Entenda o caso -

Aliança inusitada entre PT e PP em São Raimundo Nonato ganha repercussão na imprensa nacional

As eleições municipais de São Raimundo Nonato, no Piauí, têm chamado atenção nacional devido a uma aliança inesperada entre o Partido dos Trabalhadores (PT) e o Progressistas (PP). O site nacional, Valor Econômico, deu repercussão a situação atípica. 

A matéria do Valor Econômico, aponta que analistas políticos preveem uma intensa disputa entre PT, PP, MDB e PSD pelo controle dos municípios no Piauí este ano. Em algumas cidades, surgem alianças inusitadas, como a união entre o PP de Ciro Nogueira, crítico do governo atual e apoiador do ex-presidente Bolsonaro, e o PT do presidente Lula.

São Raimundo Nonato, famosa pelo sítio arqueológico da Serra da Capivara, também é o berço político do senador Marcelo Castro (MDB). A cidade é atualmente governada por Carmelita Castro, que trocou o PP pelo PT em setembro do ano passado, junto com seu marido, o deputado estadual Hélio Isaías. Sua irmã, a deputada federal Margarete Coelho, continua no PP.

Foto: Reprodução

Carmelita lançou seu sobrinho, Isaías Neto (PT), como candidato à sua sucessão em uma coalizão que inclui o PP. Esse movimento deixou de lado o vice-prefeito Rogério Castro (MDB), primo do senador Marcelo Castro, aliado de Lula na esfera federal.

Em Teresina, o PP realizou um encontro para “treinamento” dos seus pré-candidatos, e vários correligionários do grupo político de Carmelita Castro, filiados ao PP, irão disputar as eleições pelo partido que é adversário ferrenho do PT a nível nacional, numa coligação inusitada unindo PT e PP no mesmo grupo. Na imagem aparecem vários pré-candidatos apoiados pela Carmelita Castro e seu grupo político. Da esquerda para direita: Professor Ananias Júnior, Valdenia Costa, Ciro Nogueira , Cicleia Moraes, Wagner Fernandes Landim, Euclides Viana (Kidão) e Elizete Sousa.

Foto: Reprodução

Reação do MDB

Em resposta, o senador Marcelo Castro transferiu seu domicílio eleitoral de Teresina para São Raimundo Nonato no mês passado, trazendo consigo seus dois filhos: o deputado federal Castro Neto e Marcelo Filho, superintendente da Codevasf no Piauí. A família Castro do MDB apoia Rogério Castro contra a aliança PT-PP.

Para Marcelo Castro, derrotar o candidato de Carmelita é uma "questão de honra", mesmo sendo ela sua prima distante. A disputa em São Raimundo Nonato simboliza as complexas e às vezes paradoxais alianças políticas no Piauí.

Segundo o Valor Econômico, a aliança entre PT e PP em São Raimundo Nonato exemplifica a complexidade das eleições municipais no Piauí. Com influentes figuras políticas e mudanças partidárias, a disputa na cidade promete ser uma das mais observadas deste ciclo eleitoral.

Os próximos meses serão decisivos para definir os rumos políticos de São Raimundo Nonato, com potenciais repercussões em todo o estado do Piauí.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco