou que o Progressistas está focado na manutenção da pré-candidatura a vice de Wellington Dias.

“É um espaço que o partido conquistou nas urnas. E tem a questão da mulher que precisa ser representada. Não há como cogitar pensar numa chapa sem mulher”, diz.

Apesar da lei obrigar a presença de mulheres somente para candidaturas proporcionais, Margarete defende que as mulheres também precisam crescer nos cargos do Executivo.

“Não há como fazer campanha sem reconhecer que as mulheres são maioria do eleitorado. É mais que colocar mulher na chapa, é tirar uma mulher da chapa”, ressalta.

Sobre o possível acordo para uma pré-candidatura sua a deputado federal, ela respondeu enfática: “O partido não cogitou isso. Nem eu”.

Comentários