Conhecimento na ponta do lápis · 24/05/2012 - 00h00

Confira os 10 passos que todo vestibulando deve seguir para entrar na faculdade

Para o especialista, a primeira etapa é criar um cronograma e seguir o planejamento


Compartilhar Tweet 1



O psicólogo Fernando Elias José, especialista em preparo emocional de candidatos a concursos públicos e vestibulares, contou a imprensa quais são os dez passos principais que o vestibulando deve seguir para entrar em uma universidade.

Para o especialista, a primeira etapa é criar um cronograma e seguir o planejamento. Assim, dá para saber exatamente o que deve e quando estudar.

A segunda dica para os vestibulandos é escolher duas matérias por dia para estudar e seguir a rotina planejada. Dessa maneira haverá tempo para se dedicar de verdade a cada uma delas.

De acordo com o especialista, essa estratégia também ajuda a mudar um pouco a rotina para que o estudo não seja tão cansativo.

Fernando Elias também garante que não adianta ficar estudando apenas a teoria: é necessário que os vestibulandos também façam exercícios de cada matéria estudada.

Com teoria e prática, a preparação fica completa e o estudante estará mais confiante para resolver as questões dos vestibulares.

Concentração é o que o vestibulando mais precisa nesta época da vida, diz Fernando Elias.

Ele diz que, infelizemente, não tem fórmula secreta para isso. O que o estudante precisa é saber qual é o seu objetivo e, com ele em mente, se conscientizar de que cumprir o planejamento é o único modo de chegar lá.

A conscentração vai chegar quando o estudante conseguir definir suas metas.

Outro passo para conseguir a aprovação no vestibular é controlar o tempo de estudo.

Segundo o psicólogo, é importante que o aluno faça pausas enquanto está estudando. A cada 50 minutos estudados é aconselhado uma intervalo de 10 a 15 minutos para que o cérebro consiga absorver as informações vistas.

Se transformar em uma pilha de nervos também não ajuda a vida do vestibulando, garante Fernando Elias.

Uma das dicas do especialista é evitar o estresse e ansiedade, pois eles só atrapalham os estudos e a concentração.

Para isso, vale deixar um horário livre na semana para se divertir e encontrar os amigos.

A alimentação também conta na hora de se preparar para o vestibular.

É recomendado que os vestibulandos evitem gorduras e estimulantes como cafeína na hora de estudar.

O ideal é ter uma alimentação balanceada, com frutas, legumes e verduras, o que fará com que o corpo fique mais disposto e alerta e, consequentemente, mais preparado para os estudos.

Não dá para negar que os vestibulandos sofrem muita pressão de amigos e, principalmente, dos pais.

Para o especialista, não há como acabar com a pressão familiar, porém, ela pode ser administrada.

Fernando Elias diz que é necessário que o vestibulando conte para a sua família quais são seus planos e seus objetivos. Isso ajuda a evitar cobranças desnecessárias que podem atrapalhar os estudos.

É bom lembrar que a vida, mesmo a do vestibulando, não pode ser feita apenas de livros, exercícios e estudos.

É necessário equilibrar o tempo de dedicação ao vestibular com a vida social.

O psicólogo defende uma política de "não abandono da vida social" e diz acreditar que esta relação com o mundo, de maneira equilibrada, pode ser boa para que o vestibulando também tenho momentos de relaxamento.

E, finalmente, uma última etapa que deve ser levada em conta quando o grande dia estiver chegando: o descanso!

Isso mesmo! Apesar de ser importante manter a assiduidade nos estudos, na véspera de prova o especialista garante que é melhor descansar do que se matar de estudar para memorizar tudo.

Fernando Elias diz que a ansiedade e a emoção podem atrapalhar muito na hora da prova, por isso, deixe livre as últimas horas antes do vestibular e procure fazer algo que ajude a desestressar.

Com esses passos, a sua vaga estará garantida. Boa sorte!


Fonte: Com Informações Do R7