Eleições 2018 · 14/05/2018 - 09h56 | Última atualização em 14/05/2018 - 16h39

Admitir MDB na vaga de vice, não significa abrir mão, explica Margarete


Compartilhar Tweet 1



Margarete Coelho explicou que a posição do Progressistas em não vetar o nome do deputado estadual Themístocles Filho, para a vaga de pré-candidato a vice de Wellington Dias, não quer dizer que a legenda tenha abdicado do espaço que hoje ocupa na chapa governista.

"Isso não quer dizer, em nenhuma hipótese, que o partido está abrindo mão da sua vaga de vice, porque é uma vaga que conquistamos em 2014 para um projeto de Piauí", afirma.

A vice-governadora não quis adiantar quais seriam seus rumos caso não mantenha seu espaço, e afirma que ficará à disposição do partido para dizer "que projeto tem pra mim".

Comentários