Disse que tucano 'engavetou' · 16/05/2018 - 13h05 | Última atualização em 16/05/2018 - 15h19

Marden e Evaldo discutem em plenário após pedido de urgência para PPP do Verdão


Compartilhar Tweet 1



Os deputados Marden Menezes (PSDB) e Evaldo Gomes (PTC) discutiram no plenário da Assembleia Legislativa do Piauí na manhã de hoje, por conta de um pedido de urgência na tramitação do projeto para autorizar a parceria público-privada para o Ginásio Verdão.

O tucano disse que o requerimento surpreendeu a oposição, e que não via razão clara para agilizar um debate que, pelo contrário, precisa se dar de forma aprofundada. "O governo já tem maioria nas comissões e no plenário", completa Marden, ao defender a tramitação normal da proposta, e dizendo ainda que o processo não tem transparência.

Evaldo Gomes subiu à tribuna e disse que Marden não tinha legitimidade para questionar o processo, e justifica que o próprio PSDB "privatizou tudo que é de bom", e acusou o tucano de engavetar a proposta de PPP do Verdão por um pedido de vista há 3 semanas. Seguiu com um discurso inflamado, dizendo que o governo não tem intenção de privatizar o ginásio, e sim entregá-lo para a sociedade.

Marden então rebateu. "Impressionante o afã com que o deputado [Evaldo] defende hoje o governo, e o governador Wellington Dias. É o mesmo que há dois anos chorava na tribuna, acusando o governador de tê-lo humilhado".

Negou ainda ter engavetado proposta, e cobrou da base o direito da minoria de contestar.

Comentários