LEGALIZAÇÃO DOS JOGOS DE AZAR · 20/02/2019 - 10h01 | Última atualização em 20/02/2019 - 17h06

"O Antagonista" diz que Ciro não desistiu da "jogatina" e aponta Tebet como entrave


Compartilhar Tweet 1



Em nota publicada nesta quarta-feira (20), o site "O Antagonista" apontou que o senador Ciro Nogueira (PP) "não desistiu" da legalização de jogos de azar e abertura de cassinos no Brasil.

"O Antagonista soube que o senador do Piauí prepara uma nova investida nesse sentido", diz a nota.

Ano passado, o PLS 186/2014, de autoria do senador, acabou sendo arquivado. Seriam contemplados o jogo do bicho; vídeo-bingo e videojogo; bingos; cassinos em complexos integrados de lazer; apostas esportivas e não esportivas e cassinos on-line.

Na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, recebeu parecer contrário e acabou não sendo pautado no Plenário.

O site destaca ainda que o senador pode, de novo, enfrentar problemas na CCJ. 

"Simone Tebet, que divergiu de Ciro e ajudou a enterrar a proposta no ano passado, agora é a presidente da CCJ", diz O Antagonista. "Entre os novatos, boa parte também não concorda com a causa do senador piauiense", completa.

A senadora já declarou publicamente os motivos pelos quais é contra a legalização dos jogos de azar. "Se nós não conseguimos nem fiscalizar e coibir a sonegação, como vamos dar conta de entrar neste mundo do jogo, que hoje não paga impostos e não vai continuar não pagando? Sou radicalmente contra esse projeto polêmico, que vai abrir a porta para a sonegação, evasão de divisas e corrupção política", sustentou em entrevista concedida assim que a proposta de Ciro entrou em tramitação.

 

Comentar
Encontro em Brasília · 20/02/2019 - 09h09

Fórum dos Governadores recebe ministros e presidente do Senado


Compartilhar Tweet 1



O governador Wellington Dias participa nesta quarta-feira (20/02) do III Fórum dos Governadores do Brasil. O encontro acontece em Brasília e terá participação de ministros do governo Bolsonaro e do presidente do senado federal, Davi Alcolumbre (DEM).

Farão pronunciamentos o ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência, Geraldo Santa Cruz, o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, e ainda o ministro da Economia, Paulo Guedes.

O debate entre os governadores inicia às 11h. A carta resultado do encontro será divulgada por volta de 14h.

O encontro acontece no Centro Internacional de Convenções do Brasil.

Comentar
Jair fará pronunciamento · 20/02/2019 - 08h16

Governo entrega hoje ao Congresso proposta de reforma da Previdência


Compartilhar Tweet 1



O governo federal apresenta oficialmente nesta quarta-feira (20), ao Congresso Nacional, o texto da proposta de reforma da Previdência Social.

    Foto: Marcos Corrêa/PR

Segundo o G1, a expectativa é que o presidente Jair Bolsonaro vá pessoalmente ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, entregar o documento, ainda esta manhã.

À noite, está previsto um pronunciamento do presidente na TV, para defender o projeto.

Dos pontos já sabidos da reforma, a proposta vai prever idade mínima de aposentadoria de 65 anos para homens e 65 anos para mulheres, ao final de um período de transição de 12 anos. 

Novas alíquotas de contribuição dos trabalhadores também são esperadas. A proposta deve englobar servidores públicos e militares.

Comentar
Plano para Eleições de 2020 · 19/02/2019 - 16h06

Tererê recebe convite do PPS para disputar a prefeitura de Parnaíba


Compartilhar Tweet 1



O ex-deputado Deusimar Brito, o Tererê, recebeu convite do PPS para se filiar à sigla e disputar a prefeitura de Parnaíba nas eleições de 2020.

Em breve a legenda terá seu nome alterado para Cidadania 23.

O convite foi formalizado pelo presidente e vice-presidente da sigla, Celso Henrique e o deputado estadual Oliveira Neto, respectivamente.

 

Comentar
Veja lista dos titulares · 19/02/2019 - 12h29

Deputados definem composição e instalam a CCJ


Compartilhar Tweet 1



A Assembleia Legislativa do Piauí instalou nesta terça-feira (19) a Comissão de Constituição e Justiça, que tem como presidente o deputado estadual Wilson Brandão, do Progressistas. A vice-presidência ficará com Henrique Pires (MDB).

Como titulares, definidos ainda Francisco Limma (PT), Marden Menezes (PSDB), Hélio Isaías (PP), Gessivaldo Isaías (PRTB) e Zé Santana (MDB).

Na suplência, indicados os deputados Franzé Silva (PT), Teresa Britto (PV), Firmino Paulo (PP), Fábio Xavier (PR), Severo Eulálio (MDB), Flora Izabel (PT) e João Madison (MDB).

Comentar

Compartilhar Tweet 1



O presidente da FIEPI, Zé Filho, esteve com o reunido com o presidente da Confederação Nacional da Indústria, Robson Braga, na noite desta segunda-feira (18), horas antes da deflagração da Operação Fantoche, da Polícia Federal, que culminou na prisão de Braga.

A operação investiga um esquema de corrupção envolvendo contratos do Ministério do Turismo e entidades do Sistema S.

Após a prisão, a CNI informou que "não teve acesso à investigação e acredita que tudo será devidamente esclarecido".

O registro do jantar em Brasília, com a presença de Braga e outros presidentes de federação pelo país, foi publicado na página de Zé Filho no Instagram.

Na operação, além de Braga, foi preso o empresário Luiz Otávio Gomes. São alvos de mandados de prisão os presidentes das Federações das Indústrias nos estados de Pernambuco, Alagoas e Paraíba.

Comentar
PETISTA APONTA CHANTAGEM · 19/02/2019 - 12h10 | Última atualização em 19/02/2019 - 12h22

W.Dias aciona a PF para investigar conversas atribuídas a secretário, que podem ser 'fake'


Compartilhar Tweet 1



O governador Wellington Dias (PT) informou que solicitou junto à Polícia Federal uma investigação sobre a divulgação de prints de conversas pelo WhatsApp, atribuídas ao secretário de Comunicação, João Rodrigues Filho. ao assessor Hielbert Ferreira, e ao administrador do grupo Xico Prime, Marciano Arraes.

Para Dias, a situação pode ser caracterizada como uma tentativa de chantagem a agentes públicos.

“Foi autorizada uma investigação no estado, porque, o que a gente verifica, é crime de chantagem. Não é razoável, não é tolerável, que se tenha quem quer que seja usando qualquer forma de comunicação como instrumento de chantagem”, disse em entrevista concedida mais cedo.

“A verdade vai ser elucidada com essas duas investigações”, completou o governador, explicando que além da investigação federal, há outra sendo tocada no âmbito estadual.

Ontem, João Rodrigues Filho registrou boletim de ocorrência apontando os prints de conversa como “fakes”.

Clique e entenda o caso na reportagem completa.

Comentar
Proposta de reforma · 19/02/2019 - 09h09 | Última atualização em 19/02/2019 - 09h30

Previdência: Margarete defende diferenciação na idade mínima para homens e mulheres


Compartilhar Tweet 1



A deputada federal Margarete Coelho (PP) é contra a igualdade da idade mínima para aposentadoria, para homens e mulheres.

“A mulher tem uma carga de trabalho maior e merece essa diferenciação”, defendeu em entrevista à TV Cidade Verde.

Tendo como base um texto que já vazou, do que pretende propor o governo Jair Bolsonaro, a deputada comentou ainda sobre a aposentadoria rural, questão sensível para os nordestinos.

“Não temos realmente o texto e em lei, uma palavra muda muito. Temos um projeto que vazou, em que há alguns pontos em que teria grande dificuldade de aceitar”, completa Margarete.

A deputada reforça ainda o apelo para que haja um “debate franco e sincero” com todas as classes e categorias, para que a reforma seja a mais justa possível.

Comentar
Agenda em Brasília · 19/02/2019 - 08h43 | Última atualização em 19/02/2019 - 09h41

W.Dias tem hoje reunião sobre o Fórum dos Governadores


Compartilhar Tweet 1



O governador Wellington Dias cumpre agenda em Brasília na tarde desta terça-feira (19/02). 

Às 19h, vai ao Palácio do Buriti, sede do governo do Distrito Federal, para uma reunião preparatória do III Fórum dos Governadores do Brasil.

Ao final da tarde, tem audiência com o ministro de Minas e Energia, Bento Costa Lima, na Esplanada.

Pela manhã a agenda de W.Dias é ainda na capital, no escritório da residência. Uma delas, com o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Abelardo Vilanova, o secretário de Governo, Merlong Solano e o secretário de Segurança, Coronel Rubens.

Comentar
W.Dias recebido por deputados · 18/02/2019 - 12h31 | Última atualização em 19/02/2019 - 09h34

Texto da reforma administrativa é entregue e mensagens são lidas em Plenário


Compartilhar Tweet 1



O texto da proposta de reforma administrativa foi entregue à Assembleia Legislativa do Piauí nesta segunda-feira (18), pelo governador Wellington Dias (PT), que foi recebido pelo presidente da Casa, deputado Themístocles Filho (MDB).

São ao todo cinco mensagens, lidas em plenário já na sessão de hoje.

A reforma trata da reorganização administrativa em si, da nova modelagem da segurança pública, do novo sistema de controle de despesas do estado, dentre outros pontos que tratam sobre regras de responsabilidade fiscal do Estado e com a União.

“O que estamos apresentando é uma parte do que eu chamo de programa de ajuste para o equilíbrio fiscal e financeiro, para termos mais investimentos no Piauí. Como resultado, além da reorganização do estado, teremos a adequação administrativa que permitirá economia de R$ 400 milhões ao ano”, diz o governador.

Comentar
Bancada na Alepi cresce · 18/02/2019 - 11h00

Filiação de Fernando Monteiro ao PP deve ocorrer nesta semana


Compartilhar Tweet 1



A filiação de Fernando Monteiro ao Progressistas está prevista para esta semana. É o que confirma o deputado estadual Júlio Arcoverde, presidente da sigla no Piauí.

Com a chegada do parlamentar, a bancada do partido na Assembleia Legislativa se iguala ao MDB em tamanho.

Ambos terão 6 cadeiras na Casa.

 

Comentar

Compartilhar Tweet 1



O deputado estadual Júlio Arcoverde revelou acerto com B.Sá, para que nenhuma pessoa seja contratada para o gabinete do suplente, até que o governador Wellington Dias inicie a convocação de parlamentares para a composição do governo, como é aguardado.

Até a sexta-feira (22), Júlio será empossado na Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. Assim, abre espaço para o colega do Progressistas, B.Sá, primeiro suplente da coligação “A vitória com a força do povo”.

O acerto, segundo Júlio, é para evitar o aumento de gastos na Casa Legislativa. O parlamentar diz ainda que será remunerado pela prefeitura de Teresina, com B.Sá entrando como 30º deputado. “Minha ida para a prefeitura não vai onerar [a Assembleia], vou receber é da prefeitura”, disse em entrevista concedida à TV Clube.

Diz ainda que a sua saída da Alepi não é apenas por causa de B.Sá, mas um sinal de “alinhamento” e “gesto de união e estreitamento” com a prefeitura de Teresina.

Secretaria pequena

Apesar de se tratar de uma pasta pequena dentro da estrutura da Prefeitura de Teresina, Júlio afirmou que está empolgado com a SEMEL. “Muita gente fala da estrutura, mas acho que a secretaria quem faz é o secretário. Estou empolgado, sou da área”, argumenta.

Comentar
Extinção de 19 órgãos · 18/02/2019 - 08h45

W.Dias retorna hoje à Alepi para entregar reforma administrativa


Compartilhar Tweet 1



O governador Wellington Dias retorna nesta segunda-feira (18) à Assembleia Legislativa para, oficialmente, entregar aos deputados o texto da reforma administrativa.

O momento aconteceria na sexta-feira passada, mas problemas com voo que o trouxe de São Paulo e a presença do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, em Teresina, acabou adiando a agenda na Alepi.

A proposta do governo prevê a redução de 19 órgãos e secretarias que hoje compõem a administração estadual. As atribuições destas serão incorporadas a outras unidades gestoras.

De acordo com o Palácio de Karnak, a meta é reduzir despesas em até R$ 300 mil, com a queda no custeio da máquina e com outras medidas administrativas, bem como a centralização dos processos licitatórios do estado.

 

Comentar
Após conversa com Bolsonaro · 15/02/2019 - 21h49

Demissão de Bebianno deve ser formalizada na segunda, diz Folha


Compartilhar Tweet 1



O governo Jair Bolsonaro deve formalizar na segunda-feira (18) a saída de Gustavo Bebianno da Secretaria-Geral da Presidência. Segundo a coluna Painel, da Folha de São Paulo, a decisão foi tomada pelo presidente Jair Bolsonaro em uma reunião com o até então aliado, na presença do vice-presidente Hamilton Mourão e de outros ministros.

    Foto: Marcos Corrêa/PR

A previsão é que a exoneração seja publicada direto no Diário Oficial da União, em ato que já teria sido assinado hoje.

O encontro de Bebianno e Bolsonaro ocorreu no início da tarde desta sexta, numa conversa, segundo Painel, "ríspida".

Bebianno foi apontado por Carlos Bolsonaro, filho do presidente, de estar mentindo sobre diálogos com Jair após a denúncia de Folha de São Paulo sobre candidaturas laranjas do PSL. Para contrapor o ministro, Carlos chegou a divulgar áudios do presidente nas redes sociais, em que Bolsonaro nega diálogos sobre a questão.

Comentar

Compartilhar Tweet 1



Saia justa ao vivo durante o Jogo do Poder desta sexta-feira (15), no Agora, da Rede Meio Norte. Enquanto comentavam sobre a ida do deputado estadual Júlio Arcoverde (PP) para a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, o jornalista João Carvalho se empolgou e acabou soltando um palavrão, para o susto dos colegas.

Ele explicava que a convocação de suplentes era justamente uma crítica da oposição ao governador Wellington Dias, e que o próprio partido de Júlio havia cobrado medidas para redução de despesas no estado. Agora, força a renúncia de um deputado e a convocação de um suplente, aumentando a folha da Alepi.

"É um lascado e outro fu****", disse João ao contrapor a colega Samantha Cavalca, que tentava distinguir a situação de crise financeira do estado, de um quadro menos complicado na prefeitura de Teresina.

"A situação da prefeitura é muito mais saudável que a do governo do Estado", diz Samantha. "Vai falar com os empreiteiros que estão lá para receber, pra tu ver se a opinião é essa", rebateu o jornalista.

Enquanto isso, da bancada, o âncora Amadeu Campos ergue as mãos, e João repete mais uma vez a expressão. "Meu amigo, aí e um lascado e outro fu****. Tão tudo quebrado", dispara. "Não", protesta Amadeu.

No fim, o grupo ignora a saia justa e vai às gargalhadas. Assista!

Comentar

Compartilhar Tweet 1



Com o pedido de licença para assumir a Secretaria de Esporte e Lazer da prefeitura de Teresina, o deputado estadual Júlio Arcoverde, do Progressistas, abre mão da vice-liderança do governo na Assembleia Legislativa.

E se o espaço for continuar com o partido, será missão difícil para o suplente B.Sá, substituto imediato de Júlio.

A vice-liderança pede alguém da confiança de Wellington Dias. Dito isso, vale lembrar que foi B.Sá quem, após a eleição, disse em áudio que ia "botar boneco" com o governador para dificultar a convocação de suplentes do PT, sendo ele o primeiro na lista de substitutos na coligação governista.

 

Comentar
E a Alepi não era cara? · 15/02/2019 - 10h59 | Última atualização em 15/02/2019 - 11h54

Progressistas acerta Júlio Arcoverde na Semel e libera cadeira para B.Sá


Compartilhar Tweet 1



E depois de tanto reclamar sobre o quanto a Assembleia Legislativa do Piauí custa aos cofres do estado e cobrar ao governador Wellington Dias (PT) medidas de redução de despesas, eis que o senador Ciro Nogueira conseguiu com o prefeito Firmino Filho (PSDB) empregar mais um político do Progressistas. É o suplente B.Sá, que será convocado na próxima semana com a saída de Júlio Arcoverde, futuro secretário de Esporte e Lazer de Teresina.

Tudo vem sendo acertado desde o início da semana, admite Júlio ao 180graus. E ontem, um encontro definitivo entre Ciro, Firmino e o deputado alinhavou o acordo, em nome de uma maior aproximação entre o Progressistas e a Prefeitura de Teresina.

Desde o fim da campanha eleitoral, Ciro e foi só reclamação sobre o peso do Legislativo estadual nas contas públicas. Reclamou tanto que o governador ouviu os apelos e decidiu, por hora, não chamar deputados para compor a sua gestão, evitando assim a convocação de suplentes e o consequente aumento da folha na Alepi.

"Qualquer custo [a mais] a prefeitura banca", disse Júlio Arcoverde ao ser questionado sobre a contradição na investida do Progressistas. Como se o dinheiro não tivesse o mesmo dono: o povo.

A licença do deputado está prevista para iniciar já na próxima semana. E tão logo seja dada baixa, B.Sá, aquele que afirmou em áudio a intenção de "botar boneco" com o governador a fim de evitar a convocação de suplentes do PT, tomará assento na Casa.

 

Comentar
Reforma indicia mudanças · 14/02/2019 - 13h26 | Última atualização em 15/02/2019 - 09h32

João Rodrigues sobre permanência na CCOM: "Eu quero ficar"


Compartilhar Tweet 1



Depois de explicar sobre o atraso do governador Wellington Dias, que adiou a entrega da proposta de reforma administrativa à Assembleia Legislativa, o secretário de Comunicação do governo, João Rodrigues Filho, foi questionado sobre sua permanência na equipe para essa gestão.

"Eu quero ficar, fazer parte do governo. Eu acredito nesse projeto", respondeu sem confirmar qualquer posição de W.Dias neste sentido. 

Na última vez em que foi indicado, João Rodrigues entrou na cota de Elmano Férrer, senador que hoje faz oposição a Wellington. 

Hoje, entra na cota pessoal do governador.

Comentar
"Provavelmente", anuncia · 12/02/2019 - 17h18

Dra. Marina confirma inclinação para se filiar ao Solidariedade


Compartilhar Tweet 1



A deputada federal Marina Santos  confirmou sua inclinação para o Solidariedade, agora que o PTC deverá ser extinto por não ter alcançado nas eleições de 2018 a cláusula de barreira. 

Nesta terça-feira (12) ela irá se reunir com o deputado Evaldo Gome, presidente do PTC no Piauí, que está prestes a assumir a presidência do Solidariedade no Piauí.

"Eu já cansei de puxa pra lá, puxa pra cá. Não sou disso. Sou uma pessoa decidida", disse em entrevista à TV Cidade Verde, ao lembrar dos vários convites recebidos.

Além do Solidariedade, a deputada recebeu convites do Podemos e até do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro. 

"Estamos avaliando, estudando o partido que melhor se encaixa aos nossos pensamentos e ideias", pondera Marina, para depois confirmar a tendência em seguir o mesmo caminho de Evaldo no SD.

Comentar
Reportagem destaca valores · 12/02/2019 - 12h00 | Última atualização em 12/02/2019 - 12h17

O Globo | Donos de mansão, Ciro e Iracema receberam R$ 555 mil em auxílio-moradia


Compartilhar Tweet 1



O casal Ciro Nogueira e Iracema Portella é destaque na reportagem de O Globo publicada nesta terça-feira (12), por terem recebido R$ 555 mil de auxílio moradia do Congresso Nacional. 

O detalhe é que o senador e a deputada do Progressistas são donos de uma mansão luxuosa no Lago Sul, considerada região nobre da cidade de Brasília.

Para Ciro, desde 2011, foram pagos R$ 448,7 mil em auxílio-moradia. Já Iracema recebeu da Câmara R$ 106,3 mil entre 2011 e 2017. "O valor é nominal, sem considerar o reajuste de inflação", destaca O Globo.

Apesar da alta quantia, a reportagem lembra que não há ilegalidade no pagamento do benefício, que é concedido por reembolso, e está disponível  a todos os parlamentares que não usam do apartamento funcional cedido pela Câmara ou Senado.

O Globo destaca ainda que mansão foi adquirida em 2010, por R$ 2 milhões, pela empresa Ciro Nogueira Comércio de Motocicletas Ltda. O senador e a deputada não se pronunciaram à reportagem sobre o recebimento do auxílio.

Comentar

Compartilhar Tweet 1



Numa longa reunião na noite desta segunda-feira (11/02), no Palácio de Karnak, os deputados estaduais e federais membros da base aliada do governador Wellington Dias tomaram conhecimento das mudanças propostas para reorganização da estrutura administrativa do estado.

Nem tudo ainda foi detalhado, mas o deputado João Mádison (MDB) comentou com a imprensa sobre alguns pontos tratados na reunião, que até as 21h ainda não havia terminado.

Confirmado o fim da Fundação Hospitalar, a fusão da Secretaria do Trabalho e Emprego a outra pasta, a criação da secretaria do Agronegócio, e a centralização dos serviços de manutenção e obras em estradas com o DER. Das coordenadorias, serão mantidas as da Mulher, Juventude e Enfrentamento às Drogas. Ao todo, 19 órgãos e secretarias serão extintos ou aglutinados a outras unidades gestoras.

Para o emedebista, o projeto "audacioso" é mais que necessário. 
'"Temos que fazer isso para que em 2020 a gente possa colher os resultados. Nós sabemos que não é bom. Vamos diminuir, vamos cortar terceirizados, muitas pessoas vão chiar, mas é a maneira que tem do governo sobreviver", diz o deputado, que lembra ainda o fato de que vários estados vêm atrasando salário, e que o governo do estado quer justamente evitar situação como essa.

Comentou ainda que o governador ressaltou aos deputados que não pretende chamar nenhum, por enquanto, para assumir cargos no governo. "Ele quer um perfil técnico, e acho que isso é importante. Todos vamos ter que fazer sacrifícios, e nós da Assembleia vamos fazer a nossa parte", completa.

Além do governador e a vice Regina Sousa, estavam presentes os secretários Rafael Fonteles (Sefaz), Antônio Neto (Planejamento), Ricardo Pontes (SeadPrev), Merlong Solano (Governo) e João Rodrigues Filho (Comunicação).

Da bancada na Alepi, os deputados Themístocles Filho (MDB), Pablo Santos (MDB), Henrique Pires (MDB), Flávio Nogueira (PDT), Hélio Isaías (PP), Fernando Monteiro (PRTB), Firmino Paulo (PP), Júlio Arcoverde (PP), Flávio Nogueira Jr (PDT), Severo Eulálio (MDB), Francisco Costa (PT), Georgiano Neto (PSD), Limma (PT), Fábio Novo (PT), Flora (PT), Franzé (PT), João Mádison (MDB), Fábio Xavier (PR), Zé Santana (MDB), Wilson Brandão (PP), e ainda o deputado federal Fábio Abreu (PR).

 

Comentar

Compartilhar Tweet 1



O governador Wellington Dias (PT) recebe nesta segunda-feira (11) os deputados da base aliada no Palácio de Karnak, para apresentar a reforma administrativa.

A reunião acontece a portas fechadas. 

Entre os presentes está o presidente da Assembleia Legislativa, Themístocles Filho (MDB). Vistos ainda os deputados Nerinho (PTB), Flora Izabel (PT), Limma (PT), Fernando Monteiro (PRTB), Firmino Paulo (PP), Júlio Arcoverde (PP), João Mádison (MDB), Fábio Xavier (PR), Franzé (PT), Fábio Novo (PT), Oliveira Neto (PPS), Henrique Pires (MDB) e Dr. Francisco Costa (PT).

Foram convidados também os deputados federais. Fábio Abreu (PR) foi visto no Karnak. Presente também Osmar Junior, cotado para assumir a secretaria de Governo, e outros secretários que acompanharam a elaboração do texto da reforma.

O texto será encaminhado à Assembleia Legislativa até a próxima quinta-feira.

Comentar
Para reduzir os gastos · 11/02/2019 - 17h40 | Última atualização em 11/02/2019 - 17h51

Flora diz que W.Dias não pretende chamar deputados no 1º semestre


Compartilhar Tweet 1



A deputada estadual Flora Izabel adiantou em entrevista à TV Cidade Verde que o governador Wellington Dias não deve, pelo menos neste primeiro semestre de 2019, chamar deputados estaduais para assumir secretarias no Governo.

A medida é uma forma de conter gastos, já que a consequente convocação de suplentes na Assembleia Legislativa implica no aumento da folha do executivo.

W.Dias tem como meta com a reforma administrativa que irá propor à ALEPI economia de R$ 300 mil  ao ano.

Comentar
Queda de helicoptero · 11/02/2019 - 13h52 | Última atualização em 11/02/2019 - 15h51

W.Dias, Elmano, Ciro e outros piauienses lamentam a morte de Boechat


Compartilhar Tweet 1



Políticos e personalidades pelo Brasil têm manifestado pesar pela morte do jornalista Ricardo Boechat, que estava num helicóptero que caiu na manhã desta segunda-feira (11) em São Paulo. 

No Piauí, o governador Wellington  Dias usou o Twitter para deixar a sua mensagem. "Competente profissional! Perde o jornalismo brasileiro e perde o Brasil! Forças de Deus para família e amigos". 


O senador Elmano Férrer também se manifestou na rede social. "Lamento profundamente o falecimento do jornalista, apresentador e radialista Ricardo Boechat no início desta tarde. Meus sentimentos à família, amigos e aos brasileiros admiradores do jornalista, e aos familiares do piloto do helicóptero", publicou.


Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas, elogiou o profissional e se disse em choque com a notícia.


Manifestação ainda do prefeito de Teresina, Firmino Filho.


O presidente da República, Jair Bolsonaro, que está internado, também manifestou solidariedade à família do jornalista.


Veja outras manifestações na rede




Políticos, magistrados e organizações divulgaram nota lamentando a morte do jornalista.

Hamilton Mourão - vice-presidente

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, escreveu em seu Twitter "manifesto meus sentimentos às famílias de #RicardoBoechat e do piloto do helicóptero, aos profissionais da Rede Bandeirantes, rádio e televisão, extensivos à classe jornalística, pela triste notícia do acidente que os vitimou. Deus no comando."

Rodrigo Maia - presidente da Câmara dos Deputados

"Recebo com tristeza a informação sobre a morte do jornalista Ricardo Boechat e do piloto do helicóptero que caiu nesta manhã. Boechat foi um dos grandes comunicadores do nosso país e uma referência de bom jornalismo e independência. Minha solidariedade a seus familiares e amigos", disse Maia, por meio da rede social Twitter.

Davi Alcolumbre - presidente do Congresso Nacional

"Foi em estado de consternação e tristeza que recebi a notícia da morte inesperada do jornalista Ricardo Boechat. Era um profissional reconhecido pelo trabalho e senso crítico aguçado revelado nos principais meios de comunicação do país. Envio meu sentimento de solidariedade aos seus colegas de trabalho e à toda sua família. Tenho certeza que os brasileiros lamentam a morte desse argentino que escolheu o Brasil como lar. Fica a saudade e o respeito pelo homem e jornalista que sempre demonstrou ser. Meu apoio fraterno também aos parentes e amigos dos demais ocupantes do helicóptero, que fatalmente caiu em São Paulo", disse na rede social Twitter.

STF

Em nome da Corte, presidente do STF, ministro Dias Toffoli, manifesta pesar pela morte do jornalista Ricardo Boechat, ocorrida nesta segunda-feira, em São Paulo.

"Lamento a morte do jornalista Ricardo Boechat ocorrida nesta segunda-feira (11), em São Paulo. A imprensa e a sociedade brasileira estão em luto pela perda desse excelente profissional que com dinamismo e versatilidade levava a notícia aos públicos mais diversos, seja para quem o lia na coluna da revista Istoé, seja para quem o ouvia na rádio ou o assistia nos telejornais da Band. Presto minhas sinceras condolências à família, aos amigos e às empresas para as quais trabalhou ao longo de quase meio século de jornalismo".

STJ

"Ao longo de quase 50 anos de carreira, o jornalista Ricardo Boechat construiu uma história marcada pelo profissionalismo, pela imparcialidade e pelo cultivo dos valores mais caros ao jornalismo, como a ética e o combate à corrupção. Jornalista multifacetado e premiado, Boechat consolidou seu nome entre os profissionais de imprensa mais respeitados do país. Com profunda tristeza, manifesto condolências aos familiares, amigos e todos os colaboradores do Grupo Bandeirantes", diz a nota, assinada pelo presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), João Otávio de Noronha.

Comentar
Acidente em São Paulo · 11/02/2019 - 12h57 | Última atualização em 11/02/2019 - 13h46

Jornalista Ricardo Boechat morre em queda de helicóptero


Compartilhar Tweet 1



O jornalista Ricardo Boechat morreu na manhã desta segunda-feira (11) na queda de um helicóptero, em São Paulo. A morte foi confirmada pelo grupo Band. A aeronave caiu sobre um caminhão na Rodovia Anhanguera. 

Segundo a Folha de São Paulo, a primeira informação era de que as vítimas seriam piloto e copiloto do helicóptero. Mais tarde foi confirmado que o jornalista era um dos ocupantes. 

A segunda vítima era o piloto, e ainda não foi identificado. Os corpos estavam carbonizados. 

Boechat morreu aos 66 anos e era âncora da Band. E foi seu colega de emissora, José Luiz Datena, quem anunciou a fatalidade durante o programa "Os Donos da Bola". "É um momento muito triste para o grupo Bandeirantes", comentou.

    Reprodução/TV Globo

Ainda de acordo com Datena, o apresentador do Jornal da Band estava em Campinas e deveria aterrissar no heliponto da emissora.  "O Boechat era o maior jornalista do país pela sua coragem, pela sua forma de combater a corrupção, pela sua forma de combater as injustiças", disse o apresentador às lágrimas.

O motorista do caminhão atingido na queda da aeronave foi socorrido com ferimentos leves. Dez viaturas foram encaminhadas para o local do acidente.

O aeroporto de modelo Bell e prefixo PT-HPG pertencia à empresa RQ Serviços Aéreos Especializados. Segundo a ANAC, tinha situação de aeronavegabilidade normal.  

Comentar